Cientistas criam laser feito de sangue humano que poderá ajudar a encontrar tumores

Um grupo de investigadores da Universidade de Michigan desenvolveu um laser misturando sangue humano com um corante fluorescente chamado indocianina verde (ICG), que poderá ajudar os médicos a encontrar tumores corporais.

A palavra “laser” transmite a ideia de sistemas eletrónicos complexos, mas, na realidade, os lasers podem ser feitos a partir de uma variedade de materiais – incluindo células vivas.

Para criar um laser, é necessária apenas uma fonte de luz, um material de amplificação, e uma cavidade reflexiva.

Os investigadores criaram uma mistura de corante ICG com sangue humano, que desempenha o papel de amplificador, e que, quando atingida com um laser convencional, faz com que o sangue emita luz.

A equipa descobriu que o ICG não emite luz por si só, mas brilha quando misturado com sangue, uma vez que se liga às proteínas e aumenta a sua capacidade de amplificar a luz.

Como o corante se liga às proteínas do plasma, deverá ser mais visível em áreas com uma alta concentração de vasos sanguíneos.

Tal significa que os tumores, que são alimentados por novos vasos sanguíneos, irão brilhar mais em comparação com as outras áreas, sendo mais fáceis de identificar.

Atualmente, os cientistas só demonstraram a técnica com sangue fora do corpo, mas prevêem que, no futuro, seja possível realizá-la dentro de um corpo vivo –  apenas têm que descobrir o que fará o papel da cavidade reflexiva.

“Eventualmente, iremos também realizar a experiência no corpo humano, mas queremos garantir que o laser está dentro dos limites de segurança recomendados para não queimar o tecido”, afirmou Xudong Fan, um dos investigadores da equipa, citado pelo New Scientist.

Segundo o estudo, publicado na Optical Society, a técnica envolverá injetar o ICG no paciente, e apontar uma laser normal à pele enquanto o brilho é detetado através de uma câmara de infravermelhos.

Mas o sangue nem sequer é o único material estranho usado para criar lasers.

Em 2011, um grupo de investigadores usou uma célula renal viva para amplificar a luz e, em 1970, dois cientistas conseguiram criar um laser com gelatina.

BZR, ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Berardo escapou ao boicote. Vinhos da Bacalhôa no top dos mais vendidos em Portugal

Apesar dos boicotes promovidos a Joe Berardo após as suas polémicas declarações na Comissão Parlamentar de Inquérito à gestão da Caixa Geral de Depósitos, os vinhos da Bacalhôa, empresa de Azeitão de que o empresário …

Maré de algas invadiu praias do Algarve

Além de a água do mar mais fria do que o habitual, as praias foram invadidas por algas. O fenómeno natural causou estranheza e preocupação entre os banhistas, mas não existem riscos para a saúde. No …

Há livrarias a recusar vouchers de manuais gratuitos por falhas no pagamento do Estado

Algumas livrarias estão a enfrentar problemas financeiros com a entrega dos manuais escolares gratuitos que, neste ano, foram alargados até ao 12.º ano. Tudo devido a atrasos no pagamento dos reembolsos do Estado. Nalguns casos, …

Renato Sanches pode estar de saída do Bayern. "Está tudo em aberto"

O médio português voltou a expressar desagrado com a falta de tempo de jogo no Bayern Munique e o Lille poderá estar interessado na sua contratação. Renato Sanches voltou a expressar desagrado com a falta de …

De Chaves a Faro. Costa vai percorrer o país de lés a lés para "ganhar novas forças"

Com as eleições legislativas a aproximarem-se, António Costa comprometeu-se a percorrer os mais de 700 quilómetros da Estrada Nacional 2 durante as próximas semanas. António Costa já começou a preparar a campanha para a corrida às …

Aberto processo urgente de protecção das gémeas presas em garagem. MP conhecia caso há 3 anos

O Ministério Público (MP) instaurou um processo de protecção urgente das duas crianças de 10 anos que viveram nos últimos anos numa garagem, na Amadora. As gémeas estavam sinalizadas há 6 anos pela Comissão de …

Venda da madeira do Pinhal de Leiria já rendeu 13,6 milhões de euros

A venda de lenha do Pinhal de Leiria rendeu já 13,6 milhões de euros, segundo o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), citado pela presidente da Câmara Municipal da Marinha Grande. Segundo comunicado …

Cristiano Ronaldo: "2018 foi o ano mais difícil da minha vida"

O internacional português considera que 2018, ano marcado pela acusação de violação de que foi alvo nos Estados Unidos, que acabou por cair em julho, foi o pior da sua vida. "2018 foi possivelmente o ano …

Marcelo promulgou lei com gralha: citou acórdão que não existe

O Presidente da República promulgou alterações ao código de trabalho, recusando as suspeitas de inconstitucionalidade que as bancadas de esquerda levantam. Marcelo cita um acórdão do tribunal constitucional que não existe. É “uma gralha dos serviços …

Mil funcionários prometidos às escolas ainda não foram contratados. Só chegam em outubro

Os 1.067 assistentes operacionais prometidos em fevereiro às escolas portuguesas para o início do próximo ano letivo ainda não foram contratados. De acordo com o Jornal de Notícias, o Ministério da Educação admitiu que 60 escolas …