Cientistas nazis criaram um pesticida alternativo ao DDT (que até era melhor)

Cientistas nazis criaram uma alternativa ao inseticida DDT, que alegadamente seria menos tóxica para os mamíferos e de ação mais rápida. A sua produção viria a terminar abruptamente por intervenção das forças Aliadas.

O DDT é o primeiro pesticida moderno, que foi largamente usado durante e após a 2ª Guerra Mundial para o combate aos mosquitos transmissores de doenças como a malária e a dengue. Num novo estudo, investigadores descobrem a “história alarmante” de uma alternativa (chamada DFDT) criada por cientistas nazis.

“Começamos a estudar o crescimento de cristais num inseticida pouco conhecido e revelamos a sua história surpreendente, incluindo o impacto da 2ª Guerra Mundial na escolha do DDT — e não do DFDT — como inseticida primário no século XX”, escreveu Bart Kahr, um dos autores do estudo publicado na semana passada na revista no Journal of the American Chemical Society.

Segundo o Futurity, apesar da sua eficácia, o DDT é conhecido pelo seu efeito imensamente prejudicial ao meio ambiente e à vida selvagem. Através da análise de documentos históricos, os investigadores descobriram que este inseticida tinha um antecedente nazi: o DFDT.

O inseticida foi usado pelo exército nazi para controlo da população de insetos na União Soviética e no norte de África. Por outro lado, o DDT foi usado pelo exército norte-americano na Europa e no Pacífico Sul.

Contudo, como explica o Phys, a produção do DFDT terminou abruptamente após o fim da 2ª Guerra Mundial. Isto porque os Aliados desacreditaram os estudos dos alemães nazis que alegavam que o seu inseticida era mais eficiente e menos tóxico para os animais.

Quando em 1948 Paul Müller venceu o prémio Nobel da Química pela descoberta da utilidade do DDT como inseticida, o suíço disse que o DFDT seria o inseticida do futuro por ser mais rápido. Mesmo assim, a alternativa nazi caiu no esquecimento.

“Ficamos surpreendidos ao descobrir que, no início, o DDT tinha um concorrente que perdeu a corrida por causa de circunstâncias geopolíticas e económicas, sem mencionar a sua conexão com as forças armadas alemãs, e não necessariamente por causa de considerações científicas. Um inseticida mais rápido e menos persistente, como o DFDT, poderia ter mudado o curso do século XX”, escreveu Kahr.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Eram tão desacreditados e incompetentes que foram levados às escondidas para os EUA para trabalhar e fundar empresas, tais como a NASA (Op.Paperclip)… Tudo fachada, nos bastidores são os melhores amigos.
    A verdadeira história do mundo (ainda…)não está escrita nos livros da escola .

      • A menina leu bem a notícia? Sempre a maldizer tudo e todos com a sua arrogância…
        “Isto porque os Aliados desacreditaram os estudos dos alemães nazis que alegavam que o seu inseticida era mais eficiente e menos tóxico para os animais.”

        • A menina?!
          Hahahaaa….
          Continuas muito perspicaz!…
          .
          Mais uma vez, quem era/foi “desacreditados e incompetentes”?!
          Ler tudo e respirar fundo, ajuda…
          “Quando em 1948 Paul Müller venceu o prémio Nobel da Química pela descoberta da utilidade do DDT como inseticida, o suíço disse que o DFDT seria o inseticida do futuro por ser mais rápido.”
          “Ficamos surpreendidos ao descobrir que, no início, o DDT tinha um concorrente que perdeu a corrida por causa de circunstâncias geopolíticas e económicas…”
          Ora lê lá outra vez: “circunstâncias geopolíticas e económicas” – que NADA tem a ver com descrédito ou incompetência!!
          .
          A NASA não é uma empresa; é uma agência do governo federal americano!
          Ah, claro; a “verdadeira história do mundo”…
          Esse paleio tipo Testemunhas de Jeová, às vezes tem piada, mas tudo que é demais…

RESPONDER

John Cleese esgota três coliseus em 48 horas

John Cleese vai estar no Coliseu de Lisboa com “Last Time To See Me Before I Die” durante três dias. O humorista britânico esgotou as três datas em apenas 48 horas. Durante esta madrugada (10), a …

Descoberta no Egito múmia de grande animal semelhante a um leão

O Ministério das Antiguidades egípcio anunciou esta segunda-feira que uma equipa de arqueólogos desenterrou uma múmia de um grande animal incomum, semelhante a um leão ou uma leoa. “É um animal muito estranho, como um gato …

Ex-agentes da DEA revelam detalhes da vida de Escobar na prisão que o próprio construiu

Dois dos agentes do DEA, que durante mais de um ano participaram na operação de captura de Pablo Escobar, revelaram alguns detalhes sobre a vida do narcotraficante e ex-líder do cartel de Medellín na prisão La …

Num jardim zoológico da Austrália, há concertos ao vivo (para entreter os elefantes)

https://vimeo.com/372400002 O jardim zoológico de Melbourne está a desenvolver um programa mundial de músicos para tocar para a sua multigeracional manada de elefantes asiáticos em perigo de extinção para que melhore a ligação entre os seis …

Montijo: ANA pede mais tempo para analisar medidas de mitigação ambiental

A ANA – Aeroportos de Portugal pediu à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) uma prorrogação do prazo para analisar as medidas de mitigação propostas pela entidade na Declaração de Impacte Ambiental (DIA) do futuro aeroporto …

Sérgio Conceição ultrapassa número de jogos de José Mourinho

No jogo deste domingo, que o FC Porto acabou por vencer o Boavista com um golo solitário de Alex Telles, Sérgio Conceição cumpriu o seu 128.º jogo como treinador dos dragões - mais uma partida …

Governo australiano acusado de censurar livro sobre história de Timor-Leste

O Ministério dos Negócios Estrangeiros australiano está alegadamente a tentar censurar partes do primeiro de dois volumes da história de operações militares em Timor-Leste, o dedicado à Força Internacional para Timor-Leste (Interfet), segundo revelou a imprensa …

Norte-americanos acordaram com mensagens de texto estranhas nos seus telemóveis

Na passada quinta-feira, uma grande parte da população norte-americana recebeu mensagens estranhas e inexplicáveis, muitas das quais desconfortáveis e até preocupantes. Stephanie Bovee, uma norte-americana de 28 anos de Portland, no oeste dos Estados Unidos, acordou …

Pai que fugiu por 15 países com os dois filhos no ano passado encontrado pela PSP

O pai mudou 15 vezes de país com as crianças desde o verão passado sempre sem o consentimento da mãe e sem que a mãe tivesse qualquer notícia do paradeiro dos filhos, revela a PSP. A …

Daesh está a tentar criar um novo Estado islâmico nas Filipinas

Há dois anos que a bandeira negra do Daesh deixou de esvoaçar no topo de um edifício da cidade de Marawi, em Mindanau, no sul das Filipinas, e o Presidente, Rodrigo Duterte, declarou tê-lo derrotado. …