EDP avisa Governo: com estes impostos, Sines fecha mais cedo

Tiago Petinga / Lusa

O presidente executivo da EDP, António Mexia, admitiu que a Central de Sines pode fechar “bastante antes de 2025” devido ao aumento da carga fiscal aplicada às centrais a carvão, realçando que terá “impacto na economia da região”.

Em conferência de imprensa de apresentação de resultados, António Mexia afirmou que “foram introduzidas medidas que penalizam as centrais a carvão que eventualmente vão levar ao encerramento antes do previsto da Central de Sines”, referindo-se ao fim da isenção do Imposto sobre os Produtos Petrolíferos (ISP) e introdução de uma taxa de carbono.

“É fundamental gerir este modelo de transição para que não se criem desequilíbrios competitivos”, argumentou António Mexia, aludindo à diferença de políticas entre Portugal e Espanha face às centrais a carvão.

Os produtos como o carvão e o coque usados na produção de eletricidade, calor ou gás de cidade passaram este ano a pagar 10% do ISP, taxa que será agravada até aos 100% em 2022, de acordo com o Orçamento do Estado para 2018.

O presidente da EDP realçou que o encerramento da Central de Sines “terá impacto na economia da região, nomeadamente ao nível do emprego, no preço grossista de eletricidade, e também poderá colocar questões na segurança do abastecimento em Portugal”.

O Governo português comprometeu-se a encerrar as duas centrais produtoras de eletricidade a carvão, em Sines e no Pego, até 2030, anunciou o ministro do Ambiente, em Bona, na Alemanha.

António Mexia realçou que a EDP não tem divergências em relação ao encerramento das centrais até 2030, mas questionou a política que será adotada “até lá”.

“A EDP está na linha da frente no caminho para a descarbonização, mas é fundamental gerir este nível de transição de forma equilibrada sobretudo quando há um mercado integrado”.

De acordo com o PT Jornal, o encerramento da Central Termoelétrca de Sines, que Mexia garantiu ser uma das mais eficientes da Europa, está previsto para 2025.

// Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O maior ladrão dos PORTUGUESES é a edp
    só um governo deste é que teme estes canalhas
    Vergonha GRANDE VERGONHA

  2. Está a chatear-te não teres um governo que mete o consumidor a pagar-te os iates de luxo e as mansões milionárias, não é Mexia. “Mexias” no bolso da malta como querias e agora estás a provar do próprio remédio… É assim a vida, pá.

RESPONDER

Mais de 100 mil trabalhadores independentes já pediram apoio do Governo

Mais de 100 mil trabalhadores independentes já se candidataram ao apoio extraordinário criado pelo Governo para fazer face à paragem total de atividade devido à pandemia de covid-19. Segundo o comunicado do Ministério do Trabalho, Solidariedade …

“Voltaremos a encontrar-nos”. Isabel II relembra a 2.ª Guerra Mundial e fala de um desafio "diferente"

A rainha Isabel II salientou este domingo, numa mensagem televisiva, que a pandemia Covid-19 é um desafio "diferente" de outros enfrentados pelo Reino Unido e exortou os britânicos a respeitar o confinamento. "Embora já tenhamos enfrentado …

CTT recuam. Não vão propor a distribuição de dividendos de 2019

O Conselho de Administração dos CTT - Correios de Portugal, SA informaram esta segunda-feira que já não vão propor à Assembleia Geral de Acionistas a distribuição de dividendos relativos ao exercício de 2019, como previsto, …

Há enfermeiros sem treino a trabalhar nos cuidados intensivos

A presidente do Sindicato de Todos os Enfermeiros Unidos (SITEU), Gorete Pimentel, denuncia que há enfermeiros sem treino a trabalhar em unidades de cuidados intensivos. "São necessários três a quatro meses para que um enfermeiro seja …

Ronaldo vai tornar-se o primeiro bilionário no mundo do futebol

Cristiano Ronaldo vai faturar cerca de 90 milhões de euros este ano. Isto faz com que o futebolista português atinja os mil milhões de euros em receitas durante a sua carreira. Embora Cristiano Ronaldo tenha sido …

Tribunais adiaram mais 50 mil diligências num mês

A pandemia de covid-19 obrigou os tribunais portugueses a adiar 2.445 diligências e a anular outras 28.957, escreve o jornal Público. Ao todo, foram desmarcadas 51.402 diligências, frisa o matutino na sua edição desta segunda-feira, …

311 mortes e uma subida de 4% nos casos confirmados em Portugal. Recuperados quase duplicaram

O número de mortes em Portugal relacionadas com a Covid-19 ultrapassou a barreira das 300, situando-se nas 311 vítimas, mais 16 do que no domingo. O número de recuperados também cresceu para 140. Os casos …

"Uma vergonha para o país". Morte de ucraniano leva a "mudanças profundas" no funcionamento do SEF

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, disse esta segunda-feira que vai haver “mudanças profundas no modelo de funcionamento do Centro de Instalação Temporária do SEF no aeroporto de Lisboa, na sequência do caso da …

City abre processo a Kyle Walker por festa com prostitutas durante quarentena

Kyle Walker, futebolista do Manchester City, viu o clube instaurar-lhe um processo disciplinar, depois de este ter, alegadamente, quebrado a obrigação de confinamento devido à COVID-19 numa festa com prostituas. “Os futebolistas são modelos a seguir …

"Digam aos accionistas que não há nada para ninguém". Marcelo apela à Banca (ou deixa que o Governo suspenda os lucros)

O Presidente da República reúne-se, nesta segunda-feira, com os cinco maiores bancos a actuar em Portugal para apelar à sua "sensatez" para agilizarem os empréstimos às empresas e às famílias depois de terem recebido milhões …