Funcionários públicos chineses castigados por “preguiça”

Chill Mimi / Flickr

A China puniu 249 funcionários públicos por “preguiça”, nomeadamente, devido ao atraso na conclusão de obras públicas e não utilização de fundos do Governo e terrenos para construção, noticia esta quarta-feira a agência oficial chinesa Xinhua.

A investigação, que decorreu entre maio e meados de junho, resultou na demissão ou despromoção de funcionários em 24 províncias, regiões ou cidades chinesas.

“Desde que foi lançada a mais drástica campanha anti-corrupção de sempre na China, muitos funcionários mostram-se reticentes em aprovar grandes projetos”, escreve o jornal China Daily.

A mesma publicação refere que, “no passado, as autoridades locais tentavam todos os meios possíveis para obter a permissão e financiamento do Governo central para o desenvolvimento de projetos”.

No total, 296 mil milhões de yuan – cerca de 41 mil milhões de euros – em fundos públicos ficaram por gastar.

Lançada após a ascensão ao poder do presidente Xi Jinping, a campanha anti-corrupção já atingiu dezenas de altos quadros com estatuto ministerial e milhares de funcionários públicos.

Pequim quer “combater a preguiça e inércia no Governo e garantir que os objetivos económicos para este ano estão a ser cumpridos”, escreve a Xinhua.

A economia chinesa deverá crescer 7% em 2015, o ritmo mais baixo do último quarto de século.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Os chineses deveriam contratar o José Sócrates que rapidamente ele gastava esses “cerca de 41 mil milhões de euros”, como o seu histórico prova.

RESPONDER

Um rato

Nova Iorque alvo de aumento recorde de casos de doença rara transmitida por ratos

Uma doença bacteriana rara, espalhada através da urina de rato, está a assolar a cidade de Nova Iorque. Este ano, pelo menos 15 pessoas terão contraído a doença. Destas, 13 foram hospitalizadas e uma morreu. A …

Portugal regista mais três mortes e 927 casos de covid-19

Portugal registou, esta quarta-feira, mais três mortes e 927 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 927 novos …

Festejos do Sporting. IGAI garante que "não omitiu informação ou branqueou factos"

A inspetora-geral da Administração Interna garantiu no Parlamento, esta quarta-feira, que a IGAI "não omitiu informação ou branqueou factos" no relatório sobre os festejos do Sporting, sustentando que tudo o que foi investigado consta do …

PAN só viabiliza OE "se houver compromisso do Governo em alterar" a proposta

A porta-voz do PAN afirmou, esta quarta-feira, que o partido só poderá viabilizar o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) se o Governo se comprometer com alterações à proposta na especialidade. Inês Sousa Real falava aos …

Colômbia condenada por não ter investigado agressões "verbais, físicas e sexuais" a jornalista

De acordo com a sentença, o Estado colombiano não investigou devidamente o caso de sequestro, tortura e violação da jornalista Jinedth Bedoya, que estava a trabalhar numa reportagem sobre a guerra civil em 2000. O Tribunal …

Rio diz ter "obrigação" de avançar com recandidatura à liderança do PSD

O presidente do PSD justificou a sua recandidatura à liderança, esta quarta-feira, pela "obrigação" de colocar o interesse do país e do partido à frente da sua vida pessoal. No final de uma audiência com o …

Fenprof e FNE convocam greve nacional de professores para 5 de novembro

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) e a Federação Nacional da Educação (FNE) anunciaram, esta quarta-feira, que vão convocar uma greve nacional de professores para 5 de novembro. Em comunicado, a Fenprof refere que a greve …

PCP reconhece aproximação do Governo, mas diz que ainda é insuficiente

O líder parlamentar do PCP considerou, esta quarta-feira, que houve uma aproximação do Governo às propostas do partido, mas que ainda não é suficiente para alterar a avaliação feita sobre o Orçamento do Estado para …

Alemanha pode falhar objetivo de doação de vacinas contra a covid-19 (e culpa fabricantes)

A Alemanha pode falhar o seu objetivo de doar 100 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 a países mais pobres. Um funcionário do ministério da saúde alemão revelou, numa carta a Bruxelas, que a …

Alexei Navalny vence Prémio Sakharov 2021

O opositor russo Alexei Navalny é o vencedor do Prémio Sakharov para a Liberdade de Pensamento 2021, anunciou o Parlamento Europeu, esta quarta-feira. Alexei Navalny foi nomeado pelos grupos políticos PPE e Renovar a Europa devido …