Hubble descobre anãs brancas que queimam hidrogénio (e envelhecem lentamente)

Novas evidências do Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA sugerem que as anãs brancas podem continuar a queimar hidrogénio nos estágios finais das suas vidas, fazendo com que pareçam mais jovens do que realmente são. Esta descoberta pode ter consequências sobre como os astrónomos medem a idade dos enxames estelares.

A visão predominante das anãs brancas como estrelas inertes e em arrefecimento foi contestada por observações do Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA.

Um grupo internacional de astrónomos descobriu a primeira evidência de que as anãs brancas podem diminuir o ritmo do seu envelhecimento queimando hidrogénio na sua superfície.

“Encontrámos a primeira evidência observacional de que as anãs brancas ainda podem ter atividade termonuclear estável,” explicou Jianxing Chen da Universidade de Bolonha e do INAF (Instituto Nacional de Astrofísica) de Itália, que liderou esta investigação. “Isto foi uma grande surpresa, pois está em desacordo com o que geralmente se pensa.”

As anãs brancas são estrelas em lento arrefecimento que libertaram as suas camadas exteriores durante os últimos estágios das suas vidas. São objetos comuns no cosmos: aproximadamente 98% de todas as estrelas do Universo acabarão por se tornar anãs brancas, incluindo o nosso próprio Sol. O estudo destes estágios de arrefecimento ajuda os astrónomos a entender não apenas as anãs brancas, mas também os seus estágios iniciais.



Para investigar a física subjacente à evolução das anãs brancas, os astrónomos compararam anãs brancas em duas coleções massivas de estrelas: os enxames globulares M3 e M13.

Estes dois enxames partilham muitas propriedades físicas, como idade e metalicidade (a proporção de outros elementos que não o hidrogénio e hélio). Em particular, as estrelas num estágio evolutivo conhecido como Ramo Horizontal são mais azuis em M13, indicando uma população de estrelas mais quentes. Isto torna M3 e M13, juntas, um laboratório natural perfeito no qual testar como populações diferentes de anãs brancas arrefecem.

“A excelente qualidade das nossas observações pelo Hubble forneceu-nos uma visão completa das populações estelares dos dois enxames globulares,” continuou Chen. “Isto permitiu-nos realmente contrastar como as estrelas evoluem em M3 e M13.”

Usando o instrumento WFC3 (Wide Field Camera 3) do Hubble, os astrónomos observaram M3 e M13 no ultravioleta próximo, permitindo-lhes comparar mais de 700 anãs brancas nos dois enxames.

Os investigadores descobriram que M3 contém anãs brancas padrão que são simplesmente núcleos estelares em arrefecimento. M13, por outro lado, contém duas populações de anãs brancas: anãs brancas padrão e aquelas que conseguiram manter um invólucro exterior de hidrogénio, permitindo-lhes “arder” por mais tempo e, portanto, arrefecer mais lentamente.

Comparando os seus resultados com simulações da evolução estelar em M13, os investigadores conseguiram mostrar que cerca de 70% das anãs brancas em M13 estão a queimar hidrogénio nas suas superfícies, diminuindo o ritmo a que arrefecem.

Esta descoberta pode ter consequências sobre como os astrónomos medem as idades das estrelas na Via Láctea. A evolução das anãs brancas foi modelada anteriormente como um processo de arrefecimento previsível.

Esta relação relativamente direta entre idade e temperatura levou os astrónomos a usar o ritmo de arrefecimento das anãs brancas como um relógio natural para determinar as idades dos enxames estelares, em particular dos globulares e dos abertos.

No entanto, as anãs brancas que queimam hidrogénio podem fazer com que estas estimativas de idade sejam imprecisas até mil milhões de anos.

A nossa descoberta desafia a definição das anãs brancas à medida que consideramos uma nova perspetiva sobre o modo como as anãs brancas envelhecem,” acrescentou Francesco Ferraro da Universidade de Bolonha e do INAF, que coordenou o estudo.

“Estamos agora a investigar outros enxames semelhantes a M13 para restringir ainda mais as condições que levam as estrelas a manter o fino invólucro de hidrogénio que lhes permite envelhecer lentamente”, rematou.

  // CCVAlg

PARTILHAR

RESPONDER

Recorde: Palmeiras de Abel rematou... 36 vezes num jogo

Um "massacre" da equipa de Abel Ferreira, que conseguiu uma vitória difícil contra o Sport. O Palmeiras prolongou a série positiva no Brasileirão. A equipa de Abel Ferreira chegou à terceira vitória consecutiva no campeonato, levando …

A vitória em Barcelona deve ajudar...a bilheteira do Real Madrid

O máximo que o Santiago Bernabéu registou nesta época foi 24 mil espectadores. Com condicionantes. O renovado Estádio Santiago Bernabéu já acolheu três jogos do Real Madrid nesta temporada mas muitas cadeiras ficaram vazias. O mítico palco …

Mais três mortes e 829 novos casos por covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal conta mais mais 1284 recuperados. A maioria dos novos casos são em Lisboa e Vale do Tejo e no Centro. Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais três mortes e 829 casos de infecção pelo …

Operação Marquês. Relação de Lisboa obriga Ivo Rosa a admitir o recurso do MP e a ficar com os autos da não pronúncia

O Tribunal da Relação de Lisboa decidiu que o juiz de instrução criminal tem de continuar a ser responsável por parte do megaprocesso da Operação Marquês, contra a vontade do magistrado. O Tribunal da Relação de …

OE2022: Catarina Martins diz que Governo “talvez queira” uma crise política

A coordenadora do BE, Catarina Martins, acusou hoje o PS de não querer uma solução para o Orçamento do Estado, considerando que o Governo “talvez queira” uma crise política e eleições antecipadas, o que será …

Nova maternidade de Gaia entra em funcionamento em janeiro de 2022

Vila Mova de Gaia está prestes a ter uma nova maternidade. Espera-se que as obras fiquem concluídas em dezembro deste ano. O funcionamento deverá ter início em janeiro de 2022. Rui Guimarães, presidente do Conselho de …

Teste à covid-19

Investigadores descobrem marcador biológico que antecipa prognóstico de covid-19

Um grupo internacional de investigadores no qual estiveram envolvidos especialistas da Fundação Champalimaud descobriu um marcador biológico com potencial para dar prognóstico da gravidade da covid-19, com a deteção do marcador a resultar de um …

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque

Nem as regiões autónomas são boia de salvação. PSD Açores e PSD Madeira contra OE2022

As regiões autónomas têm historial de votar de forma diferente o Orçamento do Estado, caso seja essa a indicação da comissão política regional e se houver ganhos para a região. Desta vez, parece não ser …

Vulcão, La Palma

Mais lava em movimento. Vulcão de La Palma abre nova boca eruptiva

Um novo desabamento do cone do vulcão de La Palma (Canárias) está a fazer com que uma grande quantidade de lava se desloque, principalmente em direção ao oeste, sobre o fluxo primário de lava. Durante as …

Espanha propõe "solução revolucionária" para baixar preço da luz (e pode beneficiar Portugal)

"Tempos excepcionais exigem medidas excepcionais". É desta forma que Espanha vai propor à Comissão Europeia, na reunião extraordinária desta terça-feira, uma "solução revolucionária" para acabar com a escalada de preços na energia. E os portugueses …