Aos 57 e com Parkison, Damásio criou uma raqueta especial e sagrou-se vice-campeão mundial

Damásio Caeiro fez mais de 50 tentativas para construir a raqueta ideal para jogar ténis de mesa e, quando conseguiu “que mão e raqueta se fundissem”, sagrou-se vice-campeão mundial de doentes com Parkinson.

“Tinha muita dificuldade em pegar na raqueta, e decidi trabalhar na construção de uma própria. Fiz mais de 50 tentativas, mas finalmente consegui que mão e raqueta se fundissem”, contou Damásio Caeiro à agência Lusa, admitindo a possibilidade de registar a patente.

Foi com a raqueta adaptada — feita em madeira de mogno, que, em vez de um cabo convencional, tem uma placa com orifícios para os dedos —, que no sábado se sagrou vice-campeão mundial, nos Estados Unidos.

No primeiro campeonato para doentes com Parkinson da Fundação da Federação Internacional de Ténis de Mesa (ITTF), Damásio Caeiro, de 57 anos, foi apenas derrotado por Holger Teppe, que descreveu como “um alemão bem mais jovem e com poucas manifestações da doença”.

Damásio Caeiro jogava ténis de mesa regularmente “há mais de 30 anos” e continuou a jogar quando há seis anos lhe foi diagnosticada a doença de Parkinson, uma doença degenerativa e progressiva de áreas específicas do sistema nervoso central.

Não consigo jogar como antigamente, porque a doença limita os movimentos, provoca rigidez muscular, diminui os reflexos e provoca falta de equilíbrio”, afirma, lembrando, no entanto, que o ténis de mesa “ajuda a atrasar a evolução da doença”.

Desempregado desde de que o Parkinson o impediu da conduzir e de exercer o trabalho de anos na distribuição de jornais e revistas, Damásio Caeiro joga ténis de mesa em duas associações — Clube Desportivo da Costa do Estoril e Grupo Musical e Desportivo 31 de Janeiro de Manique de Baixo — e participa em provas do circuito nacional de ténis de mesa adaptado.

Para participar na competição da ITTF, que decorreu em Nova Iorque, promoveu angariações de fundos no Facebook e recorreu à ajuda de amigos.

Precisei de cerca de 1.500 euros e a federação portuguesa limitou-se a ceder-me alguns equipamentos”, afirmou, manifestando a esperança de voltar a participar na competição, que “no próximo deve disputar-se na Croácia”.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Novas demissões na Agência de Informações Financeiras do Vaticano

Um membro da entidade de regulação financeira do Estado do Vaticano, Marc Odendall, demitiu-se na sequência de buscas realizadas pela polícia e que originaram na suspensão do organismo do sistema de comunicações global. Marc Odendall, banqueiro …

Governo e Liga de clubes discutem redução do IVA para espetáculos desportivos

Secretário de Estado do Desporto afirma querer ouvir as reivindicações do organismo, mas sem se comprometer. O secretário de Estado da Juventude e do Desporto anunciou ontem que vai reunir-se com representantes da Liga Portuguesa de …

Tufão obriga a retirada de cerca de cinco mil pessoas do norte das Filipinas

Cerca de cinco mil pessoas foram retiradas do norte das Filipinas devido à aproximação do tufão Kalamaegi, que deverá tocar terra na província de Cagayan nas próximas horas, disseram esta terça-feira as autoridades locais. "Estamos preparados …

Acabaram-se as trotinetas no Algarve. Duraram 10 meses

A vereadora considera, no entanto, que a experiência foi “positiva”, já que permitiu recolher dados de mobilidade, nomeadamente, da utilização destas soluções em pequenos trajetos, ao mesmo tempo que colocou a questão na agenda pública. Sophie …

EasyJet diz que será a primeira a alcançar a neutralidade carbónica na aviação

A companhia aérea britânica easyJet afirmou esta terça-feira que será a primeira no mundo a alcançar a neutralidade carbónica através das compensações. Num comunicado publicado no seu site oficial, a companhia low cost anuncia ainda um …

Número de pré-avisos de greve até outubro é o mais alto dos últimos quatro anos

O número de pré-avisos de greve até outubro foi o mais alto dos últimos quatro anos, totalizando 781, segundo dados da Direção Geral do Emprego e das Relações do Trabalho (DGERT). Entre janeiro e outubro deste …

Na Índia, já há "bares de oxigénio" para quem quiser respirar ar puro

A Índia é um dos países mais contaminado do mundo. Desde o final de outubro, a poluição alcançou um nível crítico devido à queimada de restolhos nos campos. Agora, há uma solução arrojada para que os …

Depois do Papão Harrison, o novo exame foi "duro" (e muitos jovens médicos já pensam em emigrar)

Foram quatro horas de exame, com 150 perguntas, na temida Prova Nacional de Acesso para a Formação Especializada em Medicina e muitos dos jovens médicos não conseguiram concluí-la. Os que temem não conseguir aceder à …

Situação trágica. "Veneza está a desaparecer"

A situação em Veneza é trágica, com 85% da cidade italiana inundada depois das piores cheias dos últimos anos. Mas estas inundações são apenas um alerta para o que pode vir a seguir, já que …

Documentos internos do governo chinês revelam plano "sem piedade" contra muçulmanos

O jornal norte-americano New York Times recebeu 403 páginas de documentos internos do governo chinês relacionados com a limpeza étnica na província de Xinjiang. Nesta província, foram criados mais de 500 campos de concentração onde uigures, …