NASA quer criar um campo magnético gigante para tornar Marte habitável

NASA Goddard Space Flight Centre

Conceito artístico do escudo magnético gigante na atmosfera de Marte (à direita)

Os cientistas da NASA têm um plano arrojado para fazer com que Marte seja habitável para os seres humanos. A ideia é lançar um gigantesco escudo magnético para proteger o planeta dos ventos solares, da mesma forma que a magnetosfera da Terra nos protege de várias anomalias do espaço.

Marte pode ser um deserto inóspito, mas já teve uma atmosfera capaz de manter oceanos profundos e um clima agradável, potencialmente habitável.

Os cientistas acreditam que o planeta perdeu a sua habitabilidade há mil milhões de anos, quando o campo magnético entrou em colapso. Desde então, os vento solares arrastam os componentes da atmosfera marciana, como o dióxido de carbono (95%), nitrogénio (2.7%) e argónio (1.6%).

O plano foi apresentado no Planetary Science Vision 2050 Workshop, que ocorreu entre os dias 27 de fevereiro e 1 de março na base da NASA, em Washington, nos EUA.

A agência espacial norte-americana diz que uma magnetosfera artificial poderia proteger o planeta, fazendo com que o ambiente marciano fique mais parecido com o da Terra – e talvez a água na forma líquida possa voltar a existir, em abundância, na superfície do Planeta Vermelho.

“Esta situação elimina qualquer processo de erosão causada pelo vento solar que acontece na atmosfera superior do planeta, permitindo que cresça em pressão e temperatura com o tempo”, explicou o diretor de ciência planetária da NASA, Jim Green.

Nas simulações dos especialistas, se os ventos magnéticos fossem desviados pelo campo magnético, a atmosfera do planeta não iria perder os seus componentes e poderia recuperar metade da pressão atmosfera da Terra em poucos anos.

Com a recuperação da atmosfera, o planeta ficaria em média 4ºC mais quente, o suficiente para derreter o dióxido de carbono congelado na calota polar no norte do planeta.

Assim, esse carbono, livre na atmosfera, poderia ajudar a segurar mais calor à superfície, causando um efeito estufa que derreteria a água congelada de Marte, criando rios e oceanos líquidos no planeta.

“Tal como a Terra, uma atmosfera melhor poderia permitir mais objetos na superfície, proteger contra a radiação da maioria das partículas solares, estender a habilidade de extração de oxigénio e criar um efeito estufa que permite a produção de plantas”, afirmaram os especialistas.

A equipe admite que, por enquanto, o plano é apenas hipotético, mas é uma visão muito interessante do que pode ser possível no futuro. Os cientistas pretendem continuar a estudar as possibilidades para entenderem quanto tempo seria necessário para observar as mudanças.

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. EVIDENTE QUE SÃO OS PRÓPRIOS MARCIANOS QUEM ESTÃO NO CONTROLE DESTE PLANO DA NASA..LEIA-SE NAZISTAS QUE NO CASO CRIARAM A NASA NO FINAL DOS ANOS 40…NAZISTAS QUE TENTARAM FUNDAR O ESTADO MARCIANO NA EUROPA GERMÂNICA NOS ANOS 30 E NAS AMÉRICAS DEPOIS…A SUPERIORIDADE ESPACIAL NAZISTA REVELA UM SUBSOLO MARCIANO..NA HISTORIA DA TERRA E LÁ EM SUBSOLO DE MARTE ONDE ESTÃO E QUE NO CASO PRECISAM DE HUMANOS DA TERRA LÁ..PARA A SEGUNDA FASE NAZISTA..NA TERRA..O NAZISMO ESPACIAL DOMINANDO A TERRA…CLARO QUE ISSO É FOFOCAS DE BASTIDORES ESOTÉRICOS NÃO É MESMO GLOBALISTAS…rsrsrsrs…??..

  2. Não SERIA MAIS SENSATO TENTAR MANTER A HABITABILIDADE DA TERRA que tentar tornar um planeta habitável? isto à coisas que não me entram na cachola. Um plano colossal para tornar um planeta habitável quando com esse dinheiro poderiam reverter o que está a acabar com este (Terra).

    • Foi exatamente esse o meu pensamento enquanto lia a noticia… Acho bastante interessante tudo o que tem sido conseguido e o que ainda está em estudo sobre o tema, mas penso que em primeiro lugar devia estar a estabilização e como bem disse, quem sabe a reversão do que já foi mal feito na terra…
      Enfim, prioridades, vá-se lá perceber porquê.

  3. É interessante como por cá tudo parecem fazer para destruir este belo planeta e gastarem milhões de dólares a procurar inventar qualquer coisa num local inóspito e impossível de viver, estraga-se o bom para recuperar o péssimo!.

  4. Certo… e esse campo magnético certamente que mudaria tanto o campo magnético da Lua como o nosso.
    Isto está tudo interligado.

RESPONDER

A Tesla vai lançar a sua misteriosa pickup “cyberpunk” elétrica ainda este mês

A nova Tesla Cybetruck já tem data de lançamento após um longo tempo de espera. O fundador da empresa, Elon Musk, anunciou que a carrinha "pickup" será revelada no dia 21 de novembro. O anúncio foi …

Asteróide "potencialmente perigoso" aproxima-se da Terra esta quarta-feira

Um asteróide com 147 metros de diâmetro, caracterizado pela NASA como "potencialmente perigoso" vai aproximar-se da Terra esta quarta-feira. Em causa está o corpo rochoso UN12 2019, explica a agência espacial norte-americana, dando conta que o …

Encontrado submarino da II Guerra Mundial que esteve perdido durante 75 anos (devido a um erro de tradução)

Uma equipa de exploradores oceânicos privada encontrou na costa do Japão um submarino do exército norte-americano do tempo da II Guerra Mundial, que estava desaparecido há 75 anos por causa de um erro num dígito …

Uma casa esteve a afundar-se no Tamisa para alertar para a subida do nível dos oceanos

No passado domingo, quem passou junto ao rio Tamisa, em Londres, não deverá ter ficado indiferente à típica casa dos subúrbios ingleses que se afundava perto da Tower Bridge. Felizmente, de acordo com a agência Reuters, …

A defesa de Lage é a melhor do Benfica em quase 30 anos

A defesa de Bruno Lage leva apenas quatro golos sofridos em 11 jornadas, o que faz dela a melhor defesa do campeonato e a melhor do Benfica desde a temporada de 1990/1991, escreve o jornal …

OE2020. “Não vamos para negociar”, esclarece Jerónimo de Sousa

O PCP vai reunir esta quarta-feira com o Governo com vista ao Orçamento de Estado para 2020. Jerónimo de Sousa esclareceu esta terça-feira que os comunistas não vão para negociar, sendo "manifestamente exagerado dizer que …

Benjamin "morreu" enquanto cumpria pena de prisão perpétua. Agora está vivo e quer a liberdade

Um norte-americano, de 66 anos, que cumpre pena de prisão perpétua por ter espancado um homem até à morte em 1996, pretendia ser libertado, uma vez que o seu coração parou por breves instantes. Em 1996, …

“Máfia do Sangue”. Ministério Público deixa Octapharma fora da acusação

O Ministério Público (MP) deixou a farmacêutica Octapharma fora da acusação da operação "O Negativo" por considerar que o ex-administrador Lalanda e Castro montou um esquema de corrupção para a venda de plasma ao Serviço …

Rio Nilo tem 30 milhões de anos. É seis vezes mais antigo do que se pensava

Um grupo de cientistas estudou diferentes sedimentos do rio, incluindo as rochas vulcânicas da região planáltica da Etiópia, e fez simulações computacionais para traçar a vida do rio até ao passado mais longínquo, contabilizou agora …

Von der Leyen volta a escrever a Boris. Londres deve indicar candidato a comissário o quanto antes

O Reino Unido ainda não designou um candidato a comissário europeu, pelo que a presidente eleita da Comissão Europeia voltou a escrever ao primeiro-ministro britânico, instando-o a indicar um nome até ao final da semana. Até …