Missão espacial que vai estudar o lado escuro do Universo tem portugueses

A missão Euclid da ESA vai explorar o lado escuro do Universo

A missão espacial europeia que vai estudar o lado escuro e invisível do Universo, com participação portuguesa, passou nos testes preliminares, anunciaram hoje a agência espacial europeia ESA e o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA).

Em comunicado, o IA informa que a missão Euclid, com lançamento previsto para dezembro de 2020, “passou com sucesso a rigorosa avaliação do seu projeto preliminar”, no qual está envolvida uma equipa de quatro investigadores do instituto português.

Segundo o IA, o projeto preliminar “comprovou que a missão conseguirá produzir a enorme quantidade de dados proposta”.

O cocoordenador nacional da missão, Ismael Tereno, explica que a sua equipa conseguiu demonstrar que “é possível, nos seis anos de operação da missão, rastrear mais de um terço do céu, obtendo dados astronómicos com a qualidade adequada ao sucesso dos objetivos científicos, obedecendo a todos os constrangimentos da nave, às características dos instrumentos e às suas calibrações”.

Os investigadores portugueses elaboraram “uma das componentes centrais do projeto”, ao desenvolverem os algoritmos necessários para a “análise de cenários de mapeamento do céu”, adianta João Dinis, um dos membros da equipa nacional.

A missão Euclid vai realizar, através de um telescópio de 1,2 metros de diâmetro, um levantamento de 40 por cento do céu, “com detalhe sem precedentes”, permitindo aos cientistas detetarem cerca de dois mil milhões de galáxias, que “servirão para mapear a distribuição da energia e da matéria escuras”.

A energia escura, esclarece o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço, “é uma misteriosa força que se opõe à atração gravitacional e que provoca a expansão acelerada do Universo”, correspondendo a 73 por cento da composição do Universo.

A matéria escura “não emite nem absorve radiação em qualquer parte do espetro eletromagnético” e, apesar de não poder ser captada diretamente por telescópios, “a sua gravidade provoca efeitos detetáveis na matéria visível”.

Enquanto a matéria escura constituirá cerca de 23 por cento do Universo, a matéria visível apenas quatro por cento.

A missão Euclid foi proposta à ESA, em 2007, por um consórcio de investigadores liderado por Yannick Mellier, do Instituto de Astrofísica de Paris.

Atualmente, fazem parte do consórcio mais de mil membros provenientes de 15 países, incluindo Portugal.

Há três anos, a Fundação para a Ciência e Tecnologia, entidade pública que subsidia a investigação em Portugal, assinou um acordo com o consórcio Euclid, sendo a participação nacional coordenada pelo Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço.

Bom Dia

PARTILHAR

RESPONDER

O antigo campo magnético da Lua pode ter servido de "escudo" para atmosfera da Terra

Há 4 mil milhões de anos, a Lua pode ter protegido a atmosfera Terra, através do seu já extinto campo magnético, do Sol, sugere uma nova investigação, levada a cabo por um especialista da agência …

Coloridos e selados. Descobertos no Egito sarcófagos com mais de 2.500 anos

As autoridades egípcias anunciaram esta segunda-feira a descoberta de uma coleção de sarcófagos datados de há mais de 2.500 anos, na zona arqueológica de Sakkara, a sul da cidade do Cairo. Em comunicado, citado pela agência …

Nokia vai criar para a NASA a primeira rede móvel operacional na Lua

O grupo finlandês Nokia vai fabricar para a NASA aquela que será a primeira rede móvel móvel na Lua, como parte de um projeto de base humana permanente da agência espacial norte-americana, foi esta segunda-feira …

Sarkozy acusado de "associação criminosa". Investigação sobre ligações à Líbia continua

Nicolas Sarkozy, o antigo Presidente francês, está a ser acusado de "associação criminosa" como parte de uma investigação sobre o financiamento da sua campanha presidencial de 2007, particularmente acerca dos seus alegados vínculos com o …

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em três milénios

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em quase três milénios, aponta uma nova investigação da Universidade de Massachusetts em Amherst, nos Estados Unidos, e da Universidade de Quebec, no Canadá. As …

NASA apresenta rover "transformer" que vai explorar os penhascos íngremes de Marte

A NASA acaba de apresentar um rover de quatro rodas, denominado DuAxel, que se pode dividir em dois rovers de duas rodas separados. O robô foi projetado para, um dia, explorar alguns dos terrenos mais …

Veneno de vespa pode ter muito "potencial" na composição de antibióticos

Com o passar dos anos, a população começa a ficar mais resistente a certos medicamentos e estes deixam de fazer efeito. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu novas moléculas anti-microbianas a partir do veneno de …

"Ou és infetado ou morres de fome". Trabalhadores da Amazon nas Filipinas denunciam condições precárias

Trabalhadores contratados pela empresa de segurança Ring da Amazon que trabalham em call centers nas Filipinas denunciam condições de trabalho que dizem ser precárias, mostrando-se ainda mais preocupados com a situação por causa da pandemia …

"Momento muito duro". André Almeida sofreu rotura de ligamentos e arrisca paragem longa

O futebolista internacional português André Almeida sofreu uma entorse do joelho direito, que resultou numa “rotura do ligamento cruzado anterior e do ligamento lateral interno”, informou esta segunda-feira o Benfica. O lateral dos encarnados saiu aos …

Apoio à retoma. Empresas com perdas de 25% podem reduzir horário até 33% já esta terça-feira

Empregadores com quebra de faturação igual ou superior a 25% vão poder reduzir até 33% o horário dos trabalhadores, entre outubro e dezembro, segundo a alteração ao regime de retoma progressiva de empresas em crise. O …