Homem descobriu a sua perna amputada na imagem de um maço de tabaco

eschipul / Flickr

Um albanês descobriu que uma fotografia da sua perna amputada foi usada, sem autorização, na parte da frente dos maços de tabaco.

Um homem de 60 anos descobriu que uma fotografia da sua perna amputada foi usada, sem autorização, nos maços de tabaco, numa daquelas imagens que pretendem alertar os fumadores para os malefícios do tabaco, escreve a BBC.

Juntamente com a fotografia, os maços de tabaco em questão vêm com a mensagem “fumar obstrui as artérias”. Porém, o homem de nacionalidade albanesa, que vive em Metz, uma cidade no nordeste de França, diz que a perda da perna não se deveu ao tabaco, mas sim a um tiroteio em 1997 no seu país de origem.

De acordo com a BBC, foi o seu filho quem descobriu a imagem, no ano passado, no momento em que comprava um maço de tabaco de enrolar, no Luxemburgo.

“O meu irmão estava de volta do Luxemburgo. Sem dizer uma única palavra, colocou um maço de tabaco de enrolar em cima da mesa”, recordou a irmã em declarações ao jornal regional Le Républicain Lorrain.

“Ficámos chocados. Não queríamos acreditar. Era o nosso pai. As suas cicatrizes são características”, acrescenta.

Uma vez que o albanês nunca deu autorização para que a imagem fosse utilizada, o seu advogado já entrou em contacto com a Comissão Europeia para perceber o que se terá passado.

Cada cicatriz é específica, única. Este homem também tem queimaduras na outra perna, é muito claro. Nenhum especialista vai ter problemas em identificar a imagem”, diz Antoine Fittante.

“É incrível que uma pessoa se descubra a si mesma numa imagem, sem o seu consentimento, de maços de cigarros que estão por toda a União Europeia”, diz Fittante.

“O meu cliente sente-se traído, ferido na sua dignidade, ao ver a sua deficiência exibida em maços de cigarro. Temos de admitir que não é uma coisa muito agradável”.

O homem acredita que a fotografia foi tirada num hospital local que visitou há uns tempos para perceber se poderia colocar uma prótese que melhorasse a sua situação. O advogado já escreveu ao hospital, para perceber como é que a imagem acabou a ser usadas sem autorização do paciente.

Segundo a emissora britânica, a Comissão Europeia foi contactada, uma vez que é a responsável pela distribuição dessas imagens em todos os maços de cigarros da UE.

O advogado explica que a CE normalmente usa fotografias de uma base de dados, que já foram verificadas e publicadas com o consentimento da respetiva pessoa.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Caso do bebé sem rosto. Médico suspenso não viu que menina tinha duas vaginas, um rim e espinha bífida

O Conselho Disciplinar do Sul da Ordem dos Médicos suspendeu preventivamente o obstetra envolvido no caso do bebé que nasceu, em Setúbal, com malformações graves. Entretanto, surgem novos dados sobre suspeitas atribuídas ao médico noutros …

Rede de imigração ilegal no SEF. Denúncias de corrupção eram antigas, mas ficaram na gaveta

A inspectora do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) que foi detida nesta semana, por pertencer alegadamente a uma rede de imigração ilegal, já tinha sido identificada num inquérito interno desta entidade, devido às mesmas …

Bancos querem passar a cobrar por grandes depósitos. Particulares escapam

BCP, Novo Banco e Caixa Geral de Depósitos defendem que é preciso cobrar aos grandes clientes por depósitos de grande dimensão. Particulares e pequenas e médias empresas escapariam desta medida. A ideia foi lançada pelo …

Filho de Bolsonaro já não vai ser embaixador em Washington

O deputado Eduardo Bolsonaro, filho do Presidente do Brasil, anunciou na terça-feira, na Câmara dos Deputados, que desistiu da sua indicação para embaixador do país em Washington, nos Estados Unidos (EUA). Na véspera, Jair Bolsonaro, que …

OE2020. Catarina Martins critica chantagem da Comissão Europeia a cada ano

A coordenadora do Bloco de Esquerda criticou esta terça-feira a chantagem da Comissão Europeia em relação a Portugal repetida a cada legislatura e a cada ano, reiterando a disponibilidade "para negociar um Orçamento do Estado …

Maior parte das escolas não cumprem lei de 2009 sobre a educação sexual

Grande parte das escolas não está a cumprir a lei de 2009 que define como deve ser dada a educação sexual no ensino obrigatório, do 1.º ao 12.º ano de escolaridade. A conclusão surge num relatório …

Pouco poder, mas algum. Deputados únicos podem desencadear revisão da Constituição

Os deputados únicos não têm poder para pedir a votação do programa de Governo, ao contrário dos grupos parlamentares, nem podem sozinhos censurar o Executivo, mas podem desencadear, como qualquer parlamentar, um processo de revisão …

Funcionários públicos esperam entre 100 e 280 dias para se poderem reformar. Processo pode ser acompanhado online

A atribuição das novas pensões de reforma aos funcionários públicos está a demorar, em média, entre 100 a 280 dias - ou seja, entre três e mais de nove meses. A revelação foi feita esta terça-feira, …

"Onde está o Varandas?". Claques não faltaram à vitória do Sporting em hóquei em patins

Apesar das quebras de protocolos, Juventude Leonina e Diretivo Ultras XXI marcaram presença no jogo desta terça-feira de hóquei em patins entre o Sporting e a Oliveirense. Na noite desta terça-feira, o Pavilhão João Rocha foi …

Do azedume às contas do passado. Críticos internos atacam Rio

Depois de Rui Rio ter anunciado esta segunda-feira que se recandidata à liderança do PSD, os críticos internos vieram a público. Acusam-no de querer dividir o partido e ajustar contas com o passado e esperam …