Líder do CDS quer ver o partido travar “histerias de nichos à volta do radicalismo”

O presidente do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos

O líder do CDS encerrou, este domingo, a escola de quadros da Juventude Popular, que decorreu deste sexta-feira em Oliveira do Bairro, distrito de Aveiro, momento que assinalou também a rentrée política do partido.

“Este novo Partido Popular quer ser útil a Portugal e aos portugueses, pretende pensar o país à direita, dispensando estas histerias de nichos à volta do radicalismo e do extremismo”, afirmou Francisco Rodrigues dos Santos, numa indireta ao Chega, citado pela rádio Renascença.

“Se não nos encarregarmos de escrever a história da direita em Portugal, outros o farão por nós. Porventura findos da franja dos populismo e da área do protesto”, alertou, citado pelo Jornal Económico.

Além das críticas ao partido de André Ventura, o centrista também não poupou o PS e o PSD, dizendo que o CDS tem de ser um “travão ao bloco central” e “resgatar Portugal da ditadura dos interesses”.

“De cada vez que o bloco central engorda, a nossa democracia emagrece. Foi assim na eliminação dos debates quinzenais, está a ser assim com a distribuição dos lugares nas CCDR por todo o pais, foi assim que tentaram eliminar as reuniões do Infarmed e foi assim que limitaram a democracia participativa nas candidaturas independentes a nível local.”

As críticas também atingiram o PCP, sobretudo a recente Festa do Avante, tendo elogiado a forma como decorreu a escola de quadros da JP.

“Isto não é um ajuntamento na Quinta da Atalaia, isto é a escola de quadros, sob fortes medidas restritivas, respeitando os sacrifícios dos portugueses e provando que é possível em tempos de pandemia fazer política com responsabilidade e sentido social”, afirmou.

No mesmo discurso, que marcou a rentrée política do partido, o líder do CDS voltou a exigir a demissão da ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, a quem chamou “ministra da insensibilidade social”.

“Se o vírus é uma ameaça à saúde dos idosos, também é verdade que esta incompetência do Governo manifesta-se como altamente perigosa“.

CDS quer melhorar resultados nas eleições dos Açores

As eleições para a Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, que se disputam a 25 de outubro, vão ser uma “prova de vida” para o partido e o objetivo do líder é “consolidar o CDS como terceira força política”, afirmou também Francisco Rodrigues dos Santos.

Este desafio vai “embalar o CDS para uma cadeia de crescimento sustentável, provando que à medida que uns celebram” sondagens, os centristas vão “celebrar resultados”.

Com o líder do CDS/Açores e candidato, Artur Lima, presente na sala, o presidente do CDS defendeu que os democratas-cristãos podem “ser a mudança” neste arquipélago.

“Um voto no CDS nos Açores significa um voto no único partido que consegue tirar a maioria absoluta ao PS” e pode evitar “que os extremismos tenham lugar no Parlamento açoriano”, frisou.

Já nas eleições autárquicas do próximo ano, Francisco Rodrigues dos Santos quer “somar autarcas, se possível presidentes de câmara, garantir e reforçar as maiorias daquelas câmaras que são presididas pelo CDS e em política de alianças, onde estão a funcionar e bem, permitir que o CDS garanta a renovação dos seus mandatos, conquistar novos e reforçar a sua malha territorial de autarcas de norte a sul e ilhas”.

“Somos um partido que quer evidentemente disputar eleições com bons resultados, queremos satisfazer as ambições do nosso partido em eleições mas queremos governar para as próximas gerações”, frisou.

Virando-se para dentro, o presidente do CDS assinalou que “o sucesso” do partido “dependerá da direção, mas sobretudo de cada um dos dirigentes e militantes do CDS”, que apelidou de “os cerca de 40 mil porta-vozes” e “embaixadores” centristas a nível local.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Teresa Leal Coelho admite processar ex-vereador Fernando Nunes da Silva

A vereadora da Câmara Municipal de Lisboa Teresa Leal Coelho admitiu que poderá vir a processar o antigo vereador Fernando Nunes da Silva, devido às declarações sobre a reposição dos sentidos de circulação na Avenida …

Linha de Fundo: Benfica reforça liderança, mais recados de Conceição, um jardim de infância especial e João “rosa” Almeida

Era uma vez um Clássico... Deu empate o primeiro clássico da época 2020/21. Em Alvalade, Sporting e FC Porto igualaram-se a duas bolas, num jogo que valeu pelas mudanças de resultado, mas que nem sempre foi …

CDS critica PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa

O CDS está "chocado" por a TAP ir abandonar as quatro rotas que opera no Aeroporto Francisco Sá Carneiro e critica o PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa. O …

Contratos de associação dos colégios privados. Ministério da Educação vence todos os 55 processos judiciais

Em todos os 55 processos judiciais que os colégios privados moveram contra o Ministério da Educação em 2016, na sequência da polémica dos contratos de associação, todas as 55 decisões foram favoráveis ao Governo. O jornal …

Famílias numerosas podem pedir desconto no IVA da luz a partir de março

As famílias com cinco ou mais elementos só poderão usufruir da redução do IVA da eletricidade a partir de 1 de março e terão de o requerer junto do seu fornecedor, segundo uma portaria esta …

Vacina da gripe disponível para mais grupos. Farmácias temem não ter stock suficiente

A vacina da gripe está, a partir desta segunda-feira, disponível para mais grupos populacionais com o início da segunda fase da campanha, que estende a vacinação a pessoas com 65 ou mais anos e pessoas …

Franceses em protesto para homenagear professor decapitado. Autoridades procuram radicais islâmicos

Milhares de pessoas reuniram-se no domingo no centro de Paris numa demonstração de repúdio pela decapitação do professor que mostrou aos seus alunos desenhos do Profeta Maomé. Os manifestantes da Praça da República ergueram cartazes onde …

Proud Boys acreditam na vitória de Trump: "Vamos Ganhar". Voto antecipado começa hoje na Florida

O líder do grupo Proud Boys disse à Lusa, durante uma manifestação em Miami, que Donald Trump vai vencer as eleições presidenciais norte-americanas, e rejeitou a acusação de que é dirigente de uma organização extremista. …

Projeto desenvolve testes rápidos de baixo custo para detetar imunidade

Um consórcio de universidades e uma empresa querem desenvolver "testes rápidos e de baixo custo" para detetar a resposta imunitária ao vírus SARS-CoV-2. O projecto TecniCov, que "obteve um financiamento de 450 mil euros da Agência …

"Medo constante". Human Rights Watch denuncia tortura na Coreia do Norte

Uma organização não-governamental denunciou esta segunda-feira que o sistema norte-coreano de detenção pré-julgamento e de investigação é cruel e arbitrário, com ex-detidos a descreverem tortura sistemática, corrupção e trabalhos forçados não-remunerado. No relatório de 88 páginas, …