Excesso de higiene está a tornar a nossa saúde mais frágil, aponta estudo

herraez / Canva

Um grupo de investigação do Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC) divulgou recentemente um estudo sobre a perda de diversidade da flora intestinal – também denominada como microbiota – e as consequências desta diminuição na nossa saúde, no qual alertam para os riscos de uma “higiene excessiva”.

“Neste momento, nós quase que usamos uma higiene excessiva, com muitos produtos para combater os micróbios e isso também está a influenciar a perda de diversidade da microbiota”, o que fragiliza a saúde, explicou à Renascença a investigadora Karina Xavier, líder da equipa responsável pelo estudo, publicado na Nature Microbiology.

No início, o foco da pesquisa – realizada em colaboração com a Universidade de Stanford, nos Estados Unidos – era perceber o “impacto dos antibióticos na microbiota”, tendo concluído que, após o consumo de tipo de medicamento, “verifica-se uma grande redução, em termos de número e diversidade, destes organismos que vivem nos nossos intestinos”.

A investigadora esclareceu que, apesar da quantidade desses organismos recuperar rapidamente, a diversidade permanece bastante alterada, deixando o organismo mais suscetível a infeções até haver uma recuperação.

Durante a investigação, a equipa descobriu a bactéria “Klebsiella michiganensis”, um probiótico presente no intestino humano em baixas concentrações, que pode contrariar esses efeitos de destruição e de ausência de bactérias protetoras.

O objetivo da equipa é agora “identificar outros mecanismos que ajudem à recuperação da microbiota” e conseguir um “cocktail mais completo, que consiga conferir todas as propriedades benéficas da microbiota”.

“Se um médico nos diz para tomar um antibiótico, devemos tomar”, porque “os antibióticos ainda são a melhor maneira de combater agentes infeciosos”, indicou Karina Xavier, sublinhando, contudo, que estes afetam as bactérias naturais do organismo, que devem ser preservadas.

Para Rita Oliveira, outra das investigadoras, ainda não existe “uma forma fácil de detetar qual o agente infecioso que temos e, portanto, é mais fácil e rápido usar os antibióticos de espectro mais largo, o que afeta bastante a microbiota intestinal”.

No entanto, “estas perdas da diversidade na microbiota, na nossa sociedade, não estão a ser só por causa dos antibióticos”, mas muito pela higiene em excesso, nomeadamente, através de produtos cosméticos e de limpeza muito agressivos, destacou Karina Xavier.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Consumo excessivo de álcool afeta o sistema nervoso (e aumenta a ansiedade)

Investigadores do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde concluíram que o consumo repetitivo de álcool afeta diretamente células imunes do sistema nervoso central, que eliminam parte da comunicação entre os neurónios, e provoca o …

Afinal, os tubarões-baleia macho não são os maiores peixes dos oceanos

Um novo estudo revela que, afinal, os tubarões-baleia machos não são os maiores peixes do oceano. As fêmeas crescem continuamente muito depois de os machos pararem, atingindo tamanhos maiores - ainda que demorem mais tempo …

Exército norte-americano usou fundos de emergência covid-19 para comprar armas

O exército dos Estados Unidos utilizou fundos de emergência aprovados pelo Congresso especificamente para combater a covid-19 para comprar armas, denuncia esta semana o jornal norte-americano The Washington Post. O caso remonta a março passado, …

Carpinteiros usam técnica medieval na reconstrução de Notre Dame

A reconstrução de Notre Dame - que se prevê estar concluída no prazo de cinco anos - continua a avançar e os carpinteiros usaram técnicas medievais para erguer uma estrutura na fachada do monumento. A Catedral …

Durante um ano e meio, uma aldeia inteira perdeu a Internet todos os dias à mesma hora (e já se sabe porquê)

Durante 18 meses, os residentes de uma vila no País de Gales perderam a Internet todos os dias à mesma hora. Agora, engenheiros identificaram o motivo: uma televisão em segunda mão que emitia um sinal …

Gado na UE produz 704 milhões de toneladas de CO2 (mais do que todos os transportes juntos)

De acordo com uma nova análise da Greenpeace, animais de criação como vacas, porcos e outros, estão a emitir mais gases com efeito de estufa na Europa do que todos os transportes juntos. Na última década, …

É distraído e está sempre a perder a carteira? A Cashew Smart Wallet é para si

Uma simples carteira pode vir a melhorar os seus dias. A Cashew Smart Wallet é dotada de uma tecnologia de bluetooth que permite proteger os seus bens e ainda o ajuda caso a perca por …

Desportivo das Aves SAD desiste do Campeonato de Portugal

O Desportivo das Aves SAD vai abdicar da participação no Campeonato de Portugal (CdP), após ter falhado as negociações com o Perafita para utilizar as instalações do clube de Matosinhos. "As inscrições fechavam ontem [terça-feira] e …

Celebridades doam dinheiro para pagar dívidas a ex-presos impedidos de votar nos EUA

O bilionário Michael Bloomberg, o cantor John Legend e o basquetebolista LeBron James são algumas das celebridades que estão a doar dinheiro para pagar dívidas de ex-presidiários da Florida, impedidos de votar nas próximas eleições …

No debate sobre o Plano de Recuperação, evocou-se Sócrates e Passos

O líder do PSD questionou o primeiro-ministro se pretende "fomentar o desemprego" com o aumento do salário mínimo. O chefe do Governo manifestou-se "completamente perplexo". Na abertura do debate sobre o Plano de Recuperação e Resiliência, …