Cidade italiana promete hotel grátis se chover durante as férias

A cidade italiana de Pesaro, na costa do Mar Adriático, quer atrair turistas com uma oferta ousada: a câmara municipal garante que dá alojamento gratuito para quem tiver as férias estragadas por causa das chuvas contínuas na região.

A ideia de compensar os turistas privados dos dias de praia devido ao mau tempo partiu do presidente da câmara, Matteo Ricci, que fez uma parceria com a associação hoteleira de Pesaro e uma grande empresa de seguros italiana.

Segundo a autarquia, quem se hospedar num hotel da cidade e apanhar pelo menos três dias seguidos de chuva nos próximos meses de julho e agosto, no auge do verão, terá direito a um fim de semana no mesmo hotel em setembro e outubro deste ano ou em maio e junho de 2016.

Com esta garantia, a cidade à beira-mar quer atrair turistas preocupados com o mau tempo que às vezes atinge a região nos meses de verão.

Época alta mais tempo

No ano passado, durante o mês de agosto – o preferido pelos italianos para tirar férias – choveu imenso em Pesaro. As praias ficaram desertas e os hóspedes ressabiados.

Já na altura o presidente da câmara experimentou algo diferente: prolongou o verão por decreto. A autarquia esticou a época alta até 15 de outubro, obrigando os hotéis, bares e restaurantes a ficarem abertos.

Agora, com esta nova garantia, Matteo Ricci espera atrair mais visitantes para a cidade portuária com cerca de 90 mil habitantes, cujo faturamento com turismo equivale a apenas 7% do PIB local. Na conhecida cidade de Rimini, apenas 40km ao norte de Pesaro, essa fatia sobe para 70%.

Entrelinhas

No entanto, convém ler as entrelinhas antes de reivindicar um fim de semana grátis em Pesaro por causa da chuva.

Segundo as regras impostas pela autarquia e também pela seguradora que cobrirá parte dos custos, os turistas só serão compensados se cair um mínimo de três milímetros de chuva por metro quadrado durante três dias consecutivos.

Essa quantidade de chuva deve cair entre as dez da manhã e as quatro da tarde. “Se chover mais cedo ou mais tarde as pessoas podem fazer outra coisa e não precisam necessariamente ir à praia”, argumenta o presidente da câmara.

De acordo com a associação italiana de hotelaria, esta iniciativa é “única em Itália”. Noutros países, como França e Estados Unidos, as companhias de seguros prometem um montante fixo de dinheiro como compensação pelos dias chuvosos.

Já em Pesaro, o turista é convidado a voltar para aproveitar – gratuitamente – uns dias ensolarados na cidade.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Portugal volta a bater recorde de infeções: mais 4.224 casos nas últimas 24 horas

Portugal voltou a bater o recorde de infeções diárias esta quinta-feira. Nas últimas 24 horas, registaram-se mais 4.224 casos positivos em todo o país. Dia após dia, Portugal continua a bater recordes de infeções diárias. Nas …

Depois do novo confinamento, França estende uso obrigatório de máscara nas escolas às crianças de 6 anos

O uso de máscara na escola em França será estendido na próxima semana às crianças a partir dos seis anos, anunciou esta quinta-feira o primeiro-ministro francês, Jean Castex, um dia após o anúncio de novo …

"A lei não pode exigir esse tipo de heroísmo". Presidente polaco recua na oposição ao aborto

O Presidente da Polónia defendeu esta quinta-feira que as próprias mulheres deveriam ter o direito de abortar em caso de fetos com problemas congénitos, rompendo com a liderança conservadora, que apoiou uma proibição que levou …

Advogados ligados à PLMJ contestam interesse público de revelações de Rui Pinto

A invocação de interesse público dos documentos e das informações expostas por Rui Pinto na Internet foi contestada, esta quarta-feira, por advogados ligados à sociedade PLMJ, na 18.ª sessão do julgamento do processo "Football Leaks". Na …

Microempresas do turismo do Norte com maior adesão a apoios

As microempresas de turismo do Norte foram as que mais dinheiro receberam da linha de apoio à tesouraria criada em resposta ao impacto da pandemia nesse setor, ficando com 29,3% (15,3 milhões de euros) do …

Migrantes marroquinos "desesperados e assustados" em greve de fome. Entre eles está uma mulher grávida

Seis dos migrantes marroquinos que chegaram ilegalmente em setembro estiveram em greve de fome, entre os quais uma grávida. Dizem não serem autorizados a falar com as famílias há mais de 40 dias. O protesto é …

TAP precisa de mais de 100 milhões por mês até final de 2020

O Plano de Tesouraria da TAP para 2020 revela que a empresa precisa, em média, mais de 100 milhões de euros por mês até ao final do ano para suprir as necessidades de liquidez. De acordo …

Fafe declara estado de emergência municipal devido à "rapidez" da propagação da covid-19

O concelho de Fafe está em estado de emergência municipal devido à “evolução grande” do número de infetados com o novo coronavírus e à “rapidez” da propagação, anunciou o presidente da Câmara. Em vídeo publicado nas …

Ameaça iminente. FBI alerta que hackers vão atacar sistema de saúde dos Estados Unidos

O Departamento Federal de Investigação (FBI) e duas agências federais anunciaram que cibercriminosos estão a desencadear um grande ataque de resgate contra o sistema de saúde dos Estados Unidos. Num alerta conjunto, o FBI e duas …

Multidão para ver ondas gigantes na Nazaré. Câmara corta acesso ao Farol

A Câmara e a Capitania da Nazaré decidiram cortar o acesso pedonal à estrada do Farol, para conter a excessiva concentração de público que assiste às ondas gigantes e garantir condições de segurança, informou o …