EDP avisa Governo: com estes impostos, Sines fecha mais cedo

Tiago Petinga / Lusa

O presidente executivo da EDP, António Mexia, admitiu que a Central de Sines pode fechar “bastante antes de 2025” devido ao aumento da carga fiscal aplicada às centrais a carvão, realçando que terá “impacto na economia da região”.

Em conferência de imprensa de apresentação de resultados, António Mexia afirmou que “foram introduzidas medidas que penalizam as centrais a carvão que eventualmente vão levar ao encerramento antes do previsto da Central de Sines”, referindo-se ao fim da isenção do Imposto sobre os Produtos Petrolíferos (ISP) e introdução de uma taxa de carbono.

“É fundamental gerir este modelo de transição para que não se criem desequilíbrios competitivos”, argumentou António Mexia, aludindo à diferença de políticas entre Portugal e Espanha face às centrais a carvão.

Os produtos como o carvão e o coque usados na produção de eletricidade, calor ou gás de cidade passaram este ano a pagar 10% do ISP, taxa que será agravada até aos 100% em 2022, de acordo com o Orçamento do Estado para 2018.

O presidente da EDP realçou que o encerramento da Central de Sines “terá impacto na economia da região, nomeadamente ao nível do emprego, no preço grossista de eletricidade, e também poderá colocar questões na segurança do abastecimento em Portugal”.

O Governo português comprometeu-se a encerrar as duas centrais produtoras de eletricidade a carvão, em Sines e no Pego, até 2030, anunciou o ministro do Ambiente, em Bona, na Alemanha.

António Mexia realçou que a EDP não tem divergências em relação ao encerramento das centrais até 2030, mas questionou a política que será adotada “até lá”.

“A EDP está na linha da frente no caminho para a descarbonização, mas é fundamental gerir este nível de transição de forma equilibrada sobretudo quando há um mercado integrado”.

De acordo com o PT Jornal, o encerramento da Central Termoelétrca de Sines, que Mexia garantiu ser uma das mais eficientes da Europa, está previsto para 2025.

  // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O maior ladrão dos PORTUGUESES é a edp
    só um governo deste é que teme estes canalhas
    Vergonha GRANDE VERGONHA

  2. Está a chatear-te não teres um governo que mete o consumidor a pagar-te os iates de luxo e as mansões milionárias, não é Mexia. “Mexias” no bolso da malta como querias e agora estás a provar do próprio remédio… É assim a vida, pá.

RESPONDER

O empresário John Textor

Direcção do Benfica e John Textor em reunião

Benfica informou que houve um encontro entre o empresário e dois vice-presidentes do clube, que querem saber mais sobre as intenções do norte-americano. John Textor esteve no Estádio da Luz, nesta quinta-feira. O empresário foi recebido …

BE e PCP fazem pressão e Carlos César questiona: "Sentem-se melhor a fazer oposição ou a fazer acordos?"

O presidente do PS defendeu, esta quinta-feira, que Bloco e PCP têm de esclarecer "o que os move" nas negociações orçamentais: se preferem fazer oposição a um Governo de direita ou fazer acordos com um …

Apenas 14% das vacinas prometidas aos países mais pobres foram efetivamente entregues

Apesar das promessas deixadas por muitos dos países mais ricos e desenvolvidos, número de vacinas que chegou aos territórios é ainda muito baixo, o que pode comprometer os avanços já conseguidos. Apenas uma em sete doses …

Presidente da Coreia do Sul anuncia fracasso da colocação de satélite em órbita

O primeiro foguetão espacial fabricado pela Coreia do Sul falhou a colocação em órbita da sua carga, um satélite simulado de 1,5 toneladas, apesar de o lançamento ter tido sucesso, disse o Presidente do país. O …

Juízes recusam suspender julgamento de Ricardo Salgado

O juiz que está a julgar o ex-presidente do Banco Espírito Santo (BES), no âmbito da Operação Marquês, recusou suspender o julgamento, depois de a sua defesa ter alegado o facto de ter sido diagnosticado …

Quadro de Van Gogh, que esteve nas mãos dos nazis, vai a leilão. Deverá render 25 milhões de euros

Uma pintura de Vincent van Gogh vai ser leiloada no próximo mês, depois de mais de um século sem ser vista em público. Estima-se que o preço de venda chegue aos 25 milhões de euros. O …

Coreia do Sul lança com êxito o seu primeiro foguetão espacial

A Coreia do Sul lançou hoje o seu primeiro foguetão de fabrico próprio, segundo as imagens transmitidas pela televisão, tornando-se o décimo país do mundo com capacidade para desenvolver e lançar veículos espaciais. O veículo coreano …

"A melhor coisa que pode acontecer a Portugal era o Governo ser derrubado e desaparecer"

O presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, defendeu hoje que “a melhor coisa que podia acontecer a Portugal”, neste momento, era o executivo liderado por António Costa “ser derrubado e desaparecer”. Miguel Albuquerque afirmou …

Mulher de João Rendeiro tem mais três dias para entregar as obras em falta

O prazo para a entrega das obras acabou esta quarta-feira, mas a juíza do processo em que João Rendeiro foi condenado a dez anos de prisão efetiva deu mais três dias à mulher do ex-banqueiro. Depois …

Uma estrada com alguns automóveis

Sete cidades do Norte podem ir a jogo pela neutralidade carbónica

Gaia, Porto, Matosinhos, Famalicão, Guimarães, Braga e Viana do Castelo poderão ir a jogo na Missão Climate Neutral & Smart Cities, que quer apoiar a redução de emissões em 100 cidades. Uma coligação de sete cidades …