Colômbia vs Inglaterra | Pazes feitas com os penáltis

A selecção de Inglaterra apurou-se para os quartos-de-final do Mundial 2018. A formação europeia esteve a ganhar à Colômbia até aos descontos do tempo regulamentar, acabou por se deixar empatar, mas foi mais forte no desempate por grande penalidades.

Isto num jogo intenso desde o primeiro minuto, com algumas picardias, duro e nervoso. Se os britânicos são useiros e vezeiros em baquear emocionalmente nas grandes competições, em especial nos penáltis, desta feita foram mais fortes.

A primeira parte teve pouco futebol e muito despique individual, com algumas disputas quezilentas. Os ingleses assumiram mais o jogo, perante uma formação sul-americana na expectativa, mas sem conseguir lançar os seus habituais lances de contra-ataque. Assim, Inglaterra chegou ao intervalo com 55% de posse de bola, oito remates contra quatro (um enquadrado para cada um). As dificuldades colombianas no ataque espelhavam-se no facto de todos os seus remates terem sido realizados de fora da área.

Nesta fase, o melhor em campo era Kieran Trippier. O lateral inglês registava um rating de 6.2, essencialmente devido a dois passes para finalização.

A segunda parte começou com a Inglaterra no ataque e o golo surgiu aos 57 minutos. Carlos Sanchéz fez falta na área sobre Harry Kane e o ponta-de-lança inglês converteu com êxito a respectiva grande penalidade. Um golo que afectou um pouco os colombianos, e estes só conseguiram reagir e tomar conta da posse de bola, em busca do ataque, por volta dos 75 minutos.

E essa ambição acabou por dar frutos em tempo de descontos, aos 93 minutos. Canto da direita cobrado por Juan Cuadrado e Yerry Mina saltou mais alto que todos para empatar a partida, fazendo o seu terceiro golo na competição.

O prolongamento foi intenso, competitivo, de parada e resposta e equilibrado, na posse, mas com ligeiro ascendente colombiano no remate. Contudo não foi o suficiente para haver mais golos, pelo que o jogo foi para o desempate por penáltis. E aqui, David Ospina defendeu o pontapé de Jordan Henderson, Mateus Uribe atirou à barra e Jordan Pickford travou o pontapé de Carlos Bacca, cabendo a Eric Dier apurar os ingleses.

O melhor em campo acabou por ser Yerry Mina. O possante central colombiano fez o golo do empate em cima do apito final, levando o jogo a prolongamento, e ao longo dos 120 minutos registou 16 acções defensivas, entre elas dez alívios, e ganhou quatro de sete duelos aéreos. Terminou com um GoalPoint Rating de 8.1.

Resumo

 

PARTILHAR

RESPONDER

A rotação da Terra está a diminuir (e essa pode ser a razão pela qual vamos ter sempre oxigénio)

Desde a sua formação, há cerca de 4,5 mil milhões de anos, a rotação da Terra tem vindo a diminuir gradualmente e, como resultado, os seus dias têm-se tornado progressivamente mais longos. Segundo o site Science …

Afinal, os misteriosos reflexos no polo sul de Marte não são lagos

A descoberta de lagos nas profundezas abaixo da calota de gelo no polo sul de Marte foi feita utilizando um instrumento de radar a bordo do orbital Mars Express da Agência Espacial Europeia (ESA). Mas, …

Sondas espaciais com "cunho" português vão passar perto de Vénus

As sondas espaciais europeias Solar Orbiter e BepiColombo, ambas com tecnologia e ciência portuguesas, vão passar perto de Vénus a 9 e 10 de agosto, respetivamente, anunciou esta segunda-feira a Agência Espacial Europeia (ESA). A passagem …

Elvis Presley terá morrido de doenças genéticas (e não por overdose de medicamentos)

Segundo um novo livro de Sally Hoedel, a morte de Elvis Presley estará, afinal, relacionada com o tratamento para doenças congénitas das quais sofria. O cantor norte-americano, que morreu há quase 44 anos, estava fortemente medicado …

A cidade mais populosa de África está a viver em contra-relógio

Os habitantes da Nigéria, o país mais populoso de África, já estão habituados a contornar as inundações anuais que invadem o país. No entanto, este ano a situação saiu fora do controlo, com o principal …

"Pensávamos que a Casa Branca mandava". Biden sob fogo devido ao fim da proibição dos despejos

A inacção de Joe Biden perante o fim das moratórias que proíbem os despejos durante a pandemia está a ser criticada até dentro do próprio Partido Democrata. A moratória federal aos despejos acabou este sábado, para …

Na ausência de Biles, Sunisa Lee coroou-se rainha da ginástica. É a primeira hmong a ganhar ouro

Sunisa Lee chegou a Tóquio com a missão de ajudar os Estados Unidos a garantir o ouro e de garantir a presença em finais individuais de aparelhos. Com o abandono de Biles, tornou-se a estrela …

Presidente afegão culpa retirada “abrupta” dos EUA pelo rápido avanço dos talibãs

O chefe de Estado afegão prometeu vencer o conflito com as milícias talibãs e os Estados Unidos dizem-se prontos a receber mais milhares de refugiados. O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, prometeu esta segunda-feira vencer o …

42% das pessoas em enfermaria no Hospital de são João têm vacinação completa

No Centro Hospitalar de São João (CHSJ), 42% das pessoas internadas em enfermaria e 15% das internadas em unidades de cuidados intensivos tinham a vacinação completa. Segundo os últimos dados da Direção-Geral da Saúde (DGS), apenas …

António Oliveira e uma arbitragem "conveniente"

Athletico Paranaense perdeu novamente no Brasileirão e a equipa de arbitragem ajudou os vencedores, queixou-se o treinador português. O Athletico Paranaense, líder do Brasileirão nas primeiras jornadas, está numa fase negativa: apenas uma vitória nas últimas …