O nosso cérebro não aceita que vamos morrer

Os cientistas acreditam que o nosso cérebro está programado para nos impedir de pensar nas nossas próprias inevitáveis mortes.

O cérebro, de acordo com os investigadores, processa informações sobre a morte como algo mais provável de acontecer a outras pessoas do que a nós próprios.

Quando nos deparamos com a perspetiva de falecer, a nossa atividade cerebral parece mudar para nos proteger dessa ameaça existencial, explicaram os cientistas ao jornal britânico The Guardian.

Para investigar o processo que os cientistas chamam de “mecanismo protetor”, os autores do estudo, que será publicado na revista especializada NeuroImage, conectaram os participantes a um monitor cerebral e pediram para olhar para uma tela onde uma série de rostos aparecia. As imagens eram acompanhadas de palavras, incluindo vocabulário relacionado com a morte, como “enterro” ou “funeral”.

Os participantes viram o seu próprio rosto e a cara de um estranho várias vezes, antes de serem confrontados com um novo rosto inesperado, na tentativa de chocar o cérebro.

Quando viram o seu próprio rosto ao lado de uma palavra relacionada com a morte, a atividade na área do cérebro associada à previsão diminuiu. Os cientistas acreditam que isto se deve ao facto de que os cérebros querem evitar ligar o seu “eu” à morte.

Yair Dor-Ziderman, da Universidade Bar Ilan, em Israel, e co-autor do estudo, disse ao mesmo jornal britânico que “o cérebro não aceita que a morte esteja relacionada connosco”. “Temos esse mecanismo primordial que significa que, quando o cérebro obtém informações que se vinculam à morte, algo nos diz que não é confiável, por isso não devemos acreditar”, explicou.

Dor-Ziderman argumentou que a compreensão de que um dia morreremos “vai ao encontro a essência de toda a nossa biologia, o que nos está a ajudar a permanecer vivos”.

O também co-autor do estudo Avi Goldstein disse ao The Guardian que estes resultados sugerem que “nos protegemos das ameaças existenciais ou de pensar conscientemente sobre a ideia de que vamos morrer, fechando as previsões sobre o eu ou categorizando as informações como sendo sobre outras pessoas e não sobre nós“.

Arnaud Wisman, psicólogo na Universidade de Kent, disse que as pessoas usam inúmeras defesas para afastar os pensamentos de morte. Os jovens em particular podem vê-lo como um problema para outras pessoas.

O seu próprio trabalho descobriu que, nas sociedades modernas, as pessoas adotavam o que ele chama de “passadeira de fuga”, onde trabalhar, ir a bares, passar tempo a olhar para o telemóvel e comprar cada vez mais coisas significavam que as pessoas estavam demasiado ocupadas para se preocupar com a morte.

ZAP //

 

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Do pó da Terra nós viemos ao pó retornaremos, mas para estar com Senhor. Só Jesus salva a nossa alma, ele morreu por nós. Para nós deixar o direito da salvação e da vida eterna ao lado de Deus nosso pai. Deus abençoe a todos

  2. Isso acontece porque foi o Senhor Deus que pôs na mente do homem a idéia da eternidade (Eclesiastes 3:11). Grande parte das descobertas científicas encontram-se descritas na Palavra do Criador.

    • “Grande parte das descobertas científicas encontram-se descritas na Palavra do Criador.”
      A sério?!
      E onde estão esses escritos?
      Enfim…
      Os charlatões das religiões continuam a fazer vítimas entre os mais “limitados”!…

  3. não aceito seres invisiveis e não existentes como meu criador. tontinhos são aqueles que se regem por palavras vãs de um livro que só é comercializado para manter a infraestrutura de uma comunidade ridicula e chula

RESPONDER

"Armada espanhola" assegura 70% do mercado das obras públicas em Portugal

As empresas espanholas estão a assegurar 70% do mercado das obras públicas em Portugal, escreve esta segunda-feira o jornal Público, citando uma análise ao Portal Base, às obras públicas acima de sete milhões de euros No …

"Oitavos" da Liga dos Campeões não vão ser jogados em Portugal

A UEFA cedeu à pressão dos clubes e decidiu que os encontros da segunda mão dos oitavos-de-final vão ser disputadas nos respetivos estádios dos clubes. Os encontros por jogar relativos aos oitavos-de-final da Liga dos Campeões …

Turmas repartidas e aulas ao sábado. O que muda no novo normal do Ensino Superior

Para o regresso às aulas do Ensino Superior no próximo ano letivo, as universidades estão a preparar medidas que permitam cumprir as regras sanitárias e zelar pela aprendizagem dos seus alunos. Se tudo correr como planeado, …

Presidente do Barcelona afasta interessados em Messi e desfaz mito

Rumores sugeriam que Lionel Messi estava decidido a sair do Barcelona. Não tardou a aparecerem interessados no argentino, mas o presidente do Barça já veio deixar um recado. Na semana passada, o mundo do futebol foi …

Doze jovens infetados após festa na Guarda. Politécnico suspende exames presenciais

Doze jovens, oito dos quais alunos do Instituto Politécnico da Guarda (IPG), testaram este fim de semana positivo para o novo coronavírus (covid-19). De acordo com a SIC Notícias, as infeções deram-se na sequência de uma …

Vieira pode demitir-se para provocar eleições antecipadas. Candidatura em Outubro "dificilmente chegará às urnas"

As eleições para a presidência do Benfica estão na ordem do dia numa altura em que o título nacional parece mais distante e quando se avança que Luís Filipe Vieira deve vir a ser acusado …

Laboratório de Wuhan "esconde" vírus semelhante ao novo coronavírus desde 2012

O laboratório de virologia de Wuhan armazena há quase oito anos um vírus “muito parecido” com aquele que originou a pandemia de covid-19. Esse vírus foi descoberto em 2012 numa antiga mina de cobre em …

Joelson Fernandes pode juntar-se a Trincão no Barcelona

A imprensa espanhola volta a realçar o interesse do Barcelona em Joelson Fernandes. O jovem sportinguista renovou recentemente o seu vínculo, mas pode juntar-se a Trincão na Catalunha. Esta não é a primeira vez que o …

Medina quer "livrar-se" do Airbnb e criar casas para trabalhadores essenciais em Lisboa

Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, quer “livrar-se" do Airbnb e transformar o alojamento local em casas para trabalhadores de serviços essenciais", de acordo com um artigo publicado no jornal britânico The Independent. De …

"Negociação com a Comissão Europeia será dura. Não tem é de ser filme de terror", diz Pedro Nuno Santos

O ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, admitiu que as negociações com Bruxelas relativamente ao plano de reestruturação da TAP vão ser duras, embora permaneça otimista. "Temos de encontrar o equilíbrio entre a reestruturação que garanta …