O nosso cérebro consegue prever o futuro (por instantes)

Os nossos cérebros são muito bons a preencher os espaços em branco quando se trata de nosso sentido de percepção – muitas vezes ao ponto de ser possível criar um filme mental de uma situação antes de o próprio acontecimento ocorrer.

Um estudo da Universidade Radboud, na Holanda, mostrou que essa previsão do “olho da mente” de um acontecimento futuro ocorre a uma velocidade maior do que na realidade – um traço que poderá ter evoluído para compensar a nossa percepção visual relativamente lenta.

Até agora, a maioria das investigações sobre as imagens que surgem antes de um acontecimento têm sido realizadas em animais. Este novo estudo permite saber mais sobre o que está a acontecer no córtex visual dos seres humanos.

Os cientistas captaram uma imagem por ressonância magnética funcional (fMRi) de 29 estudantes universitários para analisar a sua actividade cerebral enquanto os jovens observavam um ponto branco a atravessar uma tela.

Os participantes foram convidados a assistir à mesma animação 108 vezes ao longo de um número de sessões curtas. No final, os seus cérebros estavam treinados para saber o que iria acontecer enquanto o ponto se movimentava da esquerda para a direita e da direita para a esquerda em cerca de meio segundo.

Quando os voluntários já tinham criado essas expectativas, assistiram a uma sequência aleatória de 24 pontos. Alguns movimentavam-se exactamente como os anteriores, enquanto que outros percorriam caminhos diferentes, e alguns ficavam parados no início.

Foram realizadas várias ressonâncias magnéticas dos cérebros dos indivíduos para capturar o fluxo sanguíneo em certos tecidos. Enquanto os voluntários observavam os pontos, uma parte correspondente dos seus córtex visuais iluminava-se.

Quando lhes foi mostrado apenas o ponto de partida, as mesmas partes do cérebro foram activadas, completando mentalmente a sequência antes de a situação ocorrer.

Os cientistas não conseguiram descobrir quão rápida é esta “previsão do futuro” porque o fMRI só captura imagens a uma certa velocidade, mas o novo estudo sugere que os humanos conseguem visualizar movimentos relativamente simples, como uma bola em direcção à nossa cabeça, em pelo menos metade do tempo que o evento demora a ocorrer.

Estudos anteriores estimaram a necessidade de olhar para uma imagem durante menos 150 milissegundos para que cérebro possa capturar informações suficientes para saber o que pode ocorrer a seguir.

Segundo os especialistas, é possível que os humanos tenham desenvolvido essa capacidade de “prever o futuro” para economizar tempo e esforço, de modo a conseguirem agir mais rápido.

“Imagine que alguém está na berma de numa estrada, um carro está a aproximar-se e essa pessoa tem de decidir: atravesso a rua ou espero que o carro passe primeiro?”, exemplifica o principal autor do estudo, Matthias Ekman.

“O nosso estudo sugere que o nosso sistema visual pode avançar rapidamente a trajectória do carro e ajudar com a nossa decisão de esperar ou não”, destaca.

O novo estudo questiona o papel do nosso córtex visual não só na percepção de eventos actuais, mas também na utilização de experiências passadas para construir percepções de eventos futuros.

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Não, os EUA não declararam guerra à Coreia. Mas não lhes abatam os aviões

Os Estados Unidos negaram hoje ter declarado guerra à Coreia do Norte e frisaram que Pyongyang não pode disparar contra os seus aviões em águas internacionais, em resposta a uma ameaça do ministro dos Negócios …

Casal canibal detido na Rússia por ter comido 30 pessoas

Um homem e uma mulher da cidade de Krasnodar, no sul da Rússia, poderão ter sido responsáveis pelo assassinato de cerca de 30 pessoas, que terão posteriormente comido. Os suspeitos, um instrutor militar de 35 anos …

Portugal pagou menos 213ME em juros à 'troika' até agosto

Portugal pagou 1.161,2 milhões de euros em juros à 'troika' até agosto, menos 213,1 milhões em termos homólogos, devido à extensão da maturidade de parte do empréstimo e aos reembolsos antecipados ao FMI. O Estado reduziu …

"Príncipe da Pontinha" detido pela GNR na Madeira

A Guarda Nacional Republicana deteve, esta segunda-feira, o autointitulado "príncipe do ilhéu da Pontinha" por este se ter oposto a uma ordem de execução judicial de encerramento de instalações, informou o porta-voz do comando territorial. "A …

Vacina contra a gripe gratuita para diabéticos e bombeiros

Direção-geral da Saúde justifica alargamento da gratuitidade com os riscos que o frio representa para os diabéticos e com a assistência na saúde prestada pelos bombeiros. A vacina contra a gripe vai ser este ano pela …

Morreu Abd El Aty, a mulher que chegou a pesar 500 quilos

Aos 37 anos, Eman Ahmed Abd El Atya estava a ser submetida a um tratamento intensivo nos Emirados Árabes Unidos. Mas acabou por morrer na sequência de complicações cardíacas. A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, …

Turquia encerra fronteira e ameaça petróleo em represália a referendo curdo iraquiano

O Presidente da Turquia, forte opositor do referendo sobre a independência do Curdistão iraquiano, anunciou esta segunda-feira que encerrará em breve a fronteira terrestre com aquela região autónoma do Iraque, bem como ameaçou bloquear as …

Comentador do Benfica diz que foi agredido por administrador do Sporting

O comentador da Benfica TV e advogado António Pragal Colaço apresentou queixa-crime contra o administrador da SAD do Sporting, Nuno Correia da Silva, acusando-o de agressão. O caso é divulgado pelo Correio da Manhã (CM) que …

Políticos e militares negam relatório de Tancos (Expresso promete novas revelações)

O Exército continua a negar a existência de um relatório das secretas militares sobre o roubo de Tancos, tal como o Presidente da República, o primeiro-ministro e o ministro da Defesa. Mas o director do …

Sondagem: Isaltino ganha Oeiras

A candidatura de Isaltino Morais - Inovar Oeiras de Volta - lidera a sondagem com 13 pontos percentuais acima do atual presidente da autarquia Paulo Vistas, antigo vice presidente de Isaltino Morais. As eleições autárquicas estão …