Morreu Marieke Vervoort, a campeã paralímpica belga que recorreu à eutanásia

Al Tielemans / EPA

Morreu Marieke Vervoort, de 40 anos, que sofria de uma doença muscular degenerativa sem cura. Decidiu pôr termo à vida com recurso à morte assistida.

A belga era campeã paralímpica com conquistas de medalhas de ouro e prata nos Jogos Paralímpicos de Londres em 2012 e do Rio de Janeiro em 2016, a correr em cadeira de rodas.

Marieke Vervoort já tinha assinado os papéis que autorizavam um médico a pôr-lhe termo à vida. A desportista sofria de doença muscular degenerativa sem cura e que lhe causava dores permanentes, convulsões e paralisia da pernas.

De acordo com a BBC, a decisão de Marieke Vervoort foi pensada e tratada antes dos Jogos Paralímpicos de Londres e Rio de Janeiro. Em 2008, a antiga atleta tratou da documentação para ter uma morte assistida quando as dores fossem insuportáveis.

A BBC recorda declarações de Marieke Vervoort em 2016, quando admitiu que tinha ataques epiléticos, com muitas dores. “Preciso de muitos analgésicos, valium e morfina”, confessou. “É um sossego. Sei que, quando não aguentar mais, tenho esses papéis”, contou à emissora britânica.

“Muitas pessoas perguntam-me como é possível ter tão bons resultados e ainda sorrir com tanta dor e medicação que me devoram os músculos. Para mim, o desporto e a corrida em cadeira de rodas é uma espécie de medicação“, disse.

Em 2017, a atleta admitiu que a dor da sua condição estava a tornar-se insuportável. Na terça-feira, Marieke Vervoort decidiu seguir o caminho de morte assistida permitida na legislação da Bélgica.

A sua decisão reacendeu o debate sobre suicídio assistido, prática que é legalizada na Bélgica desde 2012, para todos que exibem uma condição incurável, dor intolerável, capacidade racional de tomada de decisão e o consentimento de dois médicos.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Paz à alma desta grande lutadora que lutou até ser possível e que conseguiu deixar o seu corpo fisico que tanto a atormentava quando quis. Foi- lhe dado esse direito ,direito que deveria ser dado a todos . Somos humanos o suficiente para abater um animal que está em sofrimento e sem salvação. Porque não ter a mesma humanidade com os da nossa propria espécie ?!

RESPONDER

UE reduz lista de países para reabrir fronteiras e mantém EUA e Brasil de fora

Os Estados-membros da União Europeia (UE) atualizaram, esta quinta-feira, a lista de países aos quais reabrem as fronteiras externas, mantendo de fora os Estados Unidos e o Brasil. "Na sequência da primeira revisão ao abrigo da …

24 horas depois, estátua de manifestante antirracismo em Bristol foi removida

A estátua de uma manifestante do movimento Black Lives Matter, erguida, esta quarta-feira, na cidade de Bristol, no Reino Unido, já foi removida. De acordo com o jornal The Guardian, 24 horas depois de ter sido …

Advogados continuam luta para manter declarações fiscais de Trump em segredo

Depois de o Supremo Tribunal ter determinado que os procuradores nova-iorquinos podem ter acesso às declarações de impostos do Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, os seus advogados informaram na quarta-feira que estavam a considerar …

EUA negam vistos a funcionários da Huawei que apoiem "violadores de direitos humanos"

Esta quarta-feira, o Governo norte-americano que vai impor restrições nos vistos a funcionários da Huawei e a outras empresas que os Estados Unidos vejam como apoiantes de Governos violadores de direitos humanos. Além das restrições, o …

Ventilador produzido em Portugal recebe autorização de utilização do Infarmed

O ventilador Atena, produzido em Portugal, recebeu, na terça-feira, a autorização do Infarmed para o seu uso em contexto hospitalar na luta contra a covid-19. Esta quarta-feira, numa publicação na sua página de Facebook, o CEiiA …

American Airlines avisa 25 mil trabalhadores que podem perder emprego

Os dirigentes da American Airlines escreveram a cerca de 25 mil trabalhadores da transportadora aérea para lhes comunicar que o seu emprego pode desaparecer em outubro. Os dirigentes das Companhias de aviação dos Estados Unidos admitiram …

Trump substitui diretor de campanha a menos de quatro meses das eleições

O Presidente dos Estados Unidos substituiu, esta quarta-feira, o seu diretor de campanha, perante os maus resultados nas sondagens, a menos de quatro meses das eleições. "Tenho o prazer de anunciar que Bill Stepien foi promovido …

Bristol acordou com uma nova estátua. Manifestante antirracismo substitui comerciante de escravos

Bristol acordou com uma nova estátua. Um artista britânico ergueu uma estátua de uma manifestante do movimento ‘Black Lives Matter’ no topo do pedestal na cidade inglesa antes ocupado pela estátua de um comerciante de …

Enfermeira norte-americana matou sete doentes num hospital de veteranos com injeções de insulina

Uma enfermeira num hospital de veteranos norte-americanos matou deliberadamente pelo menos sete doentes com injeções de insulina. A mulher, que admitiu o crime, deverá ser condenada a sete penas de prisão perpétua, mais 20 anos …

PSP pôs fim à festa do título na Avenida dos Aliados. Um polícia ficou ferido

Na parte final dos festejos portistas, já durante a madrugada, nos Aliados, o Corpo de Intervenção da PSP do Porto foi obrigada a intervir contra um grupo de adeptos. Ninguém foi detido, mas um agente …