Cientistas criaram finalmente a “pílula do exercício”

Uma equipa de cientistas norte-americanos surpreendeu o mundo ao criar finalmente a polémica pílula que dá resistência e queima gordura sem qualquer actividade física.

Uma droga capaz de oferecer os mesmos benefícios proporcionados por uma corrida, por exemplo, é o sonho da maior parte das pessoas, e nos últimos anos várias equipas de investigadores lançaram a polémica com a promessa de uma “pílula do exercício físico”.

Mas agora esse sonho parece ter-se tornado realidade, segundo cientistas do Instituto Salk para Pesquisas Biológicas, na Califórnia, que dizem ter criado a “pílula do exercício“. A descoberta foi apresentada num artigo publicado nesta terça-feira na revista científica Cell Metabolism.

O impacto positivo de exercícios aeróbicos — como uma caminhada, corrida ou passeio de bicicleta — são bem conhecidos da ciência, mas estão, geralmente, fora do alcance de pessoas com dificuldades graves de locomoção, muito idosas ou obesas.

O problema fez com que um grupo de cientistas se interrogasse se seria possível reproduzir o efeito de uma corrida — maior resistência muscular e queimar gordura — com o simples uso de uma droga.

O objectivo foi alcançado com a utilização de um composto químico chamado GW1516, que foi administrado em doses elevadas a dois grupos de cobaias durante oito semanas.

Tanto os animais que receberam o composto como os que não o receberam — quer serviram como grupo de controle — eram tipicamente sedentários, mas todos foram submetidos a testes de resistência para avaliar quanto tempo é que poderiam correr até ficarem fisicamente esgotados.

As cobaias do grupo de controle conseguiram correr cerca de 160 minutos antes de atingirem a exaustão. Já as que receberam a droga conseguiram correr 270 minutos, um aumento de cerca de 70%.

Tal aconteceu porque a resistência dos animais aumentou, em consequência do fortalecimento muscular e de uma maior queima de gordura.

Para entender o que ocorreu em nível molecular, 975 genes tiveram sua expressão alterada em resposta ao fármaco — alguns deles tiveram expressão suprimida, e outros, aumentada.

Segundo os cientistas, os genes cuja expressão aumentou foram os que regulam a  a queima de gordura, e os genes que foram suprimidos estavam relacionados com a decomposição de hidratos de carbono para obter energia — através da transformação dos hidratos de carbono em açúcar.

Isso significa que a droga impede que o açúcar seja uma fonte de energia para o músculo durante o exercício, possivelmente para preservar o açúcar para o cérebro, o que normalmente acontece durante períodos de actividade física intensa.

A activação da queima de gordura leva mais tempo do que a queima de açúcar, razão pela qual o corpo geralmente usa a glicose – a menos que tenha uma razão convincente para não o fazer, como seja manter as funções cerebrais durante períodos de maior consumo energético.

“Este estudo sugere que queimar gordura não é um mecanismo que gera resistência, mas sim um mecanismo compensatório para conservar a glicose” diz Michael Downes, cientista sénior do Instituto Salk e co-autor do estudo.

Curiosamente, os músculos dos animais com a droga não mostram as mudanças fisiológicas que normalmente acompanham a aptidão aeróbica: mitocôndrias adicionais, mais vasos sanguíneos e uma mudança para o tipo de fibras musculares que queimam gordura em vez de açúcar.

Salk Institute / Waitt Center

Cientistas do Instituto Salk desenvolveram uma "pílula do exercício". Na foto, vista parcial de diferentes fibras musculares de cobaias sob efeito da pílula

Cientistas do Instituto Salk desenvolveram uma “pílula do exercício”. Na foto, vista parcial de diferentes fibras musculares de cobaias sob efeito da pílula

“O exercício activa a via genética que dá resistência muscular, mas estamos a mostrar que podemos fazer a mesma coisa sem realizar treino mecânico, ou seja, sem exercício físico”, diz o investigador Weiwei Fan, autor principal do estudo.

“Isso significa que podemos melhorar a nossa resistência a um nível equivalente ao de alguém que faz treino aeróbico, só que sem movermos“, diz o cientista.

Estas são notícias fantásticas para todos os que odeiam ir no ginásio mas querem ficar em boa forma física. Falta apenas que os cientistas inventem agora a “pílula do convívio“.

PARTILHAR

RESPONDER

Ventura notificado para apresentar defesa em processo por discriminação

A Comissão para a Igualdade e contra a Discriminação Racial (CICDR) notificou André Ventura para apresentar a sua defesa na sequência de alegadas declarações de carácter discriminatório em relação à etnia cigana no Facebook. A comissão …

UNICEF prepara maior operação da história para administrar dois mil milhões de vacinas

A UNICEF anunciou hoje que está a analisar a logística de transporte de cerca de dois mil milhões de vacinas contra a covid-19 para 92 países e que esta será a maior operação internacional da …

China deteta surtos em três cidades e impõe bloqueios e milhões de testes

As autoridades chinesas estão a testar milhões de pessoas, a impor bloqueios e a fechar escolas depois de vários casos do novo coronavírus transmitidos localmente terem sido diagnosticados nos últimos dias, em três cidades. À medida …

Joe Biden escolhe Antony Blinken para secretário de Estado

O Presidente-eleito escolheu Antony Blinken - um dos seus assessores mais antigos e mais próximos de Joe Biden - para o cargo de secretário de Estado, decisão que ainda terá de ser validada pelo Senado …

Portugal regista mais 74 mortes e 4044 novos casos de covid-19

Portugal regista, esta segunda-feira, mais 74 mortes e 4044 novos casos de infeção por covid-19, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 4044 novos casos, 2258 …

Ordem dos Médicos quer alargar proibição de circulação aos dias entre os feriados

O Gabinete de Crise para a covid-19 da Ordem dos Médicos está a pedir ao Governo que pondere a possibilidade de manter a proibição de circulação entre concelho nos 12 dias das duas pontes - …

Deputada não inscrita Cristina Rodrigues consegue acordo do Governo para várias propostas

No segundo dia de votações do Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) na especialidade, a deputada não inscrita Cristina Rodrigues chegou a acordo com o Executivo para propostas como programas de saída e apoio a …

Admissão em lares dispensa teste se utente tiver cumprido isolamento há 90 dias

A Direção-Geral da Saúde alterou as normas para as estruturas residenciais para idosos, unidades de cuidados continuados da rede nacional e outras respostas para os mais velhos e instituições de acolhimento de crianças e jovens …

Empresas podem adiar pagamentos à Segurança Social para julho de 2021

As empresas e os trabalhadores independentes podem adiar o pagamento das contribuições para a Segurança Social para o segundo semestre de 2021 e pagar em três ou seis meses, sem juros. A medida foi avançada pelo …

PCP aprova lista e promete condições sanitárias para Congresso de Loures

O PCP aprovou este domingo a lista do comité central a ser votada no congresso do próximo fim de semana e prometeu "condições sanitárias" para a reunião, em Loures, devido à pandemia de covid-19. Em comunicado, …