Cidade chinesa planeia criar uma lua artificial

As autoridades municipais de Chengdu, capital da província chinesa de Sichuan, anunciaram planos para a construção de uma lua artificial em 2020. Com um “brilho crepuscular”, a nova lua iria iluminar a cidade num diâmetro de até 80km.

A segunda lua planeada para sobrevoar a capital de Sichuan tem como missão ser um complemento à luz refletida pela verdadeira Lua e será oito vezes mais brilhante que o satélite natural.

Wu Chunfeng, presidente do Instituto de Pesquisa e Tecnologia de Microeletrónica de Chengdu (CASC), empresa afirmou que é esperada uma poupança significativa nos cofres da cidade ao eliminar a necessidade da existência de iluminação pública nas ruas – a lua será capaz de iluminar uma área de 80 quilómetros de diâmetro.

Apesar de a lua artificial iluminar apenas Chengdu, esta poderá ser visível em toda a China e até em outros países, segundo informa o Asia Times – porém, ainda nada de concreto foi anunciado sobre a altura, tamanho e brilho desta lua artificial.

A empresa encarregue do plano tem chamado à lua artificial de “satélite” – o que sugere que ela será lançada numa órbita geoestacionária que circundará a Terra acima do equador.

De acordo com o The Guardian, também ainda não há informações sobre se o projeto tem o apoio oficial da cidade de Chengdu ou do governo federal.

A ideia para este projeto de uma lua humana não é novo e terá nascido de um artista francês que imaginou pendurar “um colar” feito de espelhos na Terra, que refletiria a luz do sol nas ruas de Paris durante todo o ano.

Nos anos 90, a Rússia tentou um projeto semelhante com o lançamento de um sistema de reflexão solar – “um espelho espacial” – destinado a criar uma fonte de luz equivalente a três a cinco luas cheias, que cobriria uma área de 5 quilómetros.

Quanto às preocupações que uma lua artificial levantaria nas observações astronómicas e em relação às interferência nos animais noturnos, Kang Weimin, diretor do Departamento de Óptica do Instituto de Tecnologia de Harbin, na China, disse que a luz teria apenas “um brilho crepuscular”.

Porém, as pesquisas mostram que muitos animais são altamente sensíveis à luz e às fases da lua – as corujas-noturnas comunicam-se entre si através da exibição de penas brancas na garganta e os cientistas provaram que essa atividade aumenta durante a lua cheia, altura em que o luar é mais brilhante.

Na Grande Barreira de Coral da Austrália, centenas de espécies de corais libertam óvulos e espermatozóides numa desova anual em massa que está ligada à intensidade do luar.

Contudo, ainda não está claro se o brilho do satélite artificial seria intenso o suficiente para interferir nas rotinas da vida selvagem.

ZAP // Space.com

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Criada para prevenir a guerra, a ONU enfrenta um mundo profundamente polarizado

Criada após a Segunda Guerra Mundial para evitar novos conflitos, a Organização das Nações Unidas (ONU) comemora esta segunda-feira o 75.º aniversário, num mundo polarizado que enfrenta uma pandemia, conflitos regionais, uma economia em declínio …

Mulher cai de carro em movimento enquanto grava vídeo para o Snapchat

Uma mulher, que ocupava o lugar do passageiro de um carro em movimento, caiu numa auto-estrada enquanto filmava um vídeo para a rede social Snapchat, no Reino Unido. Segundo a CNN, a mulher estava pendurada na …

Nos Estados Unidos, a venda de discos em vinil ultrapassou a de CD pela primeira vez desde 1986

Pela primeira vez desde 1986, as vendas de discos de vinil ultrapassaram as vendas de CD nos Estados Unidos em 2020. Os números foram apresentados na semana passada pela Associação Americana da Indústria de Gravação, …

Mourinho espera ganhar sem jogar

Tottenham iria defrontar o Leyton Orient mas também no Reino Unido há jogos de futebol em causa por causa do coronavírus. O encontro entre Leyton Orient e Tottenham, relativo à terceira eliminatória da Taça da Liga …

A máfia italiana tem uma nova arma de recrutamento: o TikTok

Os jovens membros da Camorra, organização criminosa aliada à máfia siciliana, estão a recorrer ao TikTok para divulgar o seu estilo de vida e recrutar novos membros. Em maio, um vídeo foi publicado no TikTok que …

Os três segredos para ter um bom sistema imunológico são gratuitos, avisa Fauci

Manter o sistema imunológico saudável é um dos fatores-chave para lidar com a covid-19, o que não implica necessariamente a toma de suplementos vitamínicos. Há uns tempos, quando confrontado com o facto de a atriz Jennifer …

Pinguim encontrado morto no Brasil com uma máscara inteira no estômago

Um espécime de pinguim-de-Magalhães (Spheniscus magellanicus) foi encontrado morto numa popular praia brasileira e a autópsia ao corpo revelou que o animal tinha no seu estômago uma máscara de proteção facial N95. O animal foi …

Trump quer restabelecer sanções ao Irão. ONU rejeita apoiar posição norte-americana

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, disse que somente apoiará a restituição de sanções ao Irão, exigidas pelos Estados Unidos (EUA), se receber luz verde do Conselho de Segurança. Numa carta dirigida …

Designer holandês desenvolve "caixão vivo" feito com fibras de fungos

Um corpo humano pode demorar cerca de uma década a decompor-se dentro de um caixão. Com o Living Cocoon, o tempo é reduzido para dois ou três anos. Bob Hendrikx, biodesigner fundador da Loop, desenvolveu e …

Relógio em Nova Iorque mostra o tempo restante para reverter efeitos do aquecimento global

O Metronome, icónico relógio digital de Nova Iorque, deixou de mostrar o tempo do dia-a-dia e mostra agora o tempo restante que o nosso planeta tem para reverter os efeitos do aquecimento global. O relógio digital …