Cientistas descobrem partícula “angelical” que é a sua própria anti-partícula

Toda a partícula fundamental no universo tem uma anti-partícula, com a mesma massa, mas carga oposta. Se uma partícula encontra a sua anti-partícula, as duas aniquilam-se em um flash de energia.

Desde 1937, no entanto, que os cientistas acreditam que há excepções a essa regra: certas partículas que são as suas próprias anti-partículas.

Agora, investigadores da Universidade de Stanford e da Universidade da Califórnia, ambas nos EUA, encontraram a primeira evidência forte desse tipo de partícula, que chamaram de “partícula anjo”. A pesquisa foi publicada na revista científica Science.

Férmions de Majorana

O físico Ettore Majorana foi o primeiro a realçar uma lacuna na família de partículas dos fermiões. Protões, electrões, neutrões, neutrinos e quarks são todos fermiões, e todos têm anti-partículas correspondentes. De acordo com os cálculos de Majorana, contudo, deve haver partículas que sejam as suas próprias anti-partículas.

Como não têm carga, neutrões e neutrinos mostraram-se os melhores candidatos a serem estes fermiões de Majorana. Mas desde então, já foram descobertos os anti-neutrões.  Há ainda há um grande ponto de interrogação sobre os neutrinos, mas a dificuldade das experiências científicas significa que uma resposta a esta questão ainda está a mais de uma década de distância.

Entretanto, a forma mais provável de encontrar fermiões de Majorana é estudando as ‘quasipartículas‘, ou quase-partículas. Como o nome sugere, não são partículas muito naturais, mas surgem do comportamento colectivo dos electrões.

As quasipartículas funcionam mais ou menos como bolhas numa bebida: as bolhas também surgem do “comportamento colectivo” dos produtos químicos na bebida e, embora não sejam objectos realmente independentes, possuem propriedades mensuráveis, como o tamanho, forma, etc.

A experiência

As quase-partículas podem não ocorrer fora de condições muito específicas, mas podem ser consideradas fermiões de Majorana se exibirem todas as propriedades previstas.

“A nossa equipa previu exactamente onde encontrar o fermião de Majorana e o que procurar”, explicou Shoucheng Zhang, autor principal do estudo, ao site da Universidade de Stanford. “Esta descoberta conclui uma das pesquisas mais intensivas em física fundamental, que durou exactamente 80 anos”.

Para que essas quasipartículas peculiares se manifestassem, a equipa cuidadosamente construiu sua “bebida” específica, composta de filmes finos de dois materiais quânticos.

(CC0/PD) insspirito / pixabay

A partícula será chamada de “partícula anjo” por causa do livro “Anjos e Demónios”

O resultado final mostrou ser um isolador topológico supercondutor, que permitiu que os electrões se movessem rapidamente ao longo das bordas da superfície do material, mas não pelo meio. Adicionando uma pitada de material magnético à mistura, os electrões fluíram numa direcção ao longo de uma borda, e na direcção oposta ao longo da outra.

Bingo!

Os investigadores colocaram então um imã sobre o material, o que fez com que todos os electrões diminuíssem a velocidade, parassem e alternassem a direcção.

A inversão aconteceu num movimento brusco e escalonado. As quasipartículas começaram a emergir do material aos pares, viajando pelo mesmo caminho que os electrões, mas houve uma diferença fundamental: quando pararam e mudaram de direcção, fizeram-no exactamente no meio percurso que os electrões tinham feito.

Tal acontece porque cada quasipartícula é basicamente só metade de uma partícula, uma vez que quasipartícula de cada par é perdida ao longo do caminho – e esse fenómeno era exactamente a evidência que a equipa estava à procura.

Zhang propõe que a descoberta da equipa seja chamada de “partícula anjo”, por causa do livro de Dan Brown “Anjos e Demônios”, que descreve uma bomba criada pelo encontro da matéria com a antimatéria. A longo prazo, os fermiões de Majorana poderiam ter uma aplicação prática na segurança de computadores quânticos.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Polícias de elite da PSP convocados para trabalhar nas obras

Operacionais da Unidade Especial de Polícia (UEP) da PSP estão a ser chamados para colaborarem como voluntários nas obras de remodelação da messe localizada na Quinta das Águas Livres, em Belas, Sintra. Segundo o Correio da …

Portugueses são dos que menos gastam em viagens turísticas

Os portugueses são dos cidadãos europeus que menos gastam em deslocações de turismo, ao desembolsar em média 136 euros por viagem turística, menos de metade da média da União Europeia, de 336 euros, revelam dados …

Ex-diretor da CIA admite recorrer à Justiça contra Donald Trump

O ex-diretor da CIA John Brennan admitiu neste domingo recorrer à Justiça, depois de o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, lhe ter cancelado o acesso a informação confidencial e à Casa Branca. “Se esse é …

Trabalhadores da CGD em greve contra a perda de privilégios

O novo Acordo de Empresa que a Administração da Caixa Geral de Depósitos (CGD) pretende implementar está a gerar revolta entre os trabalhadores e já levou à convocação de uma greve para sexta-feira, 24 de …

Asia Argento terá pago a jovem ator que a acusou de assédio sexual

A atriz e realizadora italiana terá pago 380 mil dólares para silenciar um jovem ator e músico que a acusa de assédio sexual quando tinha apenas 17 anos. Asia Argento foi uma das primeiras mulheres da …

Governo está a preparar descida dos impostos e aumento das pensões

São cinco as prioridades do Governo para o próximo Orçamento do Estado, segundo revela Marques Mendes no seu habitual espaço de comentário na SIC, nomeando o aumento das pensões, o alívio no IRS, a descida …

Bomba que matou 40 crianças no Iémen foi vendida pelos EUA em 2015

A bomba que matou de 40 crianças num autocarro escolar no Iémen, a 9 de agosto, foi fabricada pelos Estados Unidos e vendida à Arábia Saudita em 2015. De acordo com a CNN, que avança …

GNR "desfalcada" devido à transferência de mil militares para os incêndios

Nos últimos meses, mais de mil militares da GNR foram "reconvertidos" em bombeiros especialistas, membros do Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS), que atuam no combate a incêndios. Com esta alocação, a situação …

Em 17 anos, o número de inspetores na educação caiu 41%

Entre 2001 e 2017, o número de inspetores a Inspeção-Geral da Educação e Ciência (IGEC) passou de 304 funcionários a exercer essas funções para 179, registando assim uma queda de 41%. O Sindicato dos Inspetores da …

Mais de 400 mortos nas inundações em Kerala, no sul da Índia

Mais de 400 pessoas morreram na sequência das inundações que atingiram Kerala, na Índia, as mais graves em 100 anos naquele estado do sul do país, de acordo com um balanço feito nesta segunda-feira pelas …