Mistério de sinais bizarros que chegam à Terra solucionado 50 anos depois

SRI / wikimedia

-

De vez em quando, os cientistas detetam sinais misteriosos que chegam à Terra, sem conseguir identificar a sua fonte. Agora, investigadores finalmente resolveram um desses mistérios: um sinal bizarro identificado há 50 anos.

Um novo estudo publicado na Geophysical Research Letters reivindica ter solucionado o enigma dos chamados “ecos de 150 quilómetros”.

Todos os dias, ao amanhecer e entardecer, o fenómeno surge: sinais de radar inicialmente enviados para o espaço por cientistas refletem de volta para o chão, como ecos.

Durante o nascer do sol, algo a uma altura de 150 quilómetros age como um espelho para estes sinais. Já ao meio-dia, o espelho “baixa-se” a uma altura de 20 a 30 quilómetros. O espelho sobe novamente com o pôr do sol, onde desaparece na noite.

As sondas enviadas para a atmosfera durante o nascer e o pôr do sol não conseguiram identificar qualquer fonte potencial para tal efeito de reflexão.

Espelho de iões

Investigadores da Universidade de Boston, nos EUA, liderados pelo astrónomo Meers Oppenheim, decidiram tentar identificar este espelho de uma vez por todas.

Os cientistas observaram que a fonte dos ecos se tornava mais poderosa durante as explosões solares e consideravelmente mais fraca durante os eclipses, e notaram ainda que o aumento da profundidade do sinal durante o dia combinava com o ângulo da radiação solar.

Estas provas circunstanciais pareciam apontar para a nossa estrela mãe como a culpada, mas era improvável que o sinal fosse proveniente do próprio sol.

Oppenheim and Dimant / Jorge Chau / GRL

Os ecos, acompanhados ao longo do dia, em altitudes variadas

Os ecos, acompanhados ao longo do dia, em altitudes variadas

A luz ultravioleta do sol arranca eletrões das moléculas de oxigénio e azoto na atmosfera superior, e lança esses eletrões a altas velocidades, com energias consideráveis.

As interações destes eletrões com as moléculas ionizadas e outras partículas podem fazer com que os iões vibrem em massa.

Os cientistas sugerem, assim, que esta vibração poderia gerar ondas energéticas suficientemente fortes para refletir os sinais de radar que vêm a partir do solo.

Usando simulações de computador para reproduzir este mecanismo, os investigadores mostraram que, de facto, a energia da radiação solar é suficiente para produzir iões que reflitam os sinais.

À medida que o sol nasce e se move no céu ao longo do dia, o ângulo de radiação solar muda, e os iões vibrantes movem-se mais para baixo no céu. No pôr do sol, o ângulo diminui, e o “espelho” move-se de volta para cima.

Durante as erupções solares energéticas, por sua vez, mais iões podem ser produzidos – e o espelho torna-se ainda mais poderoso.

HypeScience

2 COMENTÁRIOS

  1. Olá, ZAP! Obrigado pela notícia. Queria fazer um reparo. Não há moléculas sem electrões, dado que eles são essenciais para formar moléculas (isto é, átomos ligados entre si). Tampouco essa é a definição de ião. Ião é um átomo cuja carga electrónica foi alterada, seja pela adição, seja pela remoção de electrões. Há moléculas formadas por iões, por exemplo o sal comum (cloreto de sódio). Obrigado. 🙂

    • Caro BGM,
      Obrigado pelo seu reparo. A expressão “moléculas sem electrões” pretendia na realidade significar “moléculas com electrões a menos”.
      O parágrafo foi reescrito para corrigir o erro e clarificar o seu conteúdo.

RESPONDER

-

Temporada final de Guerra dos Tronos é a mais curta… e é mesmo curta

Já só faltam duas temporadas para o final de Guerra dos Tronos, e não serão muito compridas. A sétima terá sete episódios, e a oitava e final terá apenas seis, confirma a revista Entertainment Weekly. A oitava …

-

FARC sugerem adiar entrega das armas até à concretização total do acordo de paz

Os guerrilheiros das FARC, que se reuniram hoje numa zona rural da Colômbia, consideraram que após 53 anos de guerra devem adiar por alguns meses a entrega das armas, e confirmar previamente o sucesso do …

O presidente brasileiro, Michel Temer

Temer perde apoio de quatro partidos na Câmara dos Deputados

O presidente do Brasil já perdeu o apoio de quatro dos partidos que formam a sua base de apoio político na Câmara dos Deputados desde o início da crise política, motivada pelo seu alegado envolvimento …

-

11.ª dobradinha. Benfica fecha época com chave de ouro

O Benfica fechou hoje a época com ‘chave de ouro', ao vencer a Taça de Portugal de futebol pela 26.ª vez, após bater o Vitória de Guimarães, por 2-1, juntando a ‘prova rainha' ao tetracampeonato. Raúl …

Manuel Caldeira Cabral, ministro da Economia

Ministro da Economia espera subida no "rating" de Portugal a partir deste ano

O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, disse hoje esperar que as agências de notação financeira melhorem o 'rating' de Portugal "ainda neste ou no próximo ano", lembrando os números positivos da economia, do emprego …

O presidente das Filipinas, Rodrigo Roa Duterte

Soldados filipinos podem violar "até três mulheres", diz Duterte

O presidente filipino Rodrigo Duterte foi criticado por fazer uma piada durante um discurso sobre possíveis abusos cometidos ao abrigo da lei marcial. "Se vocês falharem, eu também falharei. Mas serei o responsável por esta lei marcial, …

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, com militares norte-coreanos

Kim Jong-Un supervisiona testes de novo sistema de defesa antiaéreo

O líder da Coreia do Norte supervisionou os testes de um novo sistema de defesa antiaéreo e ordenou a sua produção em massa para o implantar em todo o país asiático, informou a agência de …

-

EUA desenvolvem avião hipersónico secreto

O Pentágono planeia lançar um avião experimental hipersónico secreto que pode funcionar como um foguete, segundo informa o jornal britânico The Independent. A DARPA – Agência de Pesquisa de Projetos Avançados de Defesa, em parceria com …

-

Sindicato da ASAE ameaça pôr Ministério da Economia em tribunal

A Associação Sindical dos Funcionários da ASAE (ASFASAE), reunida no sábado em Lisboa, aprovou “intentar, no imediato”, uma ação judicial contra o Ministério da Economia para pedir indemnizações para os inspetores. A violação do princípio constitucional …

A nova camada de placas tectónicas foi descoberta abaixo de Tonga, no Pacífico

Placas tectónicas recém-descobertas podem explicar terremotos misteriosos no Pacífico

Dentro do manto terrestre, uma imensa camada rochosa que fica entre a crosta e o núcleo da Terra, há uma nova camada de placas tectónicas, diz um novo estudo da Universidade de Houston, no Texas. E …