Elixir da longevidade pode estar em medicamento para a diabetes

Patrick / Flickr

Investigadores já provaram que a metformina, atualmente usada para tratar diabetes, prolonga a vida de animais. Agora, o governo norte-americano autorizou ensaios com o medicamento em pessoas.

Caso os testes com humanos provem a teoria, o desenvolvimento de um medicamento baseado na metformina poderia fazer com que uma pessoa de 70 anos de idade poderá sentir-se como uma de 50.

Mais do que isso, os autores do projeto afirmam que esta descoberta pode abrir uma nova era na medicina, em que os médicos não estarão a tratar cancro, diabetes, debilidade mental, mas simplesmente a gerir o mecanismo geral do envelhecimento.

“Se o processo do envelhecimento é desacelerado, todas as patologias que se desenvolvem durante o envelhecimento estarão desaceleradas”, afirma Gordon Lithgow, professor do Instituto Buck para o Envelhecimento da Califórnia e um dos conselheiros do projeto.

A metformina aumenta o número de moléculas de oxigénio que uma célula recebe, o que aumenta a sua solidez e longevidade.

nottinghamvets / Flickr

A metformina, medicamento bem familiar a todos os doentes com Diabetes tipo 2, custa alguns cêntimos por dia - e pode ser afinal o elixir de juventude.

A metformina, medicamento bem familiar a todos os doentes com Diabetes tipo 2, custa alguns cêntimos por dia – e pode ser afinal o elixir de juventude.

Quando cientistas belgas testaram a metformina em pequenos parasitas C.elegans, os organismos não só envelheceram mais tarde, como também se mantiveram mais saudáveis.

Os ratos que receberam a substância tiveram uma vida 40% mais longa e os seus ossos tornaram-se mais fortes.

Já em 2014, um levantamento realizado na Universidade de Cardiff, no Reino Unido, revelou que os pacientes com diabetes que tomavam o medicamento de facto viveram mais do que os outros.

O novo teste clínico deve ser realizado nos EUA nos próximos meses e nele devem participar três mil pessoas entre 70 e 80 anos, que já têm ou correm o risco de ter cancro, doenças cardiovasculares ou demência.

Os cientistas esperam provar que o medicamento consegue retroceder o processo de envelhecimento e parar o desenvolvimento de doenças.

A esperança de vida nos países desenvolvidos é cerca de 80 anos. Caso os resultados do teste em pessoas mostrem o mesmo que os testes em animais, pode-se esperar que a esperança média de vida aumente até 50%, ou seja, até os 120 anos, de acordo com declarações ao Telegraph.

SN

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Bem… se isto for mesmo assim, e admitindo que o elixir produz os mesmos efeitos nos humanos que produziu nos ratos, lá vamos nós todos trabalhar até aos 91 anos!

  2. Aliás ,era um grande milagre para Portugal para resolver os problemas da segurança social com as reformas ,imagine as próximas gerações de reformados ficarem com as reformas adiadas por mais 30 anitos, ui que lhe chamavam um figo.
    Até o próprio estado oferecia os medicamentos como parte do sistema de saúde.

  3. o sistema, organizaçao das sociedades actuais nao estao preparadas para uma mudanças muito rapidas ,se comprovar os reais efeitos beneficos,alguem vai pressionar os cientistas a dizer que afinal nao e bem assim,que fizeram mais testes e afinal provoca cancro ou outro problema qualquer !

RESPONDER

Esta zebra nasceu com bolas em vez de riscas

No Quénia, foi avistada uma cria de zebra com uma particularidade: em vez de riscas, esta tinha bolinhas brancas. Habitualmente, as zebras com condições semelhantes acabam por não viver durante muito tempo. Um rara cria de …

Há rochas "saltitantes" e colapsos de penhascos no cometa da Rosetta

  Cientistas que analisam o tesouro de imagens obtidas pela missão da Rosetta da ESA descobriram mais evidências de curiosas rochas "saltitantes" e quedas dramáticas de penhascos. A Rosetta operou no Cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko entre agosto de 2014 …

PS e BE afastados "porque dá jeito" (e os riscos de andar para trás)

O líder do PSD alertou este domingo para o distanciamento do PS em relação ao BE, porque “dá jeito para as eleições”, notando ser uma tentativa de “limpar” a proximidade dos últimos quatro anos e …

A KLM vai passar a "voar" de comboio

A KLM, que já tinha sugerido que se voasse menos e se viajasse mais de comboio, confirmou que vai retirar um dos voos Bruxelas-Amesterdão, passando os passageiros a efetuar a rota sobre carris, num comboio …

Cientistas fazem reconstrução facial de um guerreiro escocês do séc XV

Cientistas reconstruiram digitalmente o rosto daquele que terá sido um membro poderoso de um clã do século XV da Escócia, que terá morrido num violento conflito com um clã vizinho. Corria o ano de 1957 quando …

Estudo mostra que os golfinhos também já são resistentes aos antibióticos

Um novo estudo realizado nos Estados Unidos mostra que os golfinhos Tursiops truncatus também já mostram resistência aos antibióticos. Não é segredo que os seres humanos usam demasiados antibióticos, tanto que estamos a desenvolver uma resistência …

Indígenas famosos pela sua saúde cardíaca começaram a usar óleo de cozinha (e a engordar)

O povo Tsimane, que vive na Bolívia, tem permanecido relativamente afastado do mundo exterior durante várias gerações, prosperando da terra e praticando formas tradicionais de caça, pesca, agricultura e recolha de alimentos. Durante vários anos, sabe-se …

Mais de 150 detidos em protestos violentos em Paris. Desta vez, sem coletes amarelos

As autoridades francesas detiveram este sábado mais de 150 pessoas numa nova jornada de protestos em Paris, onde coincidiram uma manifestação dos coletes "amarelos" com outras dois em defesa do clima e contra a reforma …

UE deteta 50 a 80 casos de desinformação e fake news russas por semana

O grupo de trabalho do Serviço Europeu de Ação Externa contra a desinformação russa deteta, semanalmente, entre 50 e 80 casos, num total de mais de 6.300 situações identificadas desde 2015, que têm vindo a …

Moreirense 1-2 Benfica | Rafa abre caminho à reviravolta

O Benfica sofreu a bom sofrer para levar de vencida o Moreirense, em casa deste, por 2-1. Os homens da casa marcaram primeiro, por Luther Singh, logo no arranque do segundo tempo, e estiveram na …