O Espaço esconde uma nova ameaça para os astronautas: herpes

As missões espaciais podem ser ainda mais complicadas para os astronautas, uma vez que alguns vírus latentes, como o herpes, são reativados durante os voos.

De acordo com uma nova investigação da NASA publicada na revista Frontiers in Microbiology, embora os astronautas desenvolvam apenas uma pequena percentagem dos sintomas, a duração do voo espacial aumenta a taxa de reativação do vírus, o que poderia representar mais desafios para missões como uma expedição a Marte ou além.

“Durante o voo espacial há um aumento na secreção de hormonas do stress, como o cortisol e a adrenalina, que suprimem o sistema imunológico. Descobrimos que as células imunes dos astronautas, particularmente aquelas que normalmente suprimem e eliminam os vírus, se tornam menos eficaz durante voos espaciais e, às vezes, até 60 dias depois”, disse Satish K. Mehta, do Centro Espacial Johnson, em comunicado.

Mehta e os seus colegas descobriram que a urina e a saliva dos astronautas contêm mais amostras de herpes do que antes ou depois da viagem espacial. Um dos culpados, suspeitam os investigadores, é o stress causado pelas missões espaciais.

Os astronautas da NASA suportam semanas ou até meses expostos a microgravidade e radiação cósmica, sem mencionar as forças extremas de descolagem e reentrada”, disse Mehta. “Esse desafio físico é agravado por fatores stressantes mais familiares, como a separação social, confinamento e ciclo alterado de sono-vigília”.

“Até o momento, 47 dos 89 (53%) astronautas em voos curtos e 14 dos 23 (61%) em missões mais longas da Estação Espacial Internacional (ISS) têm o vírus do herpes nas suas amostras de saliva ou urina “, de acordo com os autores do estudo.

A reativação do vírus do herpes nos astronautas não só representa uma ameaça para eles, mas também para as pessoas com as quais entram em contacto na Terra. Segundo o estudo, pessoas com o vírus reativado ainda expelem substâncias infecciosas nos seus fluidos corporais até 30 dias após regressarem da ISS.

Felizmente, essa excreção viral é tipicamente assintomática. Os seis astronautas que desenvolveram sintomas devido à reativação sofreram apenas sintomas menores. No entanto, o facto de a duração dos voos espaciais poder afetar a reativação de vírus não é um bom sinal para futuras missões. A duração, frequência e magnitude da propagação viral aumentam com a duração do voo espacial.

PARTILHAR

RESPONDER

Corvos da Torre de Londres "salvaram" o país. Tiveram crias pela primeira vez em 30 anos

Os icónicos corvos negros da Torre de Londres "salvaram" o Reino Unido das consequências fatídicas de uma antiga profecia ao ter descendentes pela primeira vez desde 1989. O casal formado por Huginn (o pai) e Muninn …

A Estónia só tem um lingote de ouro e nem sequer o pode vender

O Banco Central da Estónia, que completou em maio 100 anos desde a sua função, só tem um lingote de ouro e nem sequer o pode vender, uma vez que o material não é puro …

Explosão atinge autocarro de turistas perto das Pirâmides de Gizé

Uma explosão atingiu um autocarro de turistas perto das célebres pirâmides de Gizé, no Egito, provocando 17 feridos, entre naturais do Egito e da África do Sul, noticia a agência France-Presse. Um engenho explosivo detonou à …

Alerta de erupção vulcânica. Monte Hakone fechado a turistas

As autoridades japonesas activaram este domingo o alerta por possível erupção vulcânica no monte Hakone, e fecharam todos os acessos à popular paisagem natural, que é visitada anualmente por milhões de turistas. A Agência Meteorológica do …

Vírus gigantes nas águas da Índia podem resolver mistério evolutivo

Uma equipa liderada por cientistas do Instituto Indiano de Tecnologia em Bombaim descobriu mais de 20 novos vírus nas águas da cidade, incluindo versões gigantes destes agentes biológicos que podem ajudar a desvendar questões importantes …

Sondagens dão maioria pró-UE no Parlamento Europeu (mas eurocéticos crescem)

As sondagens para o Parlamento Europeu apontam para uma maioria de partidos pró-União Europeia (UE), apesar de os partidos eurocéticos ganharem terreno em relação à composição que resultou das eleições de 2014. Entre os 751 assentos …

A ciência por detrás de um bom chocolate foi finalmente revelada

O melhor chocolate é uma mistura complexa de ciência e o truque não é novo: esta técnica de mistura tem mais de 140 anos. Uma equipa de cientistas da Universidade de Edimburgo, na Escócia, Reino Unido, …

Cristiano Ronaldo eleito o melhor da liga italiana

Cristiano Ronaldo foi o melhor jogador da Liga Italiana 2018/19. A distinção foi anunciada neste sábado, com a Série A a explicar que a escolha foi feita com base em cálculos dos sites Opta Sports, …

Europeias: PS quer fazer o mesmo na Europa, PSD lembra cataplana de Costa e BE pede para não ficar em casa

No dia em que ficou decidido quem seria o campeão nacional de futebol deste ano, a campanha eleitoral para as europeias abrandou, com os partidos a terminarem as iniciativas pelo final da tarde. O cabeça de …

Descobertas inscrições neolíticas com símbolos da realeza egípcia

Uma missão arqueológica do Ministério de Antiguidades de Egito descobriu perto da cidade de Assuão, no sul do país, as primeiras inscrições reais que remontam ao período neolítico. Este período começou há 12 mil anos e …