Ex-candidata francesa à Comissão Europeia indiciada por desvio de fundos

Lusa

A ex-eurodeputada centrista francesa Sylvie Goulard, indicada sem sucesso pelo Presidente francês para a Comissão europeia, foi esta segunda-feira indiciada pela juíza responsável do processo dos empregos fictícios de assistentes do seu partido no Parlamento Europeu, referiu fonte judicial.

Goulard, cuja nomeação para a Comissão Europeia foi chumbada precisamente devido a este inquérito, foi indiciada por desvio de fundos públicos após a sua audição num tribunal de Paris, precisou a fonte judicial citada pela agência noticiosa AFP.

Os magistrados da área financeira do tribunal de Paris têm convocado desde 15 de novembro diversas pessoas no âmbito deste inquérito, designadamente por “cumplicidade no desvio de dinheiros públicos”. Entre os convocados encontram-se o antigo guarda do ex-senador e ex-ministro da Justiça Michel Mercier e o diretor do partido de Goulard, o centrista Movimento democrata (MoDem), Alexandre Nardella.

O presidente do MoDem, François Bayrou, está convocado para sexta-feira.

Os magistrados procuram determinar se os colaboradores parlamentares foram remunerados pelos fundos do Parlamento Europeu, quando apenas estavam envolvidos em atividades para o partido francês.

A abertura de um inquérito preliminar do procurador de Paris, em 2017, implicou a demissão de Bayrou do seu cargo ministerial, e ainda de Marielle de Sarnez do posto de ministro dos Assuntos Europeus e de Sylvie Goulard de ministra das Forças Armadas.

Este caso, juntamente com a polémica sobre as subvenções de um ‘think thank’ norte-americano, custaram a Sylvie Goulard um lugar na nova Comissão Europeia, que lhe foi recusado em outubro pelos eurodeputados.

Antiga eurodeputada (2009-2017), atual vice-governadora do Banco de França, Goulard aceitou este verão reembolsar o Parlamento Europeu em 45.000 euros.

Este montante corresponde a oito meses de salário de um dos seus assistentes, Stéphane Thérou, sobre quem não conseguiu fornecer “prova de trabalho”. Em 30 de agosto, o Parlamento europeu encerrou este caso.

O MoDem não é a única formação política visada pela justiça por empregos presumivelmente fictícios no Parlamento europeu. Um inquérito semelhante foi aberto para A França Insubmissa (LFI, esquerda radical) e Frente Nacional (FN, extrema-direita), no qual cerca de 20 pessoas, incluindo Marine Le Pen, foram chamadas a prestar declarações.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

"Charlie" é o robô peixe-gato da CIA que permitiu pesquisas subaquáticas (e já realizou missões secretas)

De várias formas e tamanhos, os robôs têm sido sido muitas vezes usados por muitas entidades para trabalhos de pesquisa e investigação. A CIA não é exceção e por isso desenvolveu um peixe robótico chamado …

Possível obra de Banksy surge na parede de uma famosa prisão. Pode representar Oscar Wilde

Um graffiti possivelmente pintado pelo famoso artista de rua Banksy apareceu durante a noite no lado de fora de uma parede da prisão de Reading, no Reino Unido. Na madrugada desta segunda-feira, a obra foi avistada …

Na tentativa de tirar a selfie perfeita com um elefante, indiano acaba morto pelo animal

No passado domingo, dia 28 de fevereiro, um homem de 21 anos morreu enquanto tentava tirar uma selfie com um elefante. O animal andou a pairar por zona residencial e anteriormente já tinha matado uma …

Milhares de professores vacinados antes de médicos. Presidente do México acusado de fazer política com a vacinação

Milhares de professores do ensino público que lecionam nas zonas mais rurais do México foram vacinados contra o novo coronavírus antes dos profissionais de saúde que combatem a pandemia na mesma região. De acordo com …

Passageiros com documentos e teste de covid-19 falsificados detetados pelo SEF

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve, no domingo, no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, três cidadãos portadores de documentação falsa, dois dos quais na partida de um voo com destino à República da …

Coronadiktatur, Gesichtskondom, Fussgruss. Os alemães inventaram milhares de palavras novas sobre a pandemia

O confinamento de quase quatro meses na Alemanha não colocou restrições ao seu idioma de palavras multissilábicas. Os alemães inventaram mais de 1.200 novas palavras para descrever as regras e realidades da vida em tempo …

Ordem coordena vacinação de 4000 médicos "deixados para trás"

A Ordem dos Médicos vai vacinar cerca de quatro mil médicos que trabalham em hospitais e clínicas privadas e que, por algum motivo, não foram vacinados na altura devida. De acordo com um comunicado da ordem, …

A mais recente turbina eólica chama-se Wind Catcher e é portátil

Uma empresa dinamarquesa decidiu inovar e desenvolver uma turbina eólica portátil. O Wind Catcher é mais leve, mais poderoso e mais fácil de usar do que qualquer outro sistema de energia eólica no mercado. O Wind …

Spike Lee vai produzir série documental para o 20.º aniversário dos atentados de 11 de setembro

O realizador Spike Lee está a preparar uma série documental para estrear no 20.º aniversário dos atentados do 11 de Setembro, um "retrato sem precedentes" dos nova-iorquinos e da capacidade de recuperação depois da destruição …

Guru de investimentos, Warren Buffett, assume ter cometido um "erro"

O bilionário norte-americano Warren Buffett, considerado o "guru" dos mercados de investimento, assumiu ter cometido um erro quando adquiriu, em 2016, a Precision Castparts por 32,1 mil milhões de euros. Na carta que escreve anualmente para …