Cientistas criam laser feito de sangue humano que poderá ajudar a encontrar tumores

Um grupo de investigadores da Universidade de Michigan desenvolveu um laser misturando sangue humano com um corante fluorescente chamado indocianina verde (ICG), que poderá ajudar os médicos a encontrar tumores corporais.

A palavra “laser” transmite a ideia de sistemas eletrónicos complexos, mas, na realidade, os lasers podem ser feitos a partir de uma variedade de materiais – incluindo células vivas.

Para criar um laser, é necessária apenas uma fonte de luz, um material de amplificação, e uma cavidade reflexiva.

Os investigadores criaram uma mistura de corante ICG com sangue humano, que desempenha o papel de amplificador, e que, quando atingida com um laser convencional, faz com que o sangue emita luz.

A equipa descobriu que o ICG não emite luz por si só, mas brilha quando misturado com sangue, uma vez que se liga às proteínas e aumenta a sua capacidade de amplificar a luz.

Como o corante se liga às proteínas do plasma, deverá ser mais visível em áreas com uma alta concentração de vasos sanguíneos.

Tal significa que os tumores, que são alimentados por novos vasos sanguíneos, irão brilhar mais em comparação com as outras áreas, sendo mais fáceis de identificar.

Atualmente, os cientistas só demonstraram a técnica com sangue fora do corpo, mas prevêem que, no futuro, seja possível realizá-la dentro de um corpo vivo –  apenas têm que descobrir o que fará o papel da cavidade reflexiva.

“Eventualmente, iremos também realizar a experiência no corpo humano, mas queremos garantir que o laser está dentro dos limites de segurança recomendados para não queimar o tecido”, afirmou Xudong Fan, um dos investigadores da equipa, citado pelo New Scientist.

Segundo o estudo, publicado na Optical Society, a técnica envolverá injetar o ICG no paciente, e apontar uma laser normal à pele enquanto o brilho é detetado através de uma câmara de infravermelhos.

Mas o sangue nem sequer é o único material estranho usado para criar lasers.

Em 2011, um grupo de investigadores usou uma célula renal viva para amplificar a luz e, em 1970, dois cientistas conseguiram criar um laser com gelatina.

BZR, ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Rui Rio continua "em ponderação" e não anunciará qualquer decisão na quarta-feira

A Comissão Política Nacional do PSD vai reunir-se na próxima quarta-feira, mas o presidente do partido não falará ainda publicamente sobre o seu futuro político e continua “em ponderação”, disse à Lusa fonte oficial social-democrata. Segundo …

Ministério nega "situação anómala" de alunos ainda sem professores

Milhares de alunos continuam sem professores um mês depois de as aulas terem começado e o Ministério da Educação diz não ter sido informado de qualquer “situação anómala ou de uma falta sistémica de docentes”. Ainda …

Gage Skidmore

John Bolton denunciou pressão sobre a Ucrânia dois meses antes de sair da Casa Branca

John Bolton, o antigo conselheiro de Segurança Nacional norte-americano que saiu do cargo em setembro em confronto com Donald Trump, fez saber aos advogados da Casa Branca, em julho, que estava em curso uma campanha …

Homem que violava e trancava mulher sem comida tinha sido absolvido do mesmo crime

Um homem de 38 anos que ficou em prisão preventiva por suspeitas de crimes de violência doméstica agravada, violação e sequestro agravado contra a companheira, já tinha sido absolvido antes pela prática do mesmo crime …

Portugal é dos países da UE que mais progrediram na igualdade de género

Portugal está a progredir para uma plena igualdade de género mais rapidamente do que a média da União Europeia, revela o Instituto Europeu para a Igualdade de Género, que coloca o país em 16.º posição, …

"Sem água potável e a urinar em latas". Assim vivem os seguranças dos jogadores do Real Madrid

A União Geral dos Trabalhadores (UGT) de Espanha, um sindicato operário, denuncia as "péssimas condições" laborais dos seguranças que fazem vigilância a alguns jogadores do Real Madrid, nas suas moradias particulares. "Não há 'guaritas' de vigilância …

Ricardo Serrão Santos vai ser o novo ministro do Mar

O ex-eurodeputado socialista Ricardo Serrão Santos vai ser o novo ministro do Mar, no executivo de António Costa. A notícia foi avançada pela Antena Um/Açores e confirmada pelo Diário de Notícias.  Doutorado em Biologia pela Universidade …

Ex-presidente da Câmara da Covilhã começa a ser julgado por peculato

O antigo presidente da Câmara da Covilhã e também ex-vice-presidente do partido Aliança começa, esta terça-feira, a ser julgado em Castelo Branco, acusado de peculato e prevaricação. A SIC noticiou no fim-de-semana de 16 e 17 …

Dois anos depois dos fogos, há mais de 200 casas excluídas do processo de reconstrução

Dois anos depois dos incêndios na zona centro do país, mais de 200 casas de primeira habitação continuam excluídas do processo de reconstrução. Apesar de as obras estarem licenciadas, as habitações foram chumbadas pela Comissão de …

Professor que pediu dinheiro emprestado para se inscrever como candidato é o novo Presidente da Tunísia

Kais Saied, um professor de Direito reformado, conservador e visto como um homem intocado por qualquer suspeita de corrupção, vai ser o próximo Presidente da Tunísia, segundo os resultados à boca das urnas publicados na …