O nosso cérebro consegue prever o futuro (por instantes)

Os nossos cérebros são muito bons a preencher os espaços em branco quando se trata de nosso sentido de percepção – muitas vezes ao ponto de ser possível criar um filme mental de uma situação antes de o próprio acontecimento ocorrer.

Um estudo da Universidade Radboud, na Holanda, mostrou que essa previsão do “olho da mente” de um acontecimento futuro ocorre a uma velocidade maior do que na realidade – um traço que poderá ter evoluído para compensar a nossa percepção visual relativamente lenta.

Até agora, a maioria das investigações sobre as imagens que surgem antes de um acontecimento têm sido realizadas em animais. Este novo estudo permite saber mais sobre o que está a acontecer no córtex visual dos seres humanos.

Os cientistas captaram uma imagem por ressonância magnética funcional (fMRi) de 29 estudantes universitários para analisar a sua actividade cerebral enquanto os jovens observavam um ponto branco a atravessar uma tela.

Os participantes foram convidados a assistir à mesma animação 108 vezes ao longo de um número de sessões curtas. No final, os seus cérebros estavam treinados para saber o que iria acontecer enquanto o ponto se movimentava da esquerda para a direita e da direita para a esquerda em cerca de meio segundo.

Quando os voluntários já tinham criado essas expectativas, assistiram a uma sequência aleatória de 24 pontos. Alguns movimentavam-se exactamente como os anteriores, enquanto que outros percorriam caminhos diferentes, e alguns ficavam parados no início.

Foram realizadas várias ressonâncias magnéticas dos cérebros dos indivíduos para capturar o fluxo sanguíneo em certos tecidos. Enquanto os voluntários observavam os pontos, uma parte correspondente dos seus córtex visuais iluminava-se.

Quando lhes foi mostrado apenas o ponto de partida, as mesmas partes do cérebro foram activadas, completando mentalmente a sequência antes de a situação ocorrer.

Os cientistas não conseguiram descobrir quão rápida é esta “previsão do futuro” porque o fMRI só captura imagens a uma certa velocidade, mas o novo estudo sugere que os humanos conseguem visualizar movimentos relativamente simples, como uma bola em direcção à nossa cabeça, em pelo menos metade do tempo que o evento demora a ocorrer.

Estudos anteriores estimaram a necessidade de olhar para uma imagem durante menos 150 milissegundos para que cérebro possa capturar informações suficientes para saber o que pode ocorrer a seguir.

Segundo os especialistas, é possível que os humanos tenham desenvolvido essa capacidade de “prever o futuro” para economizar tempo e esforço, de modo a conseguirem agir mais rápido.

“Imagine que alguém está na berma de numa estrada, um carro está a aproximar-se e essa pessoa tem de decidir: atravesso a rua ou espero que o carro passe primeiro?”, exemplifica o principal autor do estudo, Matthias Ekman.

“O nosso estudo sugere que o nosso sistema visual pode avançar rapidamente a trajectória do carro e ajudar com a nossa decisão de esperar ou não”, destaca.

O novo estudo questiona o papel do nosso córtex visual não só na percepção de eventos actuais, mas também na utilização de experiências passadas para construir percepções de eventos futuros.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Duterte quer ser morto a tiro caso se torne um ditador

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, pediu para os militares o matarem a tiro caso tencione violar a Constituição e resolva permanecer no cargo mais do que o seu mandato lhe permite. "Caso permaneça no poder …

Queda de helicóptero da TV Globo faz duas vítimas mortais

Um helicóptero da Rede Globo caiu, esta terça-feira, na Praia do Pina, no Recife, provocando duas vítimas mortais. Um helicóptero da TV Globo caiu esta terça-feira na praia do Pina, em Boa Viagem, na zona sul …

Tribunal de Beja pediu exame psiquiátrico a um morto

A Directora de Psiquiatria do Hospital de Beja nem queria acreditar quando recebeu do tribunal da cidade uma solicitação para realizar uma perícia médico-legal psiquiátrica a um morto. "Obviamente, não é possível", foi a resposta. Ana …

Erupção violenta no vulcão Mayon pode estar iminente. 40 mil pessoas procuram abrigo

O monte Mayon, o vulcão mais ativo das Filipinas, continuou esta terça-feira a emitir lava e cinzas, obrigando cerca de 40 mil habitantes a procurar abrigo em centros de evacuação. A lava foi projetada até 700 …

Polícia quer enviar cães pisteiros à Casa dos Horrores para procurar cadáveres

A polícia norte-americana quer enviar cães pisteiros nas novas buscas à casa do casal Turpin, acusado de ter mantido em cativeiro durante vários anos os seus 13 filhos, em Perris, na Califórnia, para procurar eventuais …

Portugueses fogem da Venezuela e refazem a vida em Madrid

Madrid é uma cidade de refúgio de muitos luso-venezuelanos, principalmente jovens da segunda e terceira geração de emigrantes portugueses, que falam melhor castelhano e que tiveram de sair da Venezuela. "Viemos para Madrid devido à situação …

Corrida para evitar a nova lei já esgotou os eucaliptos nos viveiros

A semente de eucalipto mais recomendada pelas celuloses, por crescer mais depressa, está esgotada nos viveiros devido à corrida dos proprietários que tentam fazer novas plantações antes da entrada em vigor da nova lei que …

"Tinham que meter Manuel Vicente no processo"

Orlando Figueira, o ex-procurador do Ministério Público (MP) acusado de ter recebido subornos de Manuel Vicente, o ex-vice-presidente de Angola, negou todas as acusações de que é alvo. Em tribunal, Figueira ilibou Manuel Vicente e …

Nem escondido num porta-bagagens Puigdemont vai poder regressar a Espanha

Espanha montou um sistema de vigilância para assegurar a prisão do líder independentista Carles Puigdemont no caso de este tentar regressar à Catalunha, mesmo que tente voltar escondido num porta-bagagens. O ministro da Administração Interna espanhol, …

Papa Francisco pede desculpa por ter "magoado" vítimas de abusos sexuais

Esta segunda-feira, Papa Francisco pediu desculpa às vítimas por ter usado uma expressão menos feliz ao exigir que apresentem provas de que o bispo chileno Juan Barros encobriu um sacerdote condenado por abusos sexuais. Durante a …