Jihadistas avisaram pais de James Foley por email dias antes de o decapitar

Boston Globe / CNN / YouTube

-

Os jihadistas do Estado Islâmico (EI) enviaram uma mensagem de correio eletrónico à família do jornalista norte-americano James Foley alertando para a sua iminente execução, uma semana antes de divulgarem o vídeo da sua decapitação.

O GlobalPost, um dos órgãos com o qual o jornalista colaborava, publicou, esta quinta-feira, na íntegra, a mensagem de correio eletrónico que a família recebeu, no passado dia 12, “em nome da transparência e para contar toda a história de Jim”.

“Vocês e os vossos cidadãos vão pagar o preço dos vossos bombardeamentos. O primeiro com o sangue do norte-americano James Foley”, escreveram os extremistas na mensagem.

Na mensagem, publicada com a autorização da família, os jihadistas do EI adiantavam que o jornalista seria “executado como consequência direta” da recente intervenção no Iraque, onde os Estados Unidos levam a cabo há mais de uma semana ataques “seletivos” sobre posições do EI no norte do país.

O GlobalPost explica, num artigo que acompanha a mensagem que os `jihadistas`, que não é completamente verdade, como asseguram, que tenham dado à família “muitas oportunidades para negociar” a libertação de Foley.

Antes de publicar o email, o CEO do GlobalPost, Philip Balboni, tinha dito que os raptores entraram em contacto com o órgão de comunicação e com a família menos de uma dezena de vezes e que “os raptores nunca negociaram verdadeiramente” uma maquia, exigindo-a apenas.

“Nunca levámos os 100 milhões a sério”, disse Balboni à CNN.

c.v. / CNN / YouTube

Os pais de James Foley

Os pais de James Foley

A administração norte-americana opõe-se ao pagamento de qualquer resgate, sob o argumento de que encoraja a tomada de reféns.

“Não fazemos concessões a terroristas. Isso inclui não pagarmos resgates”, afirmou a porta-voz adjunta do Departamento de Estado norte-americano, Marie Harf, na quinta-feira, em declarações aos jornalistas.

O jornalista foi sequestrado em novembro de 2012 e desde então a família não tinha qualquer informação sobre si até ao dia 26 de novembro de 2013, quando os seus raptores pediram um resgate.

Em concreto, uma verba equivalente a 100 milhões de euros, além de exigência de que fossem libertados vários jihadistas presos nos Estados Unidos.

A segunda e última vez que a família do jornalista teve notícias dos raptores foi no passado dia 12, ou seja, apenas uma semana antes de vir a público a notícia da sua morte, no dia 19.

Foley foi sequestrado quando se dirigia para a fronteira com a Turquia e, apesar de inicialmente se pensar que estava nas mãos de milícias pró-governamentais, mais tarde concluiu-se que era refém dos jihadistas do Estado Islâmico na Síria.

No vídeo, publicado esta terça-feira pelos extremistas, em que se mostra a sua decapitação, Foley despede-se da família e acusa o Governo norte-americano de ser o responsável pela sua execução por causa da sua recente intervenção no Iraque.

Como assinalaram os jihadistas, a vida de outro jornalista norte-americano – Steven Joel Sotloff — “depende da próxima decisão de Obama”.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Manchas gigantes de Betelgeuse podem explicar o seu estranho escurecimento

As manchas gigantes da estrela Betelgeuse podem estar por detrás do estranho escurecimento que esta estrela tem vindo a experimentar, segundo uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Max Planck, na Alemanha. …

Pela primeira vez, os norte-americanos querem mais imigração - e não menos

Pela primeira vez, os norte-americanos querem ver aumentar a imigração no seu país, escreve o Business Insider citando uma sondagem da Gallup. De acordo com os números apresentados pelo jornal norte-americano, 34% dos cidadãos dos …

Porto 5-0 Belenenses | Segunda parte demolidora no Dragão

O FC Porto respondeu de forma categórica à vitória do Benfica sobre o Boavista por 3-1 na noite de sábado. Na recepção ao Belenenses, os “azuis-e-brancos” golearam por expressivos 5-0, com quatro golos a serem apontados …

Foi exposto o primeiro núcleo exoplanetário. Pode pertencer a gigante gasoso "planeta falhado"

Astrónomos da Universidade de Warwick descobriram o núcleo sobrevivente de um gigante gasoso em órbita de uma estrela distante, oferecendo uma visão sem precedentes do interior de um planeta. O núcleo, que é do mesmo tamanho …

As águas profundas provocam terramotos e tsunamis (e já se sabe como)

Uma nova investigação vincula diretamente o ciclo da água na Terra com a produtividade magmática e a atividade sísmica. A água (H2O) e outros elementos voláteis (como o CO2 e o enxofre) que circulam nas profundezas …

Cidade japonesa acaba de proibir a utilização de telemóveis enquanto se caminha

A cidade japonesa de Yamato acaba de aprovar uma proposta de lei que proíbe as pessoas de utilizarem telemóveis enquanto caminham. A cidade, localizada num subúrbio de Tóquio, entende que os telemóveis são um risco …

MIT apagou base de dados popular que ensinou IA a ser racista e sexista

O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, viu-se obrigado apagar uma base de dados de treinamento de Inteligência Artifical (IA) depois de esta ensinar vários algoritmos a usar insultos racistas e sexistas. …

Escola Básica e fábrica de Paços de Ferreira encerradas, com nove casos positivos

A Escola Básica n.º 2 e a Fábrica de Lacados Abrelac, em Paços de Ferreira, Porto, foram encerradas após diagnosticados nove casos de covid-19 para “prevenção” e para “interromper as cadeias de transmissão”, disseram hoje …

Mais nove mortes e 328 casos confirmados em Portugal

Portugal regista hoje mais nove óbitos por covid-19, em relação a sábado, e mais 328 casos de infeção confirmados, dos quais 254 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo os dados da Direção-Geral …

Cientistas criam miniatura de ondas de choque de supernovas (e quase desvendam um mistério)

Esta versão em miniatura das ondas de choque das supernovas pode ter ajudado os cientistas a chegar muito perto da resolução de um antigo mistério cósmico. Uma equipa de investigadores do Departamento de Energia do Centro …