Grupo de Facebook juntou 24 mil à procura de surfista (e fechou só para membros)

Pedro Lemos Desaparecido / Facebook

-

O desaparecimento de Pedro Lemos, surfista portuense e ex-operador de câmara da SIC e RTP, levou a que em cerca de 18 horas se juntassem quase 24 mil membros num grupo criado da rede social Facebook para tentar localizá-lo. Mas o grupo de Facebook desapareceu entretanto da rede social.

De acordo com a informação publicada na página, criada há cerca de 18 horas, Pedro Lemos desapareceu misteriosamente há cinco dias, na sexta-feira, dia 14, da casa onde reside, na Urbanização da Prelada, no Porto, desconhecendo-se até agora a sua localização.

Face a isto, foi criada uma página naquela rede social que já mobilizou 23.741.

A PSP do Porto confirmou à Lusa ter um “pedido de paradeiro” de Pedro Lemos, apresentado às 00:50 de domingo, por uma mulher que indicou ser sua “companheira”, e relatou que ex-operador de câmara “saiu de casa na sexta-feira e não apareceu“.

A mesma fonte do Comando Metropolitano da PSP do Porto esclareceu que, de acordo com o relato da companheira, “era habitual ele sair num dia e voltar noutro”, mas naquela ocasião isso não aconteceu e o facto de o homem “andar stressado” deixou a mulher “preocupada”.

A PSP indicou ainda não ter as indicações que constam da página “Pedro Lemos Desapareceu – Ajudem-nos a encontrá-lo!” relativas ao facto de o homem ter saído de casa sem levar telemóvel, prancha de surf ou cartão de cidadão.

“Essa informação não consta do pedido de paradeiro”, indicou fonte da PSP do Porto.

De acordo com a página, Pedro Lemos, de 41 anos, 1,85 metros de altura, olhos verdes e cabelo castanho, saiu de casa na sexta-feira, com barba, no seu carro, um Peugeot 406, cinzento-escuro, com a matrícula 58-25-IJ.

Os organizadores da página referem que “a polícia e hospitais estão informados” e pedem que qualquer informação sobre o desaparecido seja fornecida à Polícia Judiciária, à GNR, à PSP, ou no grupo do Facebook.

Grupo fechado apenas para membros

A página do grupo, “Pedro Lemos Desapareceu – Ajudem-nos a encontrá-lo!, foi entretanto fechada apenas aos membros do grupo, não se encontrando acessível a visitantes.

A pesquisa de “Pedro Lemos Desapareceu” no Facebook deixou também de apresentar resultados aos utilizadores que não fazem parte do grupo.

Ao que tudo indica, as definições de privacidade do grupo foram alteradas pelo seu administrador durante a tarde desta quarta-feira.

Os membros do grupo, entretanto, não estão de acordo quanto à eficácia de um grupo que procura um desaparecido mas que se encontra fechado apenas a membros, e de onde foram retiradas todas as fotos de Pedro Lemos.

Alguns dos membros comentam mesmo que se poderá afinal tratar de uma brincadeira, enquanto outros apelam a que não se brinque com a vida de uma pessoa, que pode estar em jogo.

Facebook

-

Já ao fim da tarde, as definições da página foram novamente alteradas, desta vez para mudar o nome do Grupo, que parece estar à procura do esquecimento. Chama-se agora “????????”.

Um nome apropriado para um caso que levanta cada vez mais interrogações.

Facebook

-

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Há uma rua no Texas onde todas as casas foram impressas em 3D

Esta é a primeira comunidade de casas impressas em 3D nos EUA que está pronta a receber habitantes. A construção torna as habitações mais resistentes ao fogo e a inundações. Chama-se East 17th Street e fica …

A filha de Picasso doou nove obras do artista espanhol a França

A família de Pablo Picasso doou nove obras do artista ao Estado francês, que serão agora integradas no Museu Picasso, em Paris. Maya, a filha de Pablo Picasso, doou nove obras do artista como parte de …

Dormir bem? Depois da pandemia, não

O novo coronavírus criou uma "nação" de pessoas com insónias. Trabalhar menos horas pode ajudar. Insónias. Já eram um problema para muita gente até ao início de 2020 mas a pandemia que mudou o mundo também …

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …

Agora que a catedral de Notre-Dame está estabilizada, pode dar-se início à reconstrução

Dois anos e meio após o incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame, o edifício encontra-se seguro para iniciar o processo de reconstrução, que se espera estar concluído em 2024. Os trabalhos de segurança e consolidação …