“O Mundial tem de voltar a casa”: Portugal e Espanha têm concorrência para 2030

5

No mesmo dia da divulgação de detalhes da candidatura ibérica, foi anunciada uma futura candidatura na América do Sul.

Portugal e Espanha são candidatos, em conjunto, a receber a fase final do Mundial 2030 e foram divulgados alguns detalhes do plano ibérico, nesta quinta-feira.

Um programa da rádio Cadena SER lançou as novidades, centrada na distribuição dos estádios que vão receber os jogos.

Portugal e Espanha vão apresentar na FIFA uma lista de 14 estádios. A grande maioria situada em Espanha: 11, sobrando três recintos para Portugal.

Recorde-se que o Mundial 2030 vai contar com 48 seleções, se nada for alterado até lá. Mais equipas, mais jogos, mais estádios.

Se esta estratégia se confirmar, Portugal não vai receber, nem o jogo de abertura, nem a final – esses dois jogos vão ser realizados num estádio que receba, no mínimo, 80 mil pessoas. Nenhum estádio português tem essa capacidade.

Só o Estádio da Luz poderá receber uma das meias-finais, que terão no mínimo 60 mil adeptos nas bancadas. Os restantes encontros “cabem” no Dragão e em Alvalade (mínimo de 40 mil pessoas).

Poucas horas depois desta divulgação, surge um anúncio (semi-oficial) de outra candidatura para esse torneio: Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai.

Foi Alejandro Domínguez, presidente da CONMEBOL (federação da América do Sul), que mostrou imagens da comitiva que está a preparar o plano sul-americano.

“Ao completar 100 anos, o Mundial tem de regressar à sua casa original, a América do Sul”, escreveu o dirigente, referindo-se ao Mundial 1930, o primeiro Mundial de futebol, que decorreu no Uruguai.

  Nuno Teixeira da Silva, ZAP //

5 Comments

    • Nem mais. Espero que não ganhem a candidatura. Já a gora alguém sabe se os estádios do Euro 2004 estão todos ativos? Ou houve lobby do cimento para serem contruídos e lucrarem com isso?

      • Se calhar se ganharmos a candidatura teremos retorno, não? Ou preferem continuar a apregoar eternamente que os estádios estão às moscas? Muito gostam de sofrer e fazerem-se de vitimas os portugueses.

        Vamos aproveitar as estruturas e os visitantes

        • Vamos aproveitar as estruturas ahahahahaha exacto!!! foi mesmo o que aconteceu e que acontece frequentemente – Aveiro, Leiria, Algarve, Braga Coimbra

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.