Neandertais e humanos podem ter “trocado ideias”

Thomas Higham / BBC

-

Humanos modernos e Neandertais coexistiram na Europa por um período dez vezes mais longo do que se pensava anteriormente, segundo um novo estudo.

O processo mais completo já feito de datação de ossos e ferramentas Neandertais indica que as duas espécies viveram lado a lado por cinco mil anos.

De acordo com os investigadores, os novos resultados indicam que os dois grupos podem mesmo ter trocado ideias e hábitos culturais.

O estudo foi publicado na revista Nature.

Até agora, restos de Neandertais foram datados por diversos laboratórios, mas muitos resultados foram considerados pouco fiáveis.

Agora, uma equipa internacional de cientistas recolheu mais de 400 amostras dos espaços europeus arqueológicos mais importantes. As amostras foram purificadas e analisadas na Universidade de Oxford, usando sofisticados métodos de datação.

Convivência

De acordo com o professor Thomas Higham, da Universidade de Oxford, os resultados mostram a melhor compreensão que já se obteve sobre a interação entre nossos ancestrais e os Neandertais, sobre quando eles se encontraram pela primeira vez e sobre o porquê da extinção Neandertal.

“Acho que podemos deixar de lado a ideia da extinção rápida dos Neandertais ter sido causada apenas pela chegada dos humanos modernos. Em vez disso, vemos um processo mais complexo no qual há uma sobreposição mais prolongada das duas populações, na qual pode ter havido troca de ideias e de cultura.”

Algumas datações anteriores indicavam que os humanos modernos e os Neandertais coexistiram na Europa apenas por 500 anos.

Tais descobertas alimentaram a especulação de que os nossos ancestrais podem ter massacrado os Neandertais ou ter-lhes transmitido doenças para as quais tinham pouca ou nenhuma resistência.

As novas datações, no entanto, indicam que as duas espécies conviveram na Europa durante até 5 mil anos. Isso suporta a visão de alguns arqueólogos que indicam que os avanços tardios nas técnicas Neandertais de confecção de ferramentas de pedra e no uso de jóias foram copiados dos humanos.

Thomas Higham / BBC

Imagem: Pé de Neandertal. Análises de restos de um Neandertal ajudaram a refinar a data da extinção da espécie.

Imagem: Pé de Neandertal. Análises de restos de um Neandertal ajudaram a refinar a data da extinção da espécie.

O estudo indica que os Neandertais foram extintos na Europa entre 41 mil e 39 mil anos atrás – 10 mil anos antes do que se considerava anteriormente. Este é o dado mais preciso obtido até agora sobre a extinção da espécie e coincide com o início de um período muito frio na Europa.

As novas datações indicam igualmente que os humanos modernos chegaram à Europa muitos milhares de anos antes do que se pensava, possivelmente por volta de 45 mil anos atrás.

Extinção gradual

Há provas arqueológicas e genéticas de que quando os humanos modernos chegaram à Europa vindos de África, os Neandertais já estavam em declínio. Estudos anteriores mostraram que o número de Neandertais tinha reduzido e os restantes já começavam a procriar com os seus próprios parentes.

As datações mais recentes parecem revelar que a chegada dos humanos modernos aumentou os problemas dos Neandertais, de acordo com o professor Chris Stringer, do Museu de História Natural em Londres.

“Caçavam os mesmos animais, recolhiam as mesmas plantas e queriam morar nas melhores cavernas. Dessa forma, uma competição económica estava prestes a acontecer”, afirmou.

“Mas não foi uma extinção instantânea. Os Neandertais não foram caçados e mortos por humanos modernos ou dizimados por doenças que os outros podem ter trazido consigo. Foi um processo mais gradual.”

O número de Neandertais caiu durante milhares de anos enquanto, ao mesmo tempo, a quantidade de humanos modernos aumentava.

O período gelado há 40 anos mil pode ter sido o fator que levou por fim a população já enfraquecida à extinção.

ZAP / BBC

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Estes “cientistas” sao mesmo burros intelectuais.

    Eles nao se extinguiram mas misturaram-se com os outros, numa pequena porporção.

  2. Título imbecil, que sugere que os Neandertais não eram humanos. Enfim, as redes sociais, bem como esta espécie de “fast media” aos poucos está a modificar as mentes menos esclarecidas, embora acredite que não seja de forma consciente, mas apenas porque a falta de rigor assim o permite.

RESPONDER

Rui Rio vence segunda volta. Líder reeleito quer "estabilidade, lealdade e unidade"

O presidente social-democrata, Rui Rio, afirmou hoje que espera poder “trabalhar com estabilidade e lealdade”, recusou que o PSD esteja “partido” e vincou estar “a iniciar o momento para marcar a unidade” no partido. O líder …

Gatos não se importam de comer pessoas mortas (e há um estudo que mostra como o fazem)

Uma nova investigação analisou como é que dois gatos selvagens se alimentaram de cadáveres humanos. Os animais mostraram preferência por corpos específicos ao longo de vários dias. No Forensic Investigation Research Station, no estado norte-americano do …

"Árvores dinossauro". Bombeiros australianos conseguiram salvar floresta pré-histórica

Os bombeiros australianos conseguiram salvar dos incêndios uma floresta com árvores pré-históricas localizada no sudeste do país, anunciou o Governo. Em causa estão árvores da espécie Wollemia nobilis, vulgarmente conhecidas como Pinheiro de Wollemi, que se …

Príncipe Harry e Meghan renunciam aos títulos da realeza

O Palácio de Buckingham anunciou, este sábado, um acordo em que o príncipe Harry e a sua mulher renunciaram aos respetivos títulos, abandonando os deveres enquanto membros seniores da família real do Reino Unido e …

Polaris Slingshot chega ao mercado com um sistema de transmissão inovador

A nova versão do Polaris Slingshot vem equipado com um sistema de transmissão que mescla a condução do manual com o conforto do automático. Para quem não conhece o Polaris Slingshot, apresentado pela primeira vez em …

Turistas estão a invadir Hallstatt, a aldeia austríaca que terá inspirado "Frozen"

Considerado Património Mundial pela UNESCO desde 1997, Hallstatt, na Áustria, possui apenas 778 moradores e tem uma sequência de casas em estilo alpino. Em 2010, antes do lançamento do primeiro filme da Disney, "Frozen", a cidade …

Teerão vai enviar caixa negra do avião abatido para a Ucrânia

O Irão vai enviar para a Ucrânia as gravações da caixa negra do avião ucraniano que abateu acidentalmente, na semana passada, para que sejam sujeitas a análises adicionais. Hassan Rezaeifer, chefe de investigações de acidentes do …

António Folha já não é treinador do Portimonense

O treinador apresentou a demissão do comando técnico do Portimonense, este sábado, depois de perder na deslocação ao lanterna-vermelha Desportivo das Aves, por 3-0. "Antes de me fazerem qualquer pergunta sobre o jogo, queria transmitir que …

Há pombos cowboys em Las Vegas (e voluntários estão a tentar salvá-los)

Por alguma razão, alguém decidiu colar chapéus vermelhos minúsculos de cowboy em pombos de Las Vegas, nos Estados Unidos. Agora, a equipa do Lofty Hopes Pigeon Rescue está a tentar salvá-los. Há uma missão para resgatar …

Youtube encaminha milhões de utilizadores para desinformação climática

Os algoritmos do YouTube estão a encaminhar milhões de utilizadores de vídeos de empresas para a desinformação sobre as alterações climáticas, através de serviços de publicidade online, de acordo com uma investigação da comunidade virtual …