Esqueleto que caiu de um penhasco pode ter pertencido a uma princesa

Há mais de um século, um tronco esculpido que continha o antigo esqueleto de uma mulher caiu de um penhasco à beira-mar na pequena vila costeira polaca de Bagicz.

Agora, os investigadores determinaram que a mulher viveu tanto há dois mil anos – mais cem anos do que se acreditava – e poderia muito bem ter sido uma princesa na época.

Encontrada ao lado da mulher, havia vários ornamentos de bronze, incluindo um fecho, pulseiras, um colar de missangas, um alfinete feito de osso e um banquinho de madeira. Também foi encontrado um pedaço de couro de vaca e roupas feitas de lã – um achado arqueológico raro na Polónia, devido aos padrões locais de decomposição. Juntos, estes objetos indicam que a mulher, na época, tinha um status importante.

Investigadores da Universidade de Szczecin e Varsóvia colaboraram num esforço para datar os objetos e o esqueleto após a descoberta do século XIX. Por datação por radiocarbono dos ossos, a equipa determinou que a mulher morreu por volta dos 30 a.C ou antes. Técnicas de datação já tinham concluído que o enterro ocorreu no final do século II.

“Nós achámos que a discrepância na data pode ser um erro relacionado com a medição – os resultados podem ser diferentes quando a dieta do falecido é rica em peixe“, disse a arqueóloga Marta Chmiel-Chrzanowska, da Universidade de Szczecin à Science in Poland.

Apesar da herança costeira nas Ilhas Pomerânia ou Bálticas, uma análise de isótopos nos seus dentes indicou que a dieta não incluía peixes do oceano. “Não encontrámos nenhum vestígio de peixe do Báltico na sua dieta, mas consumiu muitos produtos de origem animal, como evidenciado pelo tipo de proteína preservada nos dentes. Também podia ter comido peixe de lagos e rios interiores“, disse Rafał Fetner, da Universidade de Varsóvia.

Embora a mulher tivesse entre 20 e 35 anos no momento da sua morte, os investigadores também descobriram que o esqueleto exibia mudanças patológicas significativas nas articulações associadas à artrose na parte inferior da coluna – uma doença que normalmente afeta os idosos ou aqueles que fazem muito esforço físico durante o trabalho.

Uma princesa trabalhadora que vive perto do oceano mas não come peixe? É um mistério que os investigadores querem resolver em futuras análises do esqueleto.

PARTILHAR

RESPONDER

Teresa Leal Coelho admite processar ex-vereador Fernando Nunes da Silva

A vereadora da Câmara Municipal de Lisboa Teresa Leal Coelho admitiu que poderá vir a processar o antigo vereador Fernando Nunes da Silva, devido às declarações sobre a reposição dos sentidos de circulação na Avenida …

Linha de Fundo: Benfica reforça liderança, mais recados de Conceição, um jardim de infância especial e João “rosa” Almeida

Era uma vez um Clássico... Deu empate o primeiro clássico da época 2020/21. Em Alvalade, Sporting e FC Porto igualaram-se a duas bolas, num jogo que valeu pelas mudanças de resultado, mas que nem sempre foi …

CDS critica PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa

O CDS está "chocado" por a TAP ir abandonar as quatro rotas que opera no Aeroporto Francisco Sá Carneiro e critica o PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa. O …

Contratos de associação dos colégios privados. Ministério da Educação vence todos os 55 processos judiciais

Em todos os 55 processos judiciais que os colégios privados moveram contra o Ministério da Educação em 2016, na sequência da polémica dos contratos de associação, todas as 55 decisões foram favoráveis ao Governo. O jornal …

Famílias numerosas podem pedir desconto no IVA da luz a partir de março

As famílias com cinco ou mais elementos só poderão usufruir da redução do IVA da eletricidade a partir de 1 de março e terão de o requerer junto do seu fornecedor, segundo uma portaria esta …

Vacina da gripe disponível para mais grupos. Farmácias temem não ter stock suficiente

A vacina da gripe está, a partir desta segunda-feira, disponível para mais grupos populacionais com o início da segunda fase da campanha, que estende a vacinação a pessoas com 65 ou mais anos e pessoas …

Franceses em protesto para homenagear professor decapitado. Autoridades procuram radicais islâmicos

Milhares de pessoas reuniram-se no domingo no centro de Paris numa demonstração de repúdio pela decapitação do professor que mostrou aos seus alunos desenhos do Profeta Maomé. Os manifestantes da Praça da República ergueram cartazes onde …

Proud Boys acreditam na vitória de Trump: "Vamos Ganhar". Voto antecipado começa hoje na Florida

O líder do grupo Proud Boys disse à Lusa, durante uma manifestação em Miami, que Donald Trump vai vencer as eleições presidenciais norte-americanas, e rejeitou a acusação de que é dirigente de uma organização extremista. …

Projeto desenvolve testes rápidos de baixo custo para detetar imunidade

Um consórcio de universidades e uma empresa querem desenvolver "testes rápidos e de baixo custo" para detetar a resposta imunitária ao vírus SARS-CoV-2. O projecto TecniCov, que "obteve um financiamento de 450 mil euros da Agência …

"Medo constante". Human Rights Watch denuncia tortura na Coreia do Norte

Uma organização não-governamental denunciou esta segunda-feira que o sistema norte-coreano de detenção pré-julgamento e de investigação é cruel e arbitrário, com ex-detidos a descreverem tortura sistemática, corrupção e trabalhos forçados não-remunerado. No relatório de 88 páginas, …