Luzes em galáxia distante podem ser vela de nave extraterrestre

M. Weiss / CfA

Conceito artístico de uma vela de onda de rádio (a vermelho) com origem na superfície de um planeta

Conceito artístico de uma vela de onda de rádio (a vermelho) com origem na superfície de um planeta

Uma equipa de investigadores na Universidade de Harvard levantou a possibilidade de que os flashes de energia detectados numa galáxia distante da nossa podem ser emissões de uma nave alienígena.

De acordo com investigadores do Harvard-Smithsonian Centre for Astrophysics, emissões de rádio que foram captadas em 2007 por alguns dos mais poderosos telescópios, cuja origem até agora não foi descoberta, podem de facto ser resultado de actividade de alienígenas.

Num estudo publicado no The Astrophysical Journal Letters, os professores Avi Loeb e Manasvi Lingam sugerem que estes flashes podem ser fugas de energia com origem em poderosas “velas de luz” de naves extraterrestres, capazes de emitir uma forte luminosidade nas suas viagens interestelares.

“As emissões rápidas de rádio (FRB) são excessivamente luminosas, se atendermos às suas durações curtas e origem longínqua. Não identificámos até agora uma possível fonte natural com precisão, pelo que é válido considerar e verificar uma origem artificial“, diz Loeb, citado pelo Phys.org.

De acordo com os especialistas, a suposta “vela de luz” usaria uma quantidade pequena de pressão exercida por luz, que seria capaz de produzir uma aceleração contínua ao longo tempo, permitindo que uma nave possa atingir altas velocidades.

Apesar do fundamento de física usado na sua teoria, Loeb prefere manter a cautela e afirmar que tudo ainda não passa de especulação, já que não existem provas a respeito da origem destas emissões. Além disso, estas emissões ocorreram há cerca de 2,5 mil milhões de anos atrás. Mesmo assim, fica a esperança.

A ciência não é uma questão de crença, é uma questão de provas. Mas vale a pena colocar ideias em discussão e deixar os dados serem o juiz”, argumenta o cientista.

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Bem, eu penso que jÁ VÃO APARECENDO COISAS que viajam à velocidade do olhar. Tambem é possivel, não é? O que interessa é que à pala de tantas novas unviersidades, tantas outras descobertas e tão novas pretensões, cada um aproveite e mande das suas. Diz o ditado que a luz que vai `a frente, é a que ilumina. Força,… quem nisso primeiro falar será aquele que descobriu,…. e agora são tantos os investigadores……….!

  2. “… estas emissões ocorreram há cerca de 2,5 mil milhões… ” isto é, agora já estão a fazer tijolo algures.

  3. O problema com os “2,5 mil milhões” – o uso do redshift como medição de “Distância” está completamente errado e obsoleto. E a comunidade científica teima em não querer abandonar conceitos errados. O porquê disso deixo ao vosso critério quando investigarem o assunto.
    Para quem quiser saber mais, ver trabalho de Dr. Halton Arp, Dr. Harold Aspden. Dois Galileus modernos. Einstein é venerado como um deus e ai de quem for contra o que ele pregou… Parece que o homem não pode falhar…

  4. A NASA tem que tomar vergonha e parar com estas mentiras, pois o espaço não existe, vivemos sob um domo, e após ele existe água, e nada ultrapassa este domo!

RESPONDER

Estoril vs Benfica | Salvio em cima do gongo

O Benfica arrancou um suado triunfo por 2-1 na visita ao Estoril Praia. A formação benfiquista marcou primeiro, foi superior no primeiro tempo, mas no segundo, os “canarinhos” deram a volta ao texto e justificaram …

Cientistas criam "tatuagem biomédica" para detetar vários tipos de cancro

Cientistas suíços desenvolveram uma "tatuagem biomédica" que escurece quando deteta mudanças no corpo que podem indicar a presença de cancro. Os investigadores do Instituto Federal de Tecnologia de Zurique (ETH), na Suíça, desenvolveram uma "tatuagem biomédica" …

Vinho tinto e frutos vermelhos podem prevenir doenças mentais

As substâncias presentes nos frutos vermelhos e no vinho tinto podem contribuir para a prevenção da depressão e doenças neurodegenerativas. Investigadores do Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde (Cintesis) descobriram que as substâncias …

Karl Lagerfeld: "Se não querem que vos baixem as calças, não sejam modelos"

O designer não ficou calado e fez declarações sobre queixas de assédio sexual na indústria do cinema e da moda à revista francesa Número Magazine. Karl Lagerfeld, designer de moda e responsável pela Fendi e Chanel, …

Descobertas acidentalmente ossadas humanas com mil anos enterradas duas vezes

Uma equipa de investigadores do Instituto Politécnico Nacional do México descobriu restos mortais de antigos indígenas que datam do ano de 1100 d.C.. Fósseis humanos com cerca de mil anos foram encontrados na praia de El …

Vem aí chuva de poeiras vindas do Norte de África

Este fim de semana, o sul de Portugal pode enfrentar uma chuva carregada de poeiras vindas do Norte de África. O IPMA explica que se trata apenas de uma deposição. Uma chuva de poeiras pode atingir …

Marcelo deverá vetar mudança de género aos 16 anos

O Presidente da República deverá vetar a lei que permite a mudança de género no registo civil aos 16 anos, por questionar não ser necessário um relatório médico. Marcelo Rebelo de Sousa deverá vetar a lei …

Nacionalidade automática para filhos de imigrantes há 2 anos em Portugal

Os filhos de imigrantes que vivam em Portugal há dois anos vão ser considerados portugueses originários, a não ser que declarem que não querem ser portugueses. Esta alteração vai "inverter a atual regra" e irá encurtar …

Eleições de 2019 com plano europeu para travar perturbações nas redes sociais

Em 2019, o objetivo central dos técnicos da "sala de situação" é proteger as infraestruturas de apoio ao processo eleitoral, nas europeias e as legislativas, ainda sem data marcada. O cenário internacional tem sido marcado pela …

PSD dá a Costa espaço para reformar o SNS sem o Bloco

O ministro-sombra da saúde de Rui Rio, Luís Filipe Pereira, está a preparar um documento estratégico sobre o SNS. O PSD pretende, assim, ir a jogo na discussão sobre o futuro do Serviço Nacional de Saúde. A …