EUA coloca 28 organizações chinesas em lista negra por abusos contra minorias étnicas

Os Estados Unidos (EUA) colocaram na segunda-feira 28 organizações chinesas numa lista negra pelo alegado envolvimento em abusos contra a minoria étnica uigur e outras na província de Xinjiang, no noroeste da China.

As organizações, que incluem agências governamentais e empresas tecnológicas especializadas em equipamento de vigilância, ficam proibidas de comprar produtos de empresas americanas sem a aprovação de Washington, informou o Expresso.

O Gabinete de Segurança Pública de Xinjiang e outras 19 agências mais pequenas fazem parte da lista, bem como grupos comerciais especializados em tecnologia de reconhecimento facial.

Segundo o Departamento de Comércio, as organizações visadas estão “implicadas em violações e abusos dos direitos humanos” e na “campanha da China de repressão, detenção arbitrária em massa e vigilância de alta tecnologia de uigures, cazaques e outros membros de grupos minoritários muçulmanos”.

Nos últimos anos, têm-se acumulado relatos de que mais de um milhão de pessoas, principalmente da etnia uigure, está detido em campos de internamento em Xinjiang. Grupos de defesa dos direitos humanos e antigos detidos descrevem-nos mesmo como “campos de concentração”, onde os prisioneiros são obrigados a assimilar a cultura han, maioritária na China.

As autoridades de Pequim descrevem os campos como “centros de educação vocacional” onde os uigures recebem orientação profissional, justificando a sua existência com a necessidade de afastar as pessoas do extremismo religioso, terrorismo e separatismo.

Na semana passada, durante uma conferência de imprensa no Vaticano, o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, disse que a China “exige que os seus cidadãos adorem o Governo e não Deus”. Em julho, mais de 20 países do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas assinaram uma carta conjunta, criticando a forma como Pequim trata os uigures e outros muçulmanos.

Esta não é a primeira vez que os EUA impõem uma proibição comercial a grupos chineses. Em maio, a Administração Trump colocou o gigante de telecomunicações Huawei em lista negra devido a receios de segurança relativamente aos seus produtos.

Os dois países estão atualmente em guerra comercial, impondo taxas alfandegárias sobre os produtos do outro. Ainda esta semana, delegações americanas e chinesas reúnem-se em Washington para tentar aliviar as tensões.

ZAP // //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Cientistas já sabem como é que raro tipo sanguíneo ajuda a prevenir a malária

Um raro tipo sanguíneo, encontrado apenas em algumas partes da África Oriental, parece proporcionar uma resistência natural à malária. Cientistas pensam ter descoberto como é isto possível. Em 2017, depois de terem analisado milhares de genomas no …

"Nem mais um tostão". Rio defende nova auditoria ao Novo Banco (e vai votar a favor do projeto do BE)

O presidente do PSD sugeriu que seja realizada uma auditoria ao Novo Banco por uma instituição pública como o Tribunal de Contas (TdC) e disse estar disponível para aprovar a proposta de comissão de inquérito …

O propósito do sono muda repentinamente quando somos crianças

Uma equipa de investigadores identificou uma mudança repentina no propósito pelo qual precisamos de dormir. A alteração foi verificada, na mesma altura, em animais. A razão pela qual precisamos de dormir pode variar de acordo com …

“Desrespeito e mentira”. Rui Moreira ameaça levar UEFA a tribunal após cancelamento da Supertaça europeia

O presidente da Câmara do Porto ameaçou recorrer à justiça para reclamar os prejuízos causados pela decisão da UEFA de não realizar a final da Supertaça europeia de futebol na cidade, acusando aquela instituição de …

Eis os quatro mundos mais promissores de albergar vida alienígena

Marte, Europa, Encélado e Titã são, de acordo com as descobertas científicas, os mundos mais promissores de albergar vida alienígena. A biosfera da Terra contém todos os ingredientes conhecidos necessários para a vida como a conhecemos. …

O Ciclo Solar 25 vai afetar a vida na Terra (e a NASA explica como)

A cada 11 anos, o Sol inicia um novo ciclo solar, marcado por períodos de violentas erupções e explosões magnéticas. Em dezembro de 2019, teve início um novo ciclo solar. Na semana passada, a NASA e …

Criada para prevenir a guerra, a ONU enfrenta um mundo profundamente polarizado

Criada após a Segunda Guerra Mundial para evitar novos conflitos, a Organização das Nações Unidas (ONU) comemora esta segunda-feira o 75.º aniversário, num mundo polarizado que enfrenta uma pandemia, conflitos regionais, uma economia em declínio …

Mulher cai de carro em movimento enquanto grava vídeo para o Snapchat

Uma mulher, que ocupava o lugar do passageiro de um carro em movimento, caiu numa auto-estrada enquanto filmava um vídeo para a rede social Snapchat, no Reino Unido. Segundo a CNN, a mulher estava pendurada na …

Nos Estados Unidos, a venda de discos em vinil ultrapassou a de CD pela primeira vez desde 1986

Pela primeira vez desde 1986, as vendas de discos de vinil ultrapassaram as vendas de CD nos Estados Unidos em 2020. Os números foram apresentados na semana passada pela Associação Americana da Indústria de Gravação, …

Mourinho espera ganhar sem jogar

Tottenham iria defrontar o Leyton Orient mas também no Reino Unido há jogos de futebol em causa por causa do coronavírus. O encontro entre Leyton Orient e Tottenham, relativo à terceira eliminatória da Taça da Liga …