Carro rompe barreira de segurança do Parlamento em Londres. Suspeito detido

Facundo Arrizabalaga / EPA

A polícia britânica avançou que nenhum dos feridos corre perigo de vida

As autoridades britânicas estão a investigar um incidente ocorrido nesta manhã após um veículo ter batido contra as barreiras de segurança junto ao Parlamento, em Londres, no Reino Unido. O suspeito foi detido e não há registo de vítimas mortais.

A polícia ainda não avançou com o número exato de pessoas feridas na colisão de um carro contra as barreiras de segurança colocadas em frente ao Parlamento britânico, mas anunciou que nenhum dos feridos corre risco de vida.

Na sequência deste incidente e por questões de segurança foi encerrada estação de metro de Westminster, em Londres, segundo as forças de segurança.

Segundo a Scotland Yard, a estação foi encerrada por um alerta de segurança, tendo o trânsito também sido cortado numa grande área em torno do Parlamento britânico.

De acordo com as primeiras informações, alguns ciclistas foram atingidos pelo veículo, mas não correm risco de morte. Duas pessoas foram socorridas no local e levadas para o hospital, informou o Serviço de Ambulâncias de Londres.

A polícia metropolitana londrina informou, entretanto, que nenhum dos feridos no acidente corre risco de vida.

O motorista do veículo, cuja identidade ainda é desconhecida, foi detido no local após o incidente que ocorreu às 07:37, adianta a Scotland Yard.

“Às 07h37 de hoje, um carro colidiu contra as barreiras de segurança em frente ao Parlamento. O motorista, um homem, foi detido no local por agentes da polícia, vários peões ficaram feridos. Os agentes estão no local”, afirma a Scotland Yard em comunicado.

As autoridades britânicas afirmam que o homem com cerca de 30 anos que seguia ao volante da viatura está a ser investigado por suspeita de ato terrorista. A unidade anti-terrorismo da polícia metropolitana lidera a investigação ao caso.

Segundo a imprensa britânica, há cerca de dez veículos policiais no local e pelo menos três ambulâncias.

O edifício do Parlamento está cercado por barreiras de aço e betão depois do ataque perpetrado em março do ano passado por um homem que conduzia um veículo.

Nesse ataque, Khalid Masood atropelou várias pessoas na ponte de Westminster, perto do Parlamento, onde matou quatro pessoas, depois desceu e tentou entrar no prédio, onde matou com uma faca o agente da polícia Keith Palmer, recorda a Efe.

ZAP // Lusa / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas explicam porque trabalhar à noite faz mal aos intestinos

As pessoas que trabalham à noite têm mais probabilidades de desenvolver inflamações intestinais, porque há células que contribuem para a saúde intestinal que deixam de receber informações vitais do cérebro, indica um estudo divulgado esta …

Marinha dos EUA admite que vídeos de OVNI's são verdadeiros (e não era suposto ninguém saber)

A Marinha dos EUA confirmou que imagens de OVNIs que surgiram nos últimos anos são reais e que nunca pretenderam que o vídeo fosse visto pelo público. As imagens que apareceram pela primeira vez online em …

O Pólo Norte vai ter um hotel de luxo (iluminado pelas auroras boreais)

https://vimeo.com/360873720 O hotel "mais a norte do mundo" só existirá durante um mês e o glamping de luxo será para muito poucos: o custo é de 95 mil euros por pessoa por três dias. Em 2020, o …

Whitney Houston vai regressar aos palcos (em holograma)

Whitney Houston vai "regressar" aos palcos, em formato holograma. Foi anunciada uma digressão da cantora por várias salas do Reino Unido, em 2020. Os planos para uma digressão de holograma de Whitney Houston têm sido discutidos …

Victor Vescovo diz que chegou ao ponto mais profundo dos oceanos. James Cameron não concorda

James Cameron levantou dúvidas sobre as recentes declarações de Victor Vescovo sobre ter quebrado o recorde do mergulho mais profundo no oceano, dizendo que o empresário não pode ter descido mais, uma vez que não …

Par de patinadores no gelo mais medalhado de sempre anuncia fim da carreira

Os canadianos Tessa Virtue e Scott Moir, o par de patinadores no gelo mais medalhado da história do olimpismo, anunciaram esta quarta-feira o fim da carreira. “Olá a todos. Temos novidades para todos os que nos …

Elon Musk é o líder mais inspirador da tecnologia da atualidade

Elon Musk foi nomeado o líder mais inspirador no setor da tecnologia, de acordo com um estudo publicado pela Hired, uma plataforma para contratação de pessoal em 14 cidades em todo o mundo. O estudo, chamado …

De portas abertas para quem precisa. Frigoríficos solidários crescem em Paris

A Cantina do 18.º bairro parisiense foi o primeiro espaço deste projeto solidário, inaugurado há dois anos. Atualmente existem 38 restaurantes em França que acolhem os frigoríficos solidários. Em dois anos, o projeto dos frigoríficos solidários …

Imigrante do Bangladesh em Itália encontra e devolve carteira com 2 mil euros

Mossan Rasal, um bangladeshiano de 23 anos que vive em Roma, encontrou na rua uma carteira com dois mil euros, documentos de identificação, cartões de crédito, carta de condução. Em vez de retirar o dinheiro e …

Austrália conclui que China foi responsável por ciberataque ao parlamento

A agência de inteligência cibernética da Austrália (ASD) concluiu que a China foi a responsável por um ataque informático, no início deste ano, contra o parlamento nacional. Os serviços de inteligência australianos (Australian Signals Directorate) concluíram …