Equador. Presidente foge da capital após manifestantes invadirem o Parlamento

Archivo Medios Públicos EP / Flickr

O Presidente do Equador, Lenín Moreno

O Presidente do Equador, Lenín Moreno, impôs na terça-feira um recolher obrigatório noturno depois de manifestantes, alguns com escudos de madeira, terem rompido um cordão de segurança em torno da Assembleia Nacional.

Lá dentro, os manifestantes agitaram bandeiras e entoaram cânticos antes de serem obrigados a sair pelas forças de segurança. Não havia funcionários no edifício no momento da invasão, noticiou a BBC, citada pelo Expresso esta quarta-feira.

Lenín Moreno viu-se forçado a mudar temporariamente a sede do Governo da capital, Quito, para a cidade portuária de Guayaquil.

O anúncio na semana passada do fim dos subsídios que mantinham os preços dos combustíveis baixos desencadeou uma greve dos sindicatos de transporte. Os sindicatos acabaram por suspender a paralisação mas os protestos continuaram.

Manifestantes indígenas têm bloqueado estradas um pouco por todo o país e milhares viajaram até à capital para se juntarem à contestação.

O balanço feito pelas autoridades locais aponta para dois mortos, dezenas de feridos e quase 600 detenções nos últimos dias. Alguns dos bloqueios de estradas afetaram a distribuição de gasolina, levando à escassez de combustível nalgumas partes do país.

Outros edifícios governamentais, além da Assembleia Nacional, foram atacados e danificados, relata a imprensa local.

Lenín Moreno declarou uma emergência nacional de dois meses devido à instabilidade mas sublinhou que “sob nenhuma circunstância” irá demitir-se. “Não percebo por que motivo deveria fazê-lo se estou a tomar as decisões certas”, disse.

O Presidente afirmou que os subsídios, que custam ao Governo cerca 1,2 mil milhões de euros por ano, já não são suportáveis. A eliminação dos subsídios, introduzidos nos anos 1970, fazem parte do plano de Lenín Moreno para reforçar a debilitada economia equatoriana e aliviar o peso da dívida.

O Governo concordou em cortar os gastos públicos como parte de um acordo de empréstimo com o Fundo Monetário Internacional.

Os confrontos atuais são os mais graves dos últimos anos, tendo os protestos liderados por indígenas derrubado três Presidentes nas últimas décadas. Lenín Moreno já se mostrou aberto à mediação internacional, nomeadamente através das Nações Unidas ou da Igreja Católica.

ZAP // //

PARTILHAR

RESPONDER

Garcia de Orta. Governo admite recorrer a pediatras do privado para assegurar urgência

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Francisco Ramos, disse que a falta de médicos pediatras nas urgências do hospital Garcia de Orta “é uma situação que não é possível resolver de um …

Cientistas descobrem um novo benefício de tomar chá

https://vimeo.com/366605754 Se já se sabia que beber chá era bom para a nossa saúde, uma nova investigação vem confirmar ainda mais essa ideia. Cientistas encontraram no chá um novo benefício para o nosso cérebro. Várias investigações apontam …

Governo da Escócia quer novo referendo sobre independência em 2020

A ministra principal da Escócia e líder do Partido Nacionalista Escocês (SNP), Nicola Sturgeon, afirmou esta terça-feira que quer um novo referendo sobre a independência em 2020 e abrir negociações com Londres até ao fim …

As bactérias contradizem Darwin: a mais apta não sobrevive

Uma recente investigação levada a cabo pela Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, revela que, no que diz respeito às bactérias, a "sobrevivência das mais cooperativas" excede a "sobrevivência das mais fortes". As bactérias são capazes de …

A Via Láctea roubou minúsculas galáxias à sua vizinha

Utilizando dados obtidos pelo Telescópio Gaia, os cientistas chegaram à conclusão que a Via Láctea "sequestrou" galáxias da Grande Nuvem de Magalhães, uma outra galáxia que a orbita. No nosso Universo, a regra é orbitar: a …

Pode ter sido encontrada (e ignorada) vida em Marte em 1976, defende antigo cientista da NASA

O antigo cientista da agência espacial norte-americana Gilbert V. Levin afirma que foram encontradas evidências de vida em Marte na década de 70. No entender do especialista, deviam ter sido levado a cabo mais investigações …

Era marketing. Fortnite voltou (e está diferente)

Depois de 10 temporadas, um buraco negro engoliu a ilha na qual diariamente milhões de jogadores tentavam sobreviver, matando-se uns aos outros. Durante um dia e meio, ninguém podia jogar. O susto acabou esta terça-feira, …

Cientistas determinam o que diminui a fertilidade das mulheres com o avanço da idade

Investigadores da Universidade de Copenhaga mapearam alguns dos mecanismos que podem afetar a fertilidade das mulheres desde a adolescência até a menopausa. A fertilidade natural das mulheres flutua entre altos e baixos na forma de uma …

Dono do Paris Saint-Germain quer comprar o Leeds (e torná-lo no novo Manchester City)

A Qatar Sports Investments (QSI), empresa que é detida por Nasser Al Khelaifi, quer dar o salto para o mercado inglês e adquirir o Leeds United, emblema que milita atualmente no segundo escalão. Na semana em …

Município italiano proíbe Google Maps. App faz com que muitas pessoas se "percam"

O autarca do município italiano de Baunei, na Sardenha, proibiu o uso do Google Maps na região, argumentando que "muitas" pessoas se perderam por causa de "sugestões enganosas" do serviço de localização. A informação é …