Encontradas duas câmaras secretas na Grande Pirâmide de Gizé

A Grande Pirâmide de Gizé, no Egipto, tem duas cavidades que ficaram escondidas do olhar dos cientistas que estudam, há vários anos, uma das Grandes Maravilhas do Mundo. A descoberta foi feita graças a uma tecnologia que é usada para mapear vulcões.

Estas duas “câmaras secretas” foram detectadas nas paredes da Grande Pirâmide de Gizé no âmbito do projecto colaborativo de investigação entre várias universidades e institutos científicos que é conhecido como “Scan Pyramids“, que já tinha permitido identificar pontos de calor misteriosos no monumento egípcio.

A equipa internacional de cientistas tem recorrido a técnicas como a termografia, a radiografia de muão (que é habitualmente usada para fazer o mapeamento do interior dos vulcões) e simulações 3D com o intuito de revelar os segredos das pirâmides.

Foi assim, que se conseguiu descobrir a presença de dois vazios misteriosos no interior da Grande Pirâmide, um situado na extremidade nordeste e o outro por trás do corredor descendente, de acordo com um comunicado do HIP Institute, que coordena a investigação

Ainda não se sabe o que é que estes dois compartimentos escondem, mas a técnica que permitiu revelá-los, conhecida como radiografia de muão, pode também ser fundamental para responder a essa pergunta.

O investigador Mehdi Tayoubi, envolvido nas pesquisas em torno da pirâmide, explicou ao ScienceAlert como funciona esta técnica.

“Como os raios-X passam através dos nossos corpos, permitindo-nos visualizar o nosso esqueleto, estas partículas elementares, pesando cerca de 200 vezes mais do que os electrões, podem muito facilmente passar através de qualquer estrutura, mesmo rochas grandes e espessas, como montanhas”, frisa Mehdi Tayoubi, em declarações publicadas em Maio.

É assim que se pode “agora confirmar a existência de um vazio escondido atrás da Face Norte que pode ter a forma de um corredor para o interior da Grande Pirâmide”, salientam os investigadores do HIP.

“A forma e o tamanho precisos e a posição exacta deste vazio está agora a ser alvo de mais investigação”, referem os cientistas, notando que, em finais de Outubro, esperam poder avançar mais dados.

A equipa está também a estudar a chamada “Câmara da Rainha”, no interior da pirâmide que foi construída como um túmulo para o Faraó egípcio Quéops, através da mesma técnica de radiografia de muão, contando ter mais resultados “durante os primeiros três meses de 2017”.

SV, ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Na realidade nunca foram encontrados corpos nas pirâmides… e quando se refere “no interior da pirâmide que foi construída como um túmulo para o Faraó egípcio Quéops”.. trata-se de um “assumir” e não de um “facto”.

    Foi sim encontrada uma caixa em pedra.. que teria outras no seu interior e que por isso – em abuso – foi chamada de sarcófago de Quéops.. mas que por sinal até é demasiado pequena para guardar quaisquer restos mortais.

    Há muito que se diga sobre as pirâmide.. muito mesmo. Essa coisa de ter imensos escravos a construir as pirâmides.. e que era onde os faraós eram enterrados.. só é válido nos filmes de Hollywood. Na realidade.. nunca houve uma explicação validada para tal..

RESPONDER

Tribunal da Concorrência confirma coima de 75 mil euros a Ricardo Salgado

O Tribunal da Concorrência confirmou, esta quinta-feira, a coima de 75 mil euros aplicada pelo Banco de Portugal a Ricardo Salgado, no caso do financiamento do Grupo Alves Ribeiro (GAR) para compra de ações da …

Mais três mortes e 339 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta quinta-feira, mais três mortes e 339 novos casos de infeção por covid-19 em relação a quarta-feira, mostra o boletim mais recente da DGS. Segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde (DGS), dos …

Crise entrou em nova fase mas mundo "não está fora de perigo", diz FMI

A diretora do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, disse esta quinta-feira que a crise provocada pela pandemia entrou numa nova fase, que exige flexibilidade para assegurar "uma recuperação sustentável e equitativa", alertando que o mundo …

China bane importação de ovelhas portuguesas

As alfândegas chinesas baniram as importações de ovelhas e produtos relacionados de Portugal, alegando um aviso da Organização Mundial de Saúde Animal sobre um surto de paraplexia enzoótica dos ovinos na Guarda. A notícia foi avançada …

Tânia já pode abraçar os filhos. Livrou-se do coronavírus ao 16º teste após 4 meses isolada

A algarvia Tânia Poço foi, finalmente, dada como "curada" de covid-19 após quatro meses de confinamento. Aquele que terá sido o caso mais prolongado da infecção em Portugal, chegou ao fim com o 16º teste …

Exame de Matemática A criticado. Prova "infeliz" não permite "distinguir" alunos

A Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM) criticou esta quinta-feira a elaboração do exame nacional de Matemática A, prova realizada por mais de 38.699 alunos que pretendem concorrer ao Ensino Superior. No entender da SPM, "o …

Ninguém quer o novo aeroporto do Montijo. Medina apela a "avanço" na decisão

Autarcas e ambientalistas foram ouvidos, esta quarta-feira, no Parlamento, onde se discutiu o projeto do novo Aeroporto do Montijo. A posição de ambos parece clara: ninguém quer avançar com a ideia. A construção do aeroporto …

Pandemia acelera nos Estados Unidos. Uso de máscara pode salvar 40 mil vidas

Os Estados Unidos ultrapassaram pela primeira vez a barreira dos 70 mil casos de covid-19, nas últimas 24 horas, elevando para mais de 3,49 milhões o total de contágios no país, indicou a Universidade Johns …

Presidente polaco falou ao telefone com Guterres sobre a comunidade LGBT e a 2.ª Guerra (mas não era Guterres)

O recém-eleito Presidente da Polónia, Andrzej Duda, julgava que estava a conversar por telefone com António Guterres, secretário-geral das Nações Unidas. Falou-se da pandemia, da comunidade LGBT e da II Guerra Mundial. Porém, do outro …

Itália pediu ajuda, Europa ficou em silêncio e o vírus cavalgou por todo o continente

A lenta resposta a um inimigo invisível, a falta de stock de equipamentos de proteção, um Ocidente a festejar o Ano Novo e uma Europa com as atenções centradas no Brexit. Um cocktail desastroso que …