Esqueleto que caiu de um penhasco pode ter pertencido a uma princesa

Há mais de um século, um tronco esculpido que continha o antigo esqueleto de uma mulher caiu de um penhasco à beira-mar na pequena vila costeira polaca de Bagicz.

Agora, os investigadores determinaram que a mulher viveu tanto há dois mil anos – mais cem anos do que se acreditava – e poderia muito bem ter sido uma princesa na época.

Encontrada ao lado da mulher, havia vários ornamentos de bronze, incluindo um fecho, pulseiras, um colar de missangas, um alfinete feito de osso e um banquinho de madeira. Também foi encontrado um pedaço de couro de vaca e roupas feitas de lã – um achado arqueológico raro na Polónia, devido aos padrões locais de decomposição. Juntos, estes objetos indicam que a mulher, na época, tinha um status importante.

Investigadores da Universidade de Szczecin e Varsóvia colaboraram num esforço para datar os objetos e o esqueleto após a descoberta do século XIX. Por datação por radiocarbono dos ossos, a equipa determinou que a mulher morreu por volta dos 30 a.C ou antes. Técnicas de datação já tinham concluído que o enterro ocorreu no final do século II.

“Nós achámos que a discrepância na data pode ser um erro relacionado com a medição – os resultados podem ser diferentes quando a dieta do falecido é rica em peixe“, disse a arqueóloga Marta Chmiel-Chrzanowska, da Universidade de Szczecin à Science in Poland.

Apesar da herança costeira nas Ilhas Pomerânia ou Bálticas, uma análise de isótopos nos seus dentes indicou que a dieta não incluía peixes do oceano. “Não encontrámos nenhum vestígio de peixe do Báltico na sua dieta, mas consumiu muitos produtos de origem animal, como evidenciado pelo tipo de proteína preservada nos dentes. Também podia ter comido peixe de lagos e rios interiores“, disse Rafał Fetner, da Universidade de Varsóvia.

Embora a mulher tivesse entre 20 e 35 anos no momento da sua morte, os investigadores também descobriram que o esqueleto exibia mudanças patológicas significativas nas articulações associadas à artrose na parte inferior da coluna – uma doença que normalmente afeta os idosos ou aqueles que fazem muito esforço físico durante o trabalho.

Uma princesa trabalhadora que vive perto do oceano mas não come peixe? É um mistério que os investigadores querem resolver em futuras análises do esqueleto.

PARTILHAR

RESPONDER

Há um enorme buraco na atmosfera de Marte (e a água está a escapar)

Uma vez a cada dois anos, um gigantesco buraco abres-e na atmosfera marciana, deixando escapar para o Espaço uma parte das escassas reservas de água do Planeta Vermelho. O estranho mecanismo meteorológico, nunca visto na Terra, …

Musk vai construir um túnel de alta velocidade em Las Vegas

A Boring Company conseguiu um contrato de 48,7 milhões de dólares para construir um sistema subterrâneo, chamado LVCC Loop, em Las Vegas. A empresa Boring Company, de Elon Musk, foi a escolhida para construir um túnel …

Cientistas podem ter descoberto a verdadeira origem da canábis

A origem da canábis é um mistério, mas a análise de pólen antigo sugere que a planta evoluiu cerca de três quilómetros acima do nível do mar no planalto tibetano. Documentos que datam da Idade Média …

Sporting vs FC Porto | Um ano depois, a Taça para os leões

O Sporting venceu o FC Porto, mais uma vez nas grandes penalidades, e arrecadou a 17ª Taça de Portugal. Num jogo muito disputado no Estádio do Jamor, que terminou empatado 1-1 no tempo regulamentar, o Porto …

Marcelo pede aos portugueses para votarem. "Ficar em casa é um erro enorme"

O Presidente da República pediu hoje aos portugueses que façam o "pequeno sacrifício" de votar nas eleições para o Parlamento Europeu e não deixem "nas mãos de 20% ou de 25% a decisão que é …

Uma cidade inteira dos EUA está refém de cibercriminosos

A cidade de Baltimore, nos Estados Unidos, está sob ataque. Mas a ameaça não vem de pessoas armadas com pistolas e bombas. Há duas semanas, cibercriminosos usaram ransomware - um tipo de software nocivo que restringe …

Abandonado em bebé no aeroporto de Gatwick, Steve encontrou a família 33 anos depois

Um bebé foi abandonado no chão de uma casa de banho do aeroporto de Gatwick a 10 de abril de 1986. Foi quando Beryl Wright encontrou o recém-nascido que começou o mistério que só se …

Monges encontram receita perdida e voltam a fabricar cerveja medieval belga após 224 anos

Os monges da abadia de Grimbergen, na província de Brabante Flamengo, na Bélgica, encontraram a receita original de uma cerveja que era produzida artesanalmente no local há 224 anos e voltarão a fabricá-la. Monges da Abadia …

Nova app permite transmitir consentimento ao par num encontro

Vem aí uma nova app para encontros que nos permite sinalizar quando é que o nosso par tem o nosso consentimento para avançar para o próximo passo. A aplicação permite também ganhar pontos conforme se …

Agências de espionagem dos EUA cedem informações a investigação sobre interferência russa

Trump ordenou às agências de espionagem norte-americanas que deem os dados que têm sobre interferência da Rússia nas presidenciais de 2016 ao Departamento da Justiça. O diretor dos serviços secretos nacionais norte-americanos, Dan Coats, afirmou este …