Jogos violentos deixam jovens mais imaturos

Casey Fleser / Flick

-

Os videojogos violentos podem prejudicar a “maturidade moral” dos jovens, se jogados por longos períodos, revelou uma pesquisa de uma cientista canadiana.

Ao analisar o comportamento de 100 adolescentes de 13 a 14 anos, a cientista constatou que a sobre-exposição a essa espécie de jogos diminuiu o sentimento de solidariedade dos adolescentes com o próximo.

A maioria dos jovens que participou da pesquisa jogava videojogos todos os dias, e a preferência era por jogos violentos.

Uma das conclusões foi a de que os adolescentes estariam a perder o sentido do que é “certo e errado”.

O estudo, realizado por Mirjana Bajovic, da Universidade de Brock, no Canadá, observou o comportamento de estudantes de sete escolas em Ontário, no leste do país. O objectivo era perceber o tipo de jogos que  jogavam, o tempo gasto em cada jogo e a influência do videojogo nas suas atitudes.

Falta de solidariedade

A cientista descobriu que o videojogo era o entretenimento preferido por esta faixa etária, que dedicava entre uma a três horas diárias à actividade.

Jogos “violentos” são aqueles em que os jogadores matam, mutilam ou decepam outros personagens.

BBC

-

O estudo destaca, entretanto, que muitos adolescentes jogam este tipo de jogo e não desenvolvem nenhuma mudança de comportamento.

No entanto, os problemas são notórios naqueles que passam mais de três horas por dia em frente ao ecrã da TV ou do computador, a jogar continuamente jogos violentos sem qualquer outra interacção com o mundo real.

Os mesmos sintomas não foram encontradas em jogos não violentos, legitimando a tese da cientista.

‘Certo e errado’

De acordo com o estudo, o hábito acaba por atrasar a evolução psicológica dos adolescentes, uma vez que sentimentos como solidariedade, confiança e preocupação com o próximo não são totalmente desenvolvidos.

“Passar muito tempo dentro de um mundo virtual de violência pode impedir que esses jovens se envolvam em experiências sociais positivas na vida real, além de não desenvolverem o sentido do que é certo ou errado”, afirma um trecho da pesquisa.

A cientista também sugere que os professores, pais, e adolescentes trabalhem juntos para oferecer oportunidades diferentes aos jogadores carentes de interacção social, como trabalho voluntário, por exemplo.

O estudo, intitulado “Violent video gaming and moral reasoning in adolescents: is there an association?” (“Videojogos violentos e maturidade moral nos adolescentes: existe uma associação?“) foi publicado na revista científica Educational Media International.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Tarantino diz que "Bruce Lee era um tipo arrogante". Filha do ator acha que cineasta deve pedir desculpar

A filha de Bruce Lee, Shannon Lee, disse à revista Variety que Quentin Tarantino "podia pedir desculpa ou dizer 'Eu realmente não sei como o Bruce Lee era. Apenas escrevi para o meu filme. Mas …

Fotógrafo entrou na morgue, tirou fotografias ao corpo de Marilyn Monroe e escondeu-as num cofre

Um famoso fotógrafo tirou fotografias do cadáver nu de Marilyn Monroe e escondeu-as, sem nunca revelá-las ao público. A informação é avançada pelo filho do fotógrafo Leigh Wiener, Devik Wiener, que afirma que o seu pai …

Receber o coração de um porco para transplante pode estar prestes a ser possível

Num futuro muito próximo, os seres humanos poderão receber transplantes de coração de porcos, considera o cirurgião britânico Terence English, de 87 anos, que em 1979 realizou o primeiro transplante cardíaco bem sucedido do Reino …

Elon Musk quer largar bombas nucleares em Marte

https://vimeo.com/354701570 Elon Musk quer bombardear o "planeta vermelho" para torná-lo habitável para a raça humana. Pode parecer contraditório, mas a ideia do fundador da Tesla e da SpaceX até poderia resultar. Bombardear Marte para tornar o planeta …

Mosca negra. A praga que alastra pelo Rio Tejo

Há uma praga a multiplicar-se pelos rios espanhóis, incluindo o Tejo, que está a levar milhares de pessoas às urgências dos hospitais e a afectar os produtores de animais. Trata-se da mosca negra que prolifera …

Descoberta mensagem em garrafa com 50 anos no Alaska. Autor foi descoberto na Rússia

Tyler Ivanoff estava à procura de lenha na costa do Alaska quando encontrou algo muito “maior”: uma garrafa com uma história: tinha 50 anos e uma mensagem no interior. "Estava à procura de lenha. Deparei-me por …

Portugal usa 4 vezes mais luz por candeeiro do que a Alemanha. É o país europeu com mais poluição luminosa

Portugal é o pior país da Europa em poluição luminosa, no que respeita ao fluxo luminoso per capita e fluxo luminoso por produto interno bruto (PIB). Esta é uma das conclusões de um artigo publicado na …

Colunista britânico agredido em Londres. Atacantes seriam ativistas de extrema-direita

O colunista britânico Owen Jones, considerado um dos mais influentes comentadores de esquerda no Reino Unido, foi agredido este sábado num bar em Londres, onde se encontrava a celebrar o seu aniversário. De acordo com o …

Cabras sapadoras que ajudam no combate aos incêndios em Portugal chegam ao “New York Times”

O jornal norte-americano The New York Times visitou a aldeia de Vermelhos, no interior do Algarve, para mostrar como as cabras foram promovidas a um “bombeiro low-cost” "Portugal tem tido dificuldades em encontrar soluções para …

Estado recebeu 28 milhões de euros de jogos de casino. Movimentados mais de 4 milhões por dia em 2018

Em 2018, entraram nos cofres públicos 28 milhões de euros provenientes dos casinos e bingos portugueses, num ano em que o volume do jogo ultrapassou os 1.6 mil milhões de euros. Contas feitas, os apostadores movimentaram …