Os escoceses estão a gerar energia eólica suficiente para abastecer duas Escócias

No primeiro semestre de 2019, a Escócia gerou energia eólica suficiente para abastecer as suas casas duas vezes.

Segundo divulgou esta quarta-feira o Science Alert, as turbinas geraram 9,8 milhões de megawatts-hora de eletricidade entre janeiro e junho, o suficiente para fornecer energia a 4,47 milhões de residências. O país que tem cerca de 2,6 milhões de residências. Março foi o mês mais produtivo, com 2.194.981 megawatts-hora de produção.

Este recorde de energia eólica na Escócia significa que as turbinas poderiam ter fornecido eletricidade suficiente para todas as residências do país, além de grande parte do norte da Inglaterra, nos primeiros seis meses do ano.

“Estes são números surpreendentes, a revolução da energia eólica na Escócia continua a desenvolver-se com força”, disse Robin Parker, gestor de Política de Clima e Energia do Fundo Mundial para a Natureza (WWF). “Acima e abaixo do país, todos estamos a beneficiar de energia mais limpa, e o clima também”.

De acordo com o responsável, estes números “mostram que aproveitar o abundante potencial eólico da Escócia pode fornecer eletricidade limpa para milhões de lares, não apenas na Escócia, mas também na Inglaterra”.

Ao nível da energia renovável, o Reino Unido tem desempenhado um papel importante, tendo passado um período de sete dias – um total de 167 horas consecutivas – sem depender da energia do carvão, algo que não acontecia desde a Revolução Industrial do século 19. Foram as turbinas a gás, a energia nuclear, a energia solar e outras energias renováveis ​​que desempenharam esse papel.

Gustavo Gargioni/ Especial Palácio Piratini

Este feito vai ao encontro da meta do governo britânico de abandonar completamente o carvão até 2025.

Outros países também estão a beneficiar do potencial crescente das energias renováveis. Na Alemanha a produção de energia renovável excedeu a procura, graças ao pesado investimento em energia eólica e solar.

A província de Qinghai, no noroeste da China – que abriga cerca de cinco milhões de cidadãos -, tem funcionado por semanas com energia renovável, usando fontes como energia solar, eólica e hídrica.

O crescimento da energia renovável deve-se ao desenvolvimento de tecnologia mais eficiente, à medida que os cientistas descobrem maneiras de gerar mais eletricidade a partir da mesma quantidade de sol ou vento.

A Escócia é uma espécie de pioneira quando se trata de energia eólica, sublinhou o Science Alert. O país espera fornecer toda a sua energia a partir de energias renováveis ​​nos próximos 12 meses, uma meta está a caminho de ser conseguida.

“Esses números destacam a consistência da energia eólica na Escócia e por que o país desempenha um papel importante no mercado de energia do Reino Unido”, afirmou Alex Wilcox Brooke, gestor no Projeto de Energia Atmosférica da Severn Wye Energy Agency.

TP, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Quase 40% dos americanos com dificuldades financeiras. Doar sangue é a sua maior receita

A economia dos Estados Unidos (EUA), considerada uma das maiores do mundo, permitiu avanços sociais e tecnológicos inestimáveis. Contudo, atualmente, cerca de 40% dos norte-americanos afirmam ter dificuldade em pagar por comida, por habitação, por …

"Políticos devem ser colocados contra a parede". Greta pede desculpa

A ativista do clima Greta Thunberg pediu desculpa por ter dito que os políticos devem ser colocados “contra a parede”, após diversas pessoas terem considerado que a jovem estava a defender a violência. A sueca de …

Carnaval belga retirado da lista de Património Imaterial da UNESCO após queixas de antissemitismo

As festas da cidade de Aalst, na Bélgica, foram retirada da lista do Património Imaterial da Humanidade, depois de a UNESCO ter sancionado a presença de carros carnavalescos contendo imagens antissemitas. O presidente da Câmara …

Conselho de Ministros aprova proposta de OE2020 (e foram quase 10 horas de reunião)

O Conselho de Ministros aprovou hoje a proposta de Orçamento do Estado para 2020, dez horas depois de a reunião extraordinária ter começado, anunciou hoje o primeiro-ministro na sua página na rede social Twitter. "O Conselho …

Nova espécie de baleia mostra como este animal evoluiu para conseguir nadar

Cientistas descobriram uma nova espécie de baleia, que existiu há 35 milhões de anos, que pode dar novas pistas sobre como as baleias evoluíram para conseguir nadar. De acordo com a revista Newsweek, os investigadores analisaram …

Casal separado após sobreviver a Auschwitz reencontra-se 72 anos depois em Nova Iorque

Em 1944, David Wisnia e Helen "Zippi" Spitzer eram dois prisioneiros judeus e secretamente namorados que, miraculosamente, conseguiram sobreviver ao campo de concentração nazi Auschwitz, na Polónia. Porém, no final da guerra, foram separados depois de …

Benfica 4-0 Famalicão | Pizzi entrega saco cheio de Natal

O Benfica terminou o seu ano de Liga NOS com mais uma vitória, de novo por 4-0, tal como havia acontecido na anterior partida no Estádio da Luz, ante o Marítimo. Desta vez frente ao …

Morreu o ator Danny Aiello

Morreu esta quinta-feira, em Nova Jérsia, o ator Danny Aiello, que recordamos pelos seus muitos êxitos dos anos 80. Tinha 86 anos. "É com profunda dor que comunicamos que Danny Aiello, amado marido, pai, avô, ator …

Videojogo chinês incita jogadores a atacar os "traidores" em Hong Kong

Há um novo videojogo que está a ganhar popularidade na China. Chama-se "Fight the Traitors Together" e permite que os jogadores ataquem manifestantes de Hong Kong. No jogo, os jogadores podem bater nos manifestantes pró-democracia, sendo …

Mundial de Clubes proíbe demonstrações públicas de afeto

Começou na passada quarta-feira, dia 11 de dezembro, em Doha, capital do Catar, o Mundial de Clubes da FIFA, prova onde estão inseridos clubes como Flamengo e Liverpool. E esta até poderia ser mais uma …