Grupo de 42 empresários defende criação da área metropolitana de Coimbra

Um grupo de 42 empresários e gestores subscreveu um manifesto económico, coordenado pelo médico e gestor Nuno Freitas, que defende, entre 15 propostas, a criação da área metropolitana de Coimbra.

A proposta “15 Medidas Públicas para Coimbra 2030”, a que a agência Lusa teve esta quarta-feira acesso, surgiu no âmbito do processo de consulta pública da Visão Estratégica para o Plano de Recuperação Económica de Portugal 2020-2030, da autoria do consultor António Costa Silva, e sustenta que as empresas da região de Coimbra “têm condições únicas para participar do esforço nacional de relançamento económico”.

O manifesto económico do chamado Grupo de Coimbra inclui “15 ideias-força”, a primeira das quais advoga a criação da área metropolitana de Coimbra “como elemento de reequilíbrio e coesão regional do país, diminuindo a macrocefalia não competitiva de Lisboa”.

Outra medida passa pela criação de um “Fundo de Capital de Risco Regional para a Área Metropolitana de Coimbra, incidindo, genericamente, na transferência de tecnologias da universidade para o mercado, “em especial nas ciências da saúde, tecnologias da informação, economia circular e espaço”.

Este novo fundo, defendem os subscritores, será gerido “por uma equipa internacional, que permita a capitalização das PME [pequenas e médias empresas] e desenvolvimento de competências de gestão e internacionalização nos respetivos negócios”.

Advogam por outro lado, a implementação de um eixo ferroviário de alta velocidade Lisboa-Coimbra-Porto, com construção da nova estação intermodal de Coimbra e a “concretização de acesso ferroviário em 50 minutos ao aeroporto Francisco Sá Carneiro (Porto), desde Coimbra, através de alta-velocidade”, o que também implica a “necessária” construção da ligação, no Porto, entre a estação ferroviária de Campanhã e o referido aeroporto.

O manifesto coordenado por Nuno Freitas – antigo vereador da autarquia de Coimbra e deputado e que, em julho, foi indicado pela concelhia do PSD como candidato à Câmara Municipal nas eleições de 2021 – aposta ainda “na ferrovia de passageiros e mercadorias com reforço das ligações regionais” entre Coimbra, Cantanhede, Figueira da Foz e Alfarelos “otimizando a função económica do porto da Figueira da Foz”.

No entanto, não especifica como se concretiza esta ambição, em especial no ramal da Pampilhosa – a antiga ligação ferroviária de Coimbra à Figueira da Foz pelos municípios da Mealhada, Cantanhede e Montemor-o-Velho – desativado há mais de uma década e que já não possui carris e outras infraestruturas.

O investimento no Serviço Nacional de Saúde em Coimbra, “com a construção da nova maternidade, reforço da inovação médica e capacidade assistencial das estruturas hospitalares existentes em contratos-programa plurianuais com autonomia de gestão” é outra das ideias do manifesto coordenado pelo médico especialista em anestesiologia.

A aposta na “reindustrialização de Coimbra” com disponibilização de terrenos e edificado público “para programas de regeneração urbana e empresarial”, fundos comunitários específicos dedicados à chamada indústria 4.0 ou a criação de “incentivos remuneratórios inovadores”, destinados a empresas “que contratem estudantes-trabalhadores a concluir mestrados e doutoramentos, ou docentes do ensino superior, mediante protocolos de colaboração especializada com universidades e politécnicos”, são outras das medidas avançadas.

Estas incluem ainda a “definição de apoios específicos públicos para a instalação de novas unidades industriais e desburocratização obrigatória municipal e regional para projetos de investimento industrial, turístico e empresarial”, bem como a “revalorização do setor primário da economia local com novos apoios à produção nacional” e otimização das cadeias de distribuição nacionais e internacionais “em especial do Baixo Mondego, da floresta e do mar da região de Coimbra”.

Entre outras medidas, o documento – que não avança os custos das propostas – consagra também a aposta “em projetos-âncora de investimento público local, com obrigatoriedade de publicação dos impactos económicos, sociais e ambientais”, dando o exemplo, em Coimbra, da construção novo Palácio da Justiça, a deslocalização da Penitenciária, reabilitação da Baixa da cidade e Sistema de Mobilidade do Mondego.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Federer acusado de manobrar a tabela ATP

Contas da associação de tenistas foram alteradas por causa do coronavírus. Roger Federer está no quinto lugar mas só disputou um torneio ao longo de 2020. Em ano anormal, contas anormais: a tabela oficial da Associação …

Astrónomo do Instituto SETI garante que vamos encontrar extraterrestres até 2036

Seth Shostak, astrónomo e astrofísico do Instituto SETI (Search for Extraterrestrial Intelligence) está convencido de que os humanos vão encontrar uma civilização extraterrestre inteligente até 2036. “O SETI duplica a velocidade aproximadamente a cada dois anos …

Mais leve e elegante. Assim é a nova e-bike que vai chegar às ruas da Europa

A startup Urban Cycles Oy, com sede em Helsínquia, demarcou uma espécie de lacuna no mercado europeu de bicicletas elétricas e por isso quis preenchê-la. O objetivo era produzir uma bicicleta elegante e mais leve. Um …

Incêndio reduz a maior ilha de areia do mundo a metade. É Património da Humanidade

Quase metade de Fraser, a maior ilha de areia do mundo, que se situa no nordeste da Austrália e foi classificada como Património da Humanidade pela UNESCO, foi destruída por um incêndio florestal. O incêndio queimou …

"Toca de bruxaria" permaneceu até agora numa casa do século XVI. Encontrados crânios de cavalo e veneno

Uma casa cheia de objetos ocultos foi recentemente alvo de grande interesse. O espaço estava localizado dentro de numa casa do século XVI no País de Gales, e encontrava-se repleto de objetos ocultos, incluindo crânios …

Em 1843, o primeiro cartão de Natal foi considerado "escandaloso" (agora vai ser leiloado pela Christie)

Um exemplar do primeiro cartão de Natal impresso comercialmente, em 1843, que retratava uma cena da era vitoriana que escandalizou a população, vai ser posto à venda esta sexta-feira e é considerado um item raríssimo. Este …

Marcelo quer alívio de restrições no Natal sem pôr em xeque janeiro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou esta sexta-feira esperar que a "possível exceção" no Natal ao quadro de restrições para conter a covid-19 "seja bem entendida e bem vivida" e não provoque …

Bill Gates diz que o mundo estará de volta à normalidade já na primavera de 2021

Bill Gates, que desde 2015 tinha vindo a lançar alguns alertas sobre uma possível pandemia, deixou agora uma mensagem de esperança ao dizer que acredita que os EUA irão voltar ao normal na primavera de …

Mais um passo na hegemonia. China constrói aldeia nos Himalaias, em zona também disputada pela Índia e pelo Butão

Novas imagens de satélite mostram que a China construiu uma aldeia nos Himalaias, ao longo de uma fronteira que também é disputada pela Índia e pelo Butão, e que foi palco de um impasse agressivo …

João Félix eleito jogador do mês da liga espanhola. Ronaldo vence prémio em Itália

O português João Félix, do Atlético de Madrid, foi eleito o melhor jogador da Liga espanhola de futebol do mês de novembro. O luso revelou-se uma peça fundamental durante todo o mês e ajudou a equipa …