Partido de extrema-direita alemão pede desculpas pela publicação de livro com imagens xenófobas

spies, emanuele spies / Flickr

O partido de extrema-direita Alternativa para a Alemanha (AfD) pediu na quarta-feira desculpa pela publicação e distribuição no país de um livro de colorir com desenhos xenófobos.

Segundo noticiou o Expresso, o livro foi uma iniciativa foi de um núcleo no estado da Renânia do Norte-Vestefália – no noroeste do país -, mas já foi condenado pelo grupo parlamentar do partido no parlamento regional.

“Embora a maioria dos desenhos não seja censurável e esteja em linha com o objetivo do projeto, infelizmente também havia alguns que definitivamente não são aceitáveis e obviamente não representam os valores do grupo parlamentar”, afirma o grupo em comunicado, citado pela Deutsche Welle.

Alguns dos desenhos mostram homens em carros com armas e bandeiras da Turquia, outro uma piscina com mulheres em burquíni e com ossos numa cabeça e um terceiro desenho mostra mulher com o hijab (lenço islâmico), rodeada de crianças.

https://twitter.com/Xy5Z89/status/1229815229355319302?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1229815229355319302&ref_url=https%3A%2F%2Fexpresso.pt%2Finternacional%2F2020-02-20-Alemanha.-Partido-de-extrema-direita-AfD-pede-desculpas-pela-publicacao-de-livro-de-colorir-com-imagens-xenofobas

Inicialmente, a AfD na Renânia do Norte-Vestefália defendeu o projeto, alegando que a publicação estava a sofrer um ataque à liberdade de expressão, visto que eram apenas “desenhos satíricos sobre a situação do país”. O livro foi distribuído num evento realizado pela bancada em Krefeld, no último fim de semana.

Os desenhos foram condenados por vários partidos alemães e pela Igreja Católica. No Twitter, a polícia de Krefeld confirmou estar a investigar uma denúncia sobre o livro, por incitação ao ódio. O Parlamento regional também vai apurar se foram usadas verbas públicas para a produção e impressão do livro.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE