Filme com John Malkovich chega a Cannes num cofre que só abre daqui a 100 anos

O festival de cinema de Cannes será palco para a apresentação de “100 Years – The Movie You Will Never See”, um filme protagonizado por John Malkovich que tem estreia marcada apenas para 18 de novembro… de 2115. O cofre onde o filme está guardado já chegou ao festival.

“100 Years – The Movie You Will Never See”, foi realizado por Robert Rodriguez, tem John Malkovich como protagonista e uma particularidade: só estreia daqui a 100 anos, quando o cofre onde está guardado se abrirá automaticamente.

Anunciado em novembro, o filme que nenhum de nós vai ver foi criado a pedido da marca Louis XIII Cognac, que encomendou uma grande produção que demorasse tanto tempo a ver a luz do dia quanto o seu famoso conhaque, e só chegará aos cinemas – ou o que seja que substitua os cinemas na altura – a 18 de novembro de 2115.

Um press release, citado pela Entertainment Weekly, refere que “para assegurar que 100 Years se mantém seguro até à sua estreia oficial”, o projeto vai ser “guardado num cofre especial que vai abrir automaticamente na altura certa“.

O cofre já chegou, com segurança apertada, ao 69º Festival Internacional de Cinema de Cannes, que abre esta quarta-feira com a estreia da comédia “Café Society”, de Woody Allen.

Depois da apresentação – na qual as pessoas vão poder olhar para o cofre, mas não vão assistir ao filme -, segue-se um tour por outras cidades à volta do mundo até regressar à região de Cognac, em França, e às caves da Louis XIII.

“É claramente um projeto cinematográfico inovador”, afirmou Thierry Frémaux, delegado geral do Festival de Cinema de Cannes, citado pela revista. “Espero que os nossos descendentes venham a considerar o filme para a Palma de Ouro no Festival de Cinema de Cannes de 2116”.

O realizador Robert Rodriguez, que assina filmes como Sin City, mostra-se “intrigado pelo conceito de trabalhar num filme que ninguém vai ver” no seu tempo de vida, e avança apenas que será um filme “muito elegante e emocionalmente pesado”.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

"Contra tudo e contra todos". Moedas fez história em Lisboa

O cabeça de lista da coligação PSD/CDS-PP/MPT/PPM/Aliança à Câmara de Lisboa, Carlos Moedas, afirmou hoje ter vencido “contra tudo e contra todos”, porque “a democracia não tem dono”, agradeceu o “voto de confiança” e comprometeu-se …

Ventura admite que “vitória não foi total” ao falhar objetivo de ficar em terceiro

O líder do Chega admitiu hoje que a “vitória não foi total” nas autárquicas de domingo, ao falhar o objetivo de ser a terceira força política, mas defendeu que se “fez história” em Portugal, recusando …

Liveblog Autárquicas. Carlos Moedas ganha Lisboa

Realizam-se este domingo Eleições Autárquicas em Portugal, nas quais está em jogo a eleição de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais, bem como 3091 assembleias de freguesia. Acompanhe tudo no …

Contra a "vigarice" das sondagens, "o PSD teve um excelente resultado"

O PSD conseguiu todos os objectivos a que se propôs nestas eleições autárquicas, segundo Rui Rio. O presidente do PSD considera que o partido teve "um excelente resultado" contra a "vigarice" das sondagens e "contra …

Medina assume derrota em Lisboa. "É uma indiscutível vitória de Carlos Moedas"

Fernando Medina acaba de assumir a derrota nas eleições autárquicas, felicitando Carlos Moedas pela vitória na Câmara de Lisboa. "É uma indiscutível vitória pessoal e política de Carlos Moedas", sublinha Medina. "Foi um privilégio servir esta …

Costa: "PS continua a ser o maior partido autárquico nacional"

António Costa canta vitória nas eleições autárquicas, apesar de ainda não se conhecerem os resultados finais de Lisboa, Sintra e Loures. Para o secretário-geral socialista, não há dúvida de que o "PS continua a ser …

O "primeiro amarelo" para Costa e o "CDS superou todos os objectivos"

"O CDS superou todos os objectivos a que se propôs nestas autárquicas". É assim que Francisco Rodrigues dos Santos, líder do CDS-PP, canta vitória, considerando que António Costa "viu o seu primeiro cartão amarelo". Na reacção …

Pegadas provam que as Américas foram povoadas milhares de anos antes do que pensávamos

Investigadores descobriram evidências da presença de humanos nas Américas: pegadas com, pelo menos, cerca de 23.000 anos. A nossa espécie começou a migrar para fora de África há cerca de 100.000 anos. Além da Antártida, as …

Jerónimo assume que CDU ficou "aquém", mas não é "determinante para a política nacional"

Jerónimo de Sousa reconhece que os resultados da CDU, nas eleições autárquicas, ficaram "aquém" dos objectivos, mas alerta que não são "determinantes para a política nacional" e rejeita a hipótese de deixar a liderança do …

Geringonça à direita... ou à esquerda? Com Moedas e Medina taco a taco, IL e Bloco entram em jogo

Freguesia a freguesia, eis como Fernando Medina e Carlos Moedas estão a disputar a eleição para a Câmara de Lisboa. As sondagens dão um empate técnico e a Iniciativa Liberal já manifestou que está disponível …