Especialista afirma que Da Vinci era estrábico (e isso influenciou as suas obras)

Mido / Wikimedia

Leonardo Da Vinci

Desde a escultura até às invenções mecânicas: por onde passou, Leonardo da Vinci marcou. Agora, um novo estudo sugere que o distúrbio de visão do artista italiano pode ter sido uma mais-valia na pintura.

Um neurocientista britânico analisou vários supostos retratos e autorretratos do pintor italiano, Leonardo Da Vinci, e concluiu que o artista era estrábico. No entanto, nem todos os especialistas concordam com esta conclusão.

Aliás, há paleontólogos e oftalmologistas que consideram muito arriscado afirmar que Da Vinci era estrábico apenas com base nos seus quadros. Segundo o neurocientista britânico, é a posição dos olhos nos retratos em que surge como modelo ou nos autorretratos que denunciam este suposto distúrbio de visão.

O autor, Christopher Tyler, especialista em neurociência visual e professor da Universidade da City de Londres, considera que se as dez obras analisadas pudessem ser reunidas na mesma sala, esta teoria teria uma leitura muito evidente.

Tyler adianta que a pessoa que serviu de modelo para as três estátuas esculpidas por Andrea del Verrocchio é a mesma, ou, pelo menos, alguém muito parecido. As obras foram criadas quando Da Vinci era discípulo de Verrocchio, e em todas elas se nota que um dos olhos tem uma aparência desviante.

Para o neurocientista, a pessoa que aparece esculpida em mármore ou terracota é, sem dúvida, Leonardo Da Vinci, adianta o Diário de Notícias.

Ainda assim, segundo o El País, a exotropia é mais evidente na obra São João Batista, que Da Vinci terá pintado entre 1508 e 1513, e Salvator Mundi, a obra mais cara da história, vendida por 380 milhões de euros.

Justin Lane / EPA

“Salvator Mundi”, de Leonardo da Vinci, foi vendido no leilão Christie’s em novembro

Christopher Tyler estimou o ângulo de desvio em cada obra e concluiu que Da Vinci conseguia, no entanto, controlar o seu estrabismo.

“A análise do alinhamento dos olhos coincide com o diagnóstico de exotropia intermitente, o que sugere que Leonardo da Vinci tinha uma tendência esotrópica de -10,3º em repouso, mas poderia retornar à ortotropia (ambos os olhos olham para o mesmo ponto) quando ele se focava, como quando revê o seu próprio rosto para um autorretrato “, escreveu Tyler.

Contudo, o estudo publicado este mês no JAMA Ophthalmology, não reúne consenso. Michael F. Marmor, professor de oftalmologia e biologia humana no Byers Eye Institute da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, refere que este tipo de diagnóstico retrospetivo “é arriscado e, na minha opinião, bastante ingénuo“.

Uma das razões que levam o especialista a desconfiar é o facto de Tyler não ter a certeza de que estas obras representam a obra de Da Vinci na sua globalidade. Além disso, a relação entre os trabalhos é circunstancial e duvidosa e “todas as caras parecem diferentes”.

Os artistas cometem erros nos seus autorretratos. Rembrandt mudava a posição do olho, Van Gogh pintava os seus umas vezes verdes, outras azuis, e até castanhos. Os olhos eram, suspeito, acrescentados aos quadros no final”, sustenta Marmor.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Não são só os lagartos. Os jacarés também são capazes de regenerar a sua cauda

Os jovens jacarés americanos (Alligator mississippiensis) têm a capacidade de regenerar as suas caudas até 18% do comprimento total do seu corpo, concluiu uma nova investigação da Universidade Estadual do Arizona, nos Estados Unidos. "O que …

"Morri no Paralelo79N". Diário revela as últimas horas de um explorador que morreu sozinho na Gronelândia

Os investigadores analisaram a última entrada do diário de explorador polar do século XX, Jørgen Brønlund, incluindo uma curiosa mancha negra, escrita antes de morrer sozinho no nordeste da Gronelândia, descobrindo o que lhe aconteceu …

Cybershoes. O problema de andar em Realidade Virtual pode já ter uma solução

Um dos problemas com os jogos de Realidade Virtual é que, normalmente, as experiências são definidas numa escala maior do que uma sala de estar. Assim, o jogador acaba por ter de ficar numa parte …

"Um tsunami de dívidas". O mundo deve a si mesmo 277 mil milhões de dólares

Prevê-se que até ao final deste ano, a dívida da economia mundial atinja os 277 mil milhões de dólares. A pandemia de covid-19 é um dos fatores responsáveis. A pandemia de covid-19 não só está a …

Empresas podem negar trabalho a quem não se quiser vacinar

"É obviamente possível" que as empresas evitem contratar um trabalhador se não quiserem ser vacinadas contra a covid-19. A presidente do Comité Económico e Social Europeu (CESE), Christa Schweng, admitiu a possibilidade de uma empresa se …

"A Suitable Boy". Um beijo numa série da Netflix provocou um escândalo (social e político) na Índia

A Netflix está a enfrentar uma reação negativa na Índia por causa de uma cena de um beijo entre duas personagens na série A Suitable Boy ("Um bom partido"). O partido no poder já pediu …

Irmãos transformaram 7 linhas de código num império de 36 mil milhões de dólares

Patrick e John Collison são dois jovens empreendedores irlandeses que fundaram a Stripe, uma empresa que criou uma solução alternativa para os pagamentos online, avaliada em 36 mil milhões de dólares. Em vez de construirem soluções …

ECDC. Portugal terá "níveis muito baixos" de novos casos se mantiver restrições

Se Portugal mantiver as restrições adotadas atualmente, irá registar em dezembro “níveis muito baixos” de novos casos de covid-19. O Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), criado com a missão de ajudar os …

Com apenas 14 anos, Xiaoyu é o adolescente mais alto do mundo. Mede 2,21 metros

Ren Keyu nasceu na China a 18 de outubro de 2006, e no dia em que comemorou o seu 14º aniversário recebeu também o título do Guinness World Records do adolescente mais alto do mundo, …

Jerónimo "não está a prazo" no PCP (e vai continuar a negociar com o PS)

O PCP continua disponível para negociar com o PS, mas não a troco de nada. Quanto ao quinto mandato consecutivo enquanto secretário-geral do partido, Jerónimo avisou, este domingo, que não está "a prazo". No discurso de …