Cientistas descobriram o “primo” mais velho dos dinossauros

Foi descoberta uma nova espécie de animal pré-histórico que viveu durante o Período Triássico, isto é, antes dos dinossauros e que é o parente mais velho já conhecido destes grandes animais extintos.

Baptizado Teleocrater rhadinus, esta nova espécie de carnívoros de grande porte foi extinta antes do aparecimento dos dinossauros. Viveram há mais de 245 milhões de anos, durante o chamado Período Triássico, e surgem na árvore genealógica dos dinossauros como seus primos.

Estas criaturas teriam aproximadamente entre 2 a 3 metros de comprimento, caudas e pescoço longos e caminhavam sobre as quatro patas, como os crocodilos – um dado surpreendente que altera a ideia que os paleontólogos tinham sobre os ancestrais dos dinossauros.

Acreditava-se até agora, que os antepassados dos dinossauros seriam uma espécie de galinhas pré-históricas, caminhando sob duas patas. Mas os vestígios fósseis encontrados na Tanzânia, por investigadores da Universidade Virginia Tech, nos EUA, mudam completamente essa ideia.

O “T. rhadinus e os seus parentes são os primeiros membros conhecidos do ramo de pássaros dos arcossauros”, explica a Fundação Nacional de Ciência (NSF na sigla original em inglês) dos EUA, que financiou a investigação, num comunicado.

Os arcossauros são um grupo de répteis que viveu há mais de 235 milhões de anos, formado pelo ramo dos dinossauros, que inclui as aves, e pelo dos crocodilos.

O T. rhadinus surge logo antes dos arcossauros, sendo então, parente directo dos dinossauros, apesar de a sua aparência ser mais semelhante a um crocodilo dos dias de hoje.

Sterling Nesbitt, paleobiólogo da Virginia Tech, que esteve envolvido na investigação, fala de uma descoberta “única na vida”.

Já a directora de programa da Divisão de Ciências da Terra da NSF que patrocinou a pesquisa, Judy Skog, considera que a nova descoberta “lança luz sobre a distribuição e a diversidade dos ancestrais dos crocodilos, dos pássaros e dos dinossauros”.

Mais do que isso, “indica que as origens dos dinossauros devem ser reexaminadas, agora que sabemos mais sobre a completa história e os traços destes ancestrais primitivos”, acrescenta Judy Skog, citada no site da NSF.

A investigação foi publicada no jornal científico Nature e ilustra a análise científica feita aos fósseis encontrados em 2015, na Tanzânia.

Os primeiros vestígios do T. rhadinus foram encontrados em 1933, mas só foram devidamente estudados em 1950. Contudo, na altura, não foi possível apurar se estaríamos perante um parente próximo dos crocodilos ou dos dinossauros.

Em 2015, descobriram-se ossos do tornozelo e de outras partes do esqueleto e foi assim que se conseguiu concluir que se trata de um familiar directo dos dinossauros, cuja aparência está, curiosamente, mais próxima dos crocodilos do que dos grandes animais já extintos.

SV, ZAP //

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Marcelo "está atento", pede consequências e usará todos os poderes contra fragilidade do Estado

O Presidente da República advertiu esta terça-feira que usará todos os seus poderes contra a fragilidade do Estado que considerou existir face aos incêndios que mataram mais de 100 pessoas, e defendeu que se justifica …

#MeToo: a hashtag que está a mostrar a magnitude do assédio sexual

Mais de 200 mil pessoas já partilharam a hashtag "Me too" ("eu também" em inglês) para mostrar a magnitude do assédio sexual, um problema que tem feito correr muita tinta nos últimos dias devido às …

Leipzig vs Porto | Dragões sem asas para os alemães

FC Porto somou a sua segunda derrota nesta edição da Liga dos Campeões, ao perder, por 3-2, na deslocação ao terreno do Leipzig, com todos os golos a serem apontados na primeira parte. A equipa …

Falha de segurança ameaça redes Wi-Fi de todo o mundo

Uma falha descoberta no protocolo WPA2 coloca as redes Wi-Fi em perigo. O "ataque KRACKS" pode roubar informação como palavras-chave e números de cartões de crédito.  A mais recente ameaça tecnológica dá pelo nome de "ataque …

CDS-PP avança com moção de censura ao Governo

A presidente do CDS-PP anunciou, esta terça-feira, que o partido vai apresentar uma moção de censura ao Governo em resultado dos incêndios e devido à falha em "cumprir a função mais básica do Estado: proteger …

Cristiano Ronaldo rejeita acordo com fisco espanhol e volta a defender Jorge Mendes

Os advogados de Cristiano Ronaldo defendem que a atribuição ao jogador de uma fraude fiscal no valor 14,7 milhões de euros é "inconsistente" e sem fundamento. O jornal espanhol El Mundo avança a notícia depois de …

Forças da Síria anunciam conquista de Raqa, antiga capital do Daesh

As Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança armada liderada por milícias curdas, anunciaram esta terça-feira que controlam totalmente a cidade de Al Raqa, mas sem confirmar o fim da presença do grupo extremista autodenominado …

Ministério da Saúde falseou tempos de espera nos hospitais

O Ministério da Saúde apagou pedidos antigos para falsear os tempos de espera no Serviço Nacional de Saúde (SNS). A conclusão é de uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas. De acordo com esta análise, divulgada …

Linha da EDP causou incêndio de Pedrógão Grande (e um segundo fogo nunca foi registado)

Um novo relatório, encomendado pelo Governo, conclui que o grande incêndio de Pedrógão Grande começou por causa de uma linha de média tensão da EDP que terá entrado em contacto com a vegetação. Essa circunstância …

Governo e sindicatos dos enfermeiros chegam a acordo

O Ministério da Saúde chegou, esta segunda-feira, a acordo com as estruturas sindicais representantes dos enfermeiros, anunciou o Governo em comunicado. "Após um período longo de negociações árduas com as estruturas sindicais, o Governo está em …