“Na hora de escolher”, mosca da fruta prefere acasalar a dormir

Um estudo da Universidade do Minho concluiu que a mosca da fruta “na hora de escolher” prefere acasalar a dormir, salientando que aquele animal tem sido importante para perceber o funcionamento básico do cérebro humano.

A investigação do cientista do Instituto de Investigação em Ciências da Vida e Saúde (ICVS) Daniel Machado identificou “um circuito neuronal” que “intensifica a vontade de acasalamento, secundarizando uma das principais necessidades vitais, dormir”.

Segundo a investigação, desenvolvida em parceria com a Universidade Thomas Jefferson, nos Estados Unidos, “as principais características do sono também estão conservadas neste animal”, a Drosophila melanogaster, que, segundo a Universidade do Minho “tem sido um importante modelo para perceber o funcionamento básico do cérebro humano“.

Num comunicado enviado à Lusa, a academia minhota explica que “o sono é incompatível com qualquer outro comportamento, podendo ser modulado por diferentes estados motivacionais, quer por necessidade vital, como comer, quer por interesse pessoal, como ir ao cinema”.

Perante aqueles dilemas, explana, “cabe ao cérebro coordenar o conflito entre a vontade de dormir e outros comportamentos essenciais ou relevantes”.

Na sua investigação, Daniel Machado focou-se no “conflito” entre o sono e o acasalamento em moscas-da-fruta, algo que também pode ser observado em seres humanos. O trabalho mostra pela primeira vez que o cérebro da mosca macho ativa “amplificadores” neuronais que priorizam o acasalamento.

“Os circuitos cerebrais que coordenam o seu comportamento sexual despertam neurónios que intensificam a importância de acasalar. Este reforço do sinal sexual permite a supressão momentânea da necessidade de dormir, mantendo o macho desperto para cortejar a fêmea”, esclarece o investigador.

Desta descoberta “surgiu um modelo inovador que se baseia na amplificação de estímulos para “ajudar” o animal a decidir em situações de conflito entre motivações incompatíveis”.

A instituição refere que estas conclusões podem “contribuir para conceber terapias capazes de atenuar doenças em que diferentes estados motivacionais podem estar descoordenados, como dependência a drogas ou álcool, ansiedade, depressão e distúrbios do sono”.

A descoberta pode ainda “simplesmente ajudar a perceber o que motiva as pessoas a abdicarem de dormir a favor de outras atividades”.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Os números falam por si". Fauci critica reação dos Estados Unidos à pandemia e politização das máscaras

O principal epidemiologista norte-americano, Anthony Fauci, criticou a política errática do Governo do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em relação à covid-19, e lamentou o escasso uso de máscaras devido a motivações políticas. Durante uma …

Turistas podem circular entre concelhos apesar das restrições

Apenas os turistas estão autorizados a circular entre concelhos, apesar das restrições que vigoram entre 30 de outubro e 3 de novembro, indicou a AHRESP, citando um esclarecimento do Executivo. Segundo o esclarecimento enviado pelo gabinete …

É preciso esforço grande agora para salvar o Natal, alerta Santos Silva

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, disse esta quarta-feira ser necessário “um esforço muito grande” para travar a propagação do coronavírus ” para salvar o Natal” das famílias dos cerca de 5 milhões …

"É uma treta". Ronaldo publica (e depois apaga) crítica a teste à covid-19

O futebolista Cristiano Ronaldo, capitão da seleção portuguesa, modificou a publicação efetuada esta quinta-feira no Instagram, tendo retirado a frase “PCR é uma treta”, em referência ao teste de despiste à presença do novo coronavírus. Um …

PSD confiante em geringonça, mas Ventura lembra que não tem "duas caras". Carlos César quer PS no poder

Com a solução governativa dos Açores em aberto, André Ventura já disse que está fora de questão integrar uma geringonça com "partidos do sistema", mas admite viabilizar um Governo do PSD na região com algumas …

Lage rasga elogios a João Félix. "Vai ser uma das referências do futebol europeu e mundial"

O antigo técnico do Benfica Bruno Lage teceu rasgados elogios ao internacional português João Félix, que esta terça-feira somou dois golos e fez uma boa exibição no jogo do Atlético de Madrid frente ao RB …

"Sentimo-nos em Itália". Médicos do Tâmega e Sousa contradizem hospital e reiteram situação de rutura

Médicos do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) ouvidos pelo semanário Expresso reiteram que os hospitais que integram o centro, o de Penafiel e o de Amarante, se encontram perto da rutura, contradizendo a …

Vieira reeleito em votação histórica para o sexto (e último) mandato

O presidente do Benfica esta quarta-feira eleito para um sexto mandato, manifestou "orgulho" por vencer o ato eleitoral mais concorrido da história do clube e apelou a que os benfiquistas "respeitem os resultados" do escrutínio. "Vencer …

Bélgica anuncia confinamento parcial. Ministro visita hospital e mostra-se "chocado" com o que viu

O chefe do governo federal na Bélgica anunciou ontem novas medidas de confinamento que entraram em vigor à meia-noite em todo o território. Em causa está uma crescente preocupação com o aumento de infetados que, …

O caso mais antigo de osteopetrose foi descoberto no esqueleto de um homem da Idade do Ferro

Uma equipa de cientistas alemães descobriu o caso mais antigo conhecido de osteopetrose, ou doença dos "ossos da pedra", nos restos mortais de um homem de 20 anos da Idade do Ferro. A osteopetrose é uma …