NASA espera lançar telescópio sucessor do Hubble até finais de 2018

A NASA espera poder lançar para o espaço até ao final de 2018 o telescópio que vai suceder ao Hubble na observação do Universo quando estava no início da sua formação.

O novo instrumento de observação chama-se James Webb Space Telescope (JWST) e tem como responsável científico Pierre Ferruit, da Agência Espacial Europeia (ESA). O projeto tem também a participação da NASA e da Agência Espacial do Canadá.

Ferruit disse, durante a sua intervenção no segundo dia da reunião científica da Sociedade Espanhola de Astronomia (SEA) que se realiza em Bilbao, que o lançamento do engenho, com um espelho primário de 6,5 metros de diâmetro, vai tornar-se no maior telescópio espacial da História.

Esta grande dimensão e a excelente visão no campo dos infravermelhos vai permitir ao telescópio JWST estudar a formação das primeiras galáxias quando o universo era ainda jovem, com apenas algumas centenas de milhões de anos – atualmente tem 13.700 milhões de anos -, indicou a SEA num comunicado.

O JWST também vai poder estudar as atmosferas de exoplanetas – planetas situados fora do sistema solar – à procura de moléculas chave para a vida, como a água, o metano e o dióxido de carbono.

“O mais emocionante é que a sensibilidade do JWST, em comparação com os telescópios atuais, será tão elevada que de certeza que vamos descobrir coisas que nem nós esperamos“, explicou Pierre Ferruit.

O telescópio é batizado em honra a James E. Webb, o segundo administrador da NASA (entre 1961 e 1968), que teve um papel crucial no programa Apollo – que levou astronautas à Lua em 1969 – e em colocar a investigação científica no centro da atividade da agência.

Missão europeia

Ainda que o projeto seja liderado pela NASA, a Europa – através da ESA – tem também um papel destacado na missão, recordou Ferruit.

Exemplo desse papel é que o novo telescópio vai ser lançado num foguete Ariane europeu, e outros institutos de investigação e empresas europeias desenvolveram alguns dos instrumentos a bordo.

Em contrapartida, os cientistas europeus garantiram 15% do tempo de observação do JWST assim que esteja operacional.

Espanha também participa no projeto em dois dos quatro instrumentos científicos com que o JWST conta: o espectógrafo de infravermelhos próximos ou NIRSpec e o instrumento de infravermelhos médios, MIRI.

No que diz respeito ao NIRSpec, Espanha faz parte da equipa científica que monitoriza tanto o desenvolvimento do instrumento como as observações que vai levar a cabo, centradas principalmente nas galáxias primordiais do universo.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Bolsonaro diz que vacina será gratuita mas não obrigatória

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse esta segunda-feira que a vacina contra a Covid-19 será gratuita mas não será obrigatória para a população do país, o segundo com mais mortes no mundo devido à …

Estudantes indicaram professor que foi decapitado a jihadista (em troca de dinheiro)

Investigadores acreditam que vários estudantes indicaram por dinheiro quem era o professor Samuel Paty ao jihadista que o decapitou na sexta-feira ao lado da escola onde trabalhava na região de Paris. O ministro da Educação, Jean-Michel …

Portugal regista mais 15 óbitos, 1.876 novos casos e 1.932 recuperados

Portugal contabiliza esta terça-feira mais 15 mortos relacionados com a covid-19 e 1.876 casos confirmados de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim, …

Há ratos e répteis no Centro Hospitalar de Viseu. Ala psiquiátrica está em "péssimas condições"

O alerta partiu do bastonário da Ordem dos Médicos que denunciou a "péssima condição" a que os utentes estão sujeitos. Miguel Guimarães desafiou esta segunda-feira a ministra da Saúde a visitar o departamento de Psiquiatria do …

Portugal é pouco poupador, tem condições de trabalho precárias e pouca escolaridade

Portugal é um país envelhecido, com idosos a viverem sozinhos, pouco poupador e onde o trabalho é precário, os patrões e empregados têm baixa escolaridade e há poucas mulheres na polícia, revela uma publicação da …

País em duodécimos seria uma "irresponsabilidade". Bloco acusa Governo de chantagem “inaceitável”

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, falou, em entrevista à Rádio Observador, sobre as negociações com o Governo para a aprovação do Orçamento de Estado para 2021. Em entrevista à Rádio Observador, a coordenadora …

Não se sabe como foram infetadas 41% das pessoas em Portugal. Novo confinamento é "para evitar"

De acordo com a Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, neste momento não se sabe como foram infetados 41% dos doentes, sendo apenas possível "identificar um contacto com alguém que tivesse sintomas de covid-19 ou que …

Chega acusa PSD de covardia por recusar proposta de revisão constitucional

O PSD vai chumbar a proposta de revisão constitucional do Chega. Em reação, André Ventura acusou os sociais-democratas de ter uma "atitude covarde". Em declarações ao jornal Público, o líder da bancada social-democrata, Adão Silva, disse …

Impedida de participar, Rússia terá planeado ciberataque aos Jogos Olímpicos de 2020

Uma investigação conjunta do Centro Nacional de Cibersegurança do Reino Unido e agências norte-americanas concluiu que os serviços militares russos estavam a planear um ciberataque em grande escala aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos que iam …

Bazuca europeia "não é suficiente". Economista francês defende rendimento mínimo de 120 mil euros para jovens

O economista francês Thomas Piketty considera que a "bazuca" da União Europeia (UE) "não é suficiente" para recuperar da crise pandémica, sobretudo para reduzir as desigualdades económicas. Nesse sentido, defende impostos mais elevados sobre os …