Imagens de satélite mostram devastação de ataques do Boko Haram na Nigéria

Imagem de satélite da localidade de Doro Gowon, no nordeste da Nigéria, mostra a devastação depois dos ataques do Boko Haram. Os pontos a vermelho são casas e edifícios.

Imagens de satélite da localidade de Doro Gowon, no nordeste da Nigéria, tiradas a 2 e a 7 de janeiro, mostram a devastação depois dos ataques do Boko Haram. Os pontos a vermelho são casas e edifícios.

Duas organizações internacionais de direitos humanos divulgaram esta quinta-feira imagens de satélite que dizem mostrar a destruição de duas cidades nigerianas atribuída ao Boko Haram, no que poderá ser o pior ataque dos fundamentalistas em seis anos de revolta.

A Amnistia Internacional (AI) e a Human Rights Watch (HRW) divulgaram em separado imagens de Baga e de Doron Baga, nas margens do lago Chade, no estado de Borno, no nordeste da Nigéria.

A AI manifestou receios de que centenas de pessoas tenham sido mortas no ataque, adiantando que a operação dos radicais teve como alvo civis que ajudavam o exército e incluiu a morte de uma mulher em trabalho de parto.

O exército da Nigéria deu conta da morte de 150 pessoas, classificando de “sensacionalistas” as alegações de que cerca de dois mil civis podem ter sido mortos.

A HRW indicou que se desconhece o número exato de mortos, citando um residente: “Ninguém ficou para trás para contar os corpos”.

A Amnistia divulgou imagens aéreas das duas cidades, datadas de 2 de janeiro, um dia antes do ataque, e de 7 de janeiro, indicando que sugerem uma “devastação de proporções catastróficas“, com mais de 3.700 estruturas – 620 em Baga e 3.100 em Doron Baga – atingidas ou completamente destruídas.

De acordo com a HRW, 11% de Baga e 57% de Doron Baga foram destruídas, provavelmente devido a fogo posto.

Pelo menos 16 localidades nos arredores de Baga foram incendiadas e pelo menos 20 mil pessoas fugiram, segundo responsáveis locais.

Uma força multinacional com tropas da Nigéria, Níger e Chade tem realizado operações contra o Boko Haram, que causou cerca de 13 mil mortos e 1,5 milhões de deslocados desde 2009.

Os radicais pretendem instaurar um estado islâmico no norte da Nigéria, maioritariamente muçulmano, ao contrário do sul, de maioria cristã.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Hélder Amaral: "O meu partido de sempre está a morrer"

Em declarações ao semanário Expresso, o antigo deputado do CDS-PP, Hélder Amaral, diz-se desiludido com o seu partido. O ex-deputado centrista Hélder Amaral, que foi também presidente da distrital de Viseu, não está feliz com o …

EDP antecipa pagamento a mais de mil fornecedores em Portugal e Espanha

A EDP vai antecipar o pagamento a mais de mil fornecedores, uma iniciativa que, à semelhança do que já aconteceu no último ano, irá manter-se para todos os pagamentos a fornecedores ao longo do primeiro …

Há centenas de pessoas em busca de tesouros que não existem na Índia (e a culpa é de um boato)

Moradores de pelo menos três vilas no distrito de Rajgarh, no estado indiano de Madhya Pradesh (MP), passaram a última semana à procura de um tesouro antigo que provavemente não existe. Centenas de aldeões estão a …

João Ferreira diz que Marcelo deixou jovens em situação de "vulnerabilidade" (e elogia lay-off a 100%)

João Ferreira criticou este sábado o atual Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa por deixar os jovens em situação de "vulnerabilidade". O candidato presidencial João Ferreira afirmou, este sábado, que o Presidente da República, Marcelo …

Marisa Matias critica que apenas 1% do orçamentado seja gasto com cuidadores informais

Marisa Matias, candidata presidencial apoiada pelo Bloco de Esquerda, criticou este sábado que apenas tenha sido executado 1% da verba prevista no Orçamento do Estado para 2020 para os projetos-piloto dos cuidadores informais. Os atrasos e …

Ana Gomes considera "elucidativo" que Sócrates a ataque e elogie Marcelo

Ana Gomes, candidata às eleições presidenciais, considerou “elucidativo” que o antigo primeiro-ministro José Sócrates a tenha atacado e elogiado Marcelo Rebelo de Sousa. Questionada pelos jornalistas sobre o artigo de José Sócrates divulgado na sexta-feira, em …

Só pela profissão, professores "não são grupo de risco"

Graça Freitas reconheceu a importância dos professores "para o funcionamento do país", mas rejeitou considerá-los um grupo de risco esta sexta-feira. Os professores não são considerados um grupo de risco que deva ser integrado entre as …

João Leão infetado com covid-19

João Leão, ministro das Finanças, testou positivo à covid-19. O governante encontra-se assintomático e em confinamento domiciliário. O ministro de Estado e das Finanças, João Leão, testou positivo à covid-19. A informação foi adiantada este sábado …

Ricardo Salgado quer anular multa de 75 mil euros

A defesa de Ricardo Salgado recorreu ao Supremo Tribunal de Justiça para tentar anular uma decisão do Tribunal da Relação de Lisboa que confirmou uma multa de 75 mil do Banco de Portugal por causa …

Portugueses começam a votar nas Presidenciais este domingo. Há 246 mil inscritos

Os portugueses começam a votar já neste domingo, uma semana antes das eleições Presidenciais de 24 de janeiro, no chamado voto antecipado em mobilidade para que se inscreveram mais de 246 mil eleitores. As europeias e …