Descobertos restos de um enorme barco milenar no fundo do mar Egeu

Um grupo de arqueólogos descobriu em junho passado um navio de grande dimensões com mais de 2.000 anos e com objetos antigos nas profundezas do Mar Egeu, perto da ilha Levita, na Grécia.

De acordo com os média locais, a expedição, liderada pelo arqueólogo Georgios Koutsouflakis, encontrou um enorme mastro de ancoragem de granito a 45 metros de profundidade que pesava 400 quilogramas.

Os cientistas acreditam que a embarcação data do século VI a.C, sendo o pilar de arenito encontrado o maior deste material já encontrada no mar Egeu. Tendo em conta o tamanho deste objeto e a época, os especialistas acreditam que se tratava de um barco colossal.

Junto ao barco, a equipa encontrou ainda ânforas datadas do século I e III a.C, que pertenceriam a outros naufrágios e seriam oriundas das cidades de Gnido, Cos, Fenícia, Cartago e a ilha de Rodes. Estes achados mostram ainda que havia já navios no século I a.C a transportar ânforas desde o norte do mar Egeu.

Esta missão faz parte de um projeto de três anos financiado pelo Ministério da Cultura e do Desporto da Grécia, que visa identificar e documentar naufrágios antigos na zona costeira do arquipélago do Dodecaneso, que nos tempos antigos parece ter desempenhado um papel fundamental na navegação no mar Egeu.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Certamente que os mares daquelas redondezas – o berço da humanidade – encerram muitos documentos – verdadeiros tesouros! – da “História Proibida”, que é a nossa verdadeira História….
    Que a tecnologia possibilite que muitas mais descobertas sejam feitas!!!

    • Cara Maria,
      Fiquei muito curioso sobre essa da “História Proibida”.
      É fruto da sua Imaginação ou está escrito em algum lado?
      Obg

      • Caro Silva
        Pode satisfazer a sua curiosidade pesquisando o tema “Arqueologia Proibida” pois esta está intimamente ligada à História Proibida, isto é, à verdadeira História da Humanidade, neste Planeta Terra.
        Com o surgimento da Internet, os conhecimentos que durante muitos séculos foram privilégio de apenas alguns grupos sociais (destaco as Ordens Religiosas, a Igreja Católica e a Maçonaria), saltaram para o domínio do conhecimento público, acessível a todos os interessados em fazerem tal pesquisa. Há quem prefira substituir a palavra “proibida” por “escondida”.
        Nos nossos dias, praticamente nada consegue ficar “escondido”… mas acontece que alguns estudiosos afirmam que parece haver muita informação, hábil e intencionalmente “semeada” na web, com o objectivo de lançar a confusão ou dispersar o conhecimento, levando assim muita gente a desistir da sua pesquisa, pois acaba sentindo-se perdida e sem saber mais em qual versão acreditar….. Apesar deste inconveniente, não deixa de ser apaixonante… porque “onde há fumaça, há fogo”… 🙂
        Só depois de me ter interessado pelo tema é que consegui compreender a destruição de cidades históricas no Próximo Oriente. Muita gente é levada a pensar que é apenas “a guerra do petróleo”, mas, na verdade, é muito mais do que isso…
        Disponha

        • Nos nossos dias, em boa verdade, talvez fosse mais correto dizermos: “Arqueologia Ocultada”. Apesar de muitos desses artefactos estarem à frente dos olhos de todos, na verdade o que nos foi ocultado foi a origem ou a interpretação correta que justificasse a existência de muitos desses objectos no nosso Planeta…
          Até acredito que não foi por mal, mas, por exemplo, lembro-me perfeitamente da minha professora de História ter dito à turma, a propósito do formato dos olhos nos desenhos egípcios: “na época em que estes desenhos foram feitos, os artistas desenhavam o rosto de perfil, porém, não sabiam ainda desenhar olhos de perfil”…
          Possivelmente também foi assim que ela aprendeu. É por isso que eu digo: as imagens não nos foram ocultadas, mas a sua interpretação, foi.
          Felizmente, agora o conhecimento está bastante acessível, em especial a quem tiver acesso a um computador e tiver olhos e vontade de aprender.
          “História Proibida” e “Arqueologia Proibida” são expressões bastante antigas.

RESPONDER

Costa não é Alice no País das Maravilhas, mas levou os "óculos cor-de-rosa" ao debate quinzenal

No primeiro debate quinzenal do ano, António Costa lembrou, um a um, os números da economia do último ano. O episódio que tem manchado as primeiras páginas dos jornais desta semana também marcou presença, ainda …

Os dinossauros tinham sangue quente ou frio? A resposta está escondida nas cascas dos seus ovos

Um dos grandes e antigos mistérios do estudo dos dinossauros é a questão sobre se o seu sangue era quente ou frio. A resposta for encontrada escondida nas cascas dos seus ovos. Tradicionalmente, acreditava-se que os …

Eureka. Trabalhadores foram despedidos e fábrica fechou, mas estão a apresentar nova marca em Milão

A empresa responsável pela marca Eureka Shoes, que fechou as lojas e a fábrica, e despediu 150 trabalhadores em Portugal, está agora a apresentar uma nova marca em Milão. No mês passado, a empresa de calçado …

Tribunal de Contas critica modelo de financiamento do Ensino Superior (e diz que Governo não cumpriu lei de bases)

No seguimento de uma auditoria ao método de financiamento do ensino superior, para o Tribunal de Contas (TdC), entre 2016 e 2018, o modelo de financiamento concretizado pelo governo não cumpriu o estipulado na Lei …

Cientistas encontram no Ébola um aliado inesperado contra os tumores cerebrais

Cientistas encontraram um gene do vírus do Ébola que mostrou ser útil no combate contra os glioblastomas, que são tumores cerebrais que reaparecem após serem eliminados. O gliobastoma é um tumor que cresce e espalha-se depressa …

Estivadores do Porto de Lisboa iniciam greve de três semanas

Os estivadores do Porto de Lisboa iniciam, esta quarta-feira, uma greve de três semanas em protesto contra os salários em atraso e incumprimento dos acordos celebrados por parte da Associação de Empresas de Trabalho Portuário …

Michael Vang. Passou despercebido por Portugal, mas carrega os sonhos de toda uma etnia

Michael Vang é dos pouquíssimos jogadores de origem Hmong a jogar futebol profissionalmente. Agora nos Estados Unidos, o jovem teve uma passagem apagada por Portugal. Os Hmong são um grupo étnico asiático originário das regiões montanhosas …

Há pessoas sem a parte olfativa do cérebro que conseguem cheirar (e cientistas não sabem porquê)

Cientistas encontraram casos em que as pessoas não tinham bulbo olfativo, a parte do cérebro responsável pelo olfato, mas mesmo assim conseguiam cheirar. Anosmia consiste na perda total ou parcial do olfato e esta é uma …

Cientistas detetam estranhos movimentos de gás na Via Láctea (em redor de algo "invisível")

Os astrónomos detetaram movimentos de nuvens de gás incomuns perto do centro da Via Láctea, que podem sugerir a presença de um desconhecido buraco negro de classe intermediária. Os investigadores que rastrearam os gases no centro …

Hackers podem facilmente piratear satélites (e transformá-los em armas)

Piratear satélites pode não ser assim tão complicado quanto pensamos. Os hackers podem simplesmente desligá-los ou até mesmo usá-los como armas. No mês passado, a SpaceX tornou-se a operadora da maior constelação de satélites ativos do …