As plataformas de gelo da Antártida “cantam” (e é bizarro)

A União Americana de Geofísica publicou um vídeo da plataforma de gelo Ross, na Antártica, a “cantar”. Os tons sísmicos podem ser usados para monitorizar as alterações nas plataformas de gelo.

Exploradores polares registaram sons extraordinários ao examinar como o ar quente interfere no degelo de glaciares na plataforma Ross, do tamanho do estado americano do Texas, que é a maior plataforma de gelo do mundo, situada no território da Antártica reivindicado pela Nova Zelândia.

Esta gigante plataforma de gelo sustenta os lençóis de gelo adjacentes no continente da Antártida, impedindo o fluxo de gelo da terra para a água, atuando como um tampão.

Quando as plataformas de gelo colapsam, o gelo pode fluir mais rapidamente da terra para o mar, elevando o nível do mar. As plataformas de gelo em toda a Antártida têm diminuído e, em alguns casos, estão se fragmentando devido ao aumento das temperaturas do oceano e do ar.

Observações anteriores mostraram ainda que as plataformas de gelo da Antártida podem entrar em colapso repentinamente e sem sinais de alerta óbvios.

Para melhor entender as propriedades físicas da região, os exploradores enterraram 34 sensores sísmicos extremamente sensíveis debaixo da superfície gelada.

Os sensores instalados permitiram monitorizar as vibrações da plataforma e estudar os movimentos da estrutura por um período de dois anos – de finais de 2014 a inícios de 2017 -, comunicou o site da American Geophysical Union.

Segundo os exploradores, os ruídos surgem por causa das vibrações provocadas por ventos fortes que sopram sobre as dunas de gelo.

As plataformas de gelo estão cobertas por mantos de neve, muitas vezes com vários metros de profundidade – a camada de neve age como um manto protetor para o gelo subjacente, isolando o gelo e protegendo-o do aquecimento.

Na investigação, publicada a 16 de outubro, na revista American Geophysical Union – Advancing Earth and Space Science, os cientistas afirmam que durante a análise dos dados sísmicos, a neve protetora estava constantemente a vibrar.

Ao explorar os dados, os investigadores descobriram que os ventos que passavam pelas dunas de neve faziam com que a camada de gelo “roncasse”. Foram notadas, também, mudanças no tom do barulho sísmico com a movimentação das camadas de neve.

O gelo vibrou em frequências diferentes sempre que o vento deslocava dunas de neve ou quando as temperaturas da superfície aumentavam ou diminuíam, fazendo com que a velocidade das ondas sísmicas, movidas pela neve, se altera-se.

Julien Chaput, geofísico e matemático da Universidade do Colorado e autor principal do estudo, comparou o fenómeno com a “execução constante de uma flauta” na plataforma de gelo.

Assim, tal como os músicos que podem mudar a intensidade da nota, dependendo do buraco da flauta ou velocidade de sopro, as condições atmosféricas nas plataformas de gelo também podem mudar frequência da vibração pela transformação da topografia das dunas, destacou Chaput.

A plataforma da Antártica “canta” numa frequência que é impercetível para o ouvido humano. Para captar o “canto”, Julien Chaput acelerou a gravação 1,2 mil vezes.

Apesar de o som ser em frequências demasiado baixas para ser audível para os ouvidos humanos, as novas descobertas sugerem que os cientistas podem, quase em tempo real, usar as estações sísmicas para monitorizar as condições das plataformas de gelo.

Mudanças nos sons sísmico da plataforma de gelo podem indicar se há lagoas ou fendas no gelo que podem indiciar que a plataforma de gelo está suscetível a um desmoronamento. “Basicamente, o que temos nas nossas mãos é uma ferramenta para monitorizar o ambiente e o seu impacto nas plataformas de gelo” disse Chaput.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Agentes do ex-Benfica Luka Jovic são suspeitos de branqueamento de capitais

Os agentes do antigo jogador do SL Benfica Luka Jovic, Fali Ramadani e Nikola Damjanac, são suspeitos de terem branqueado mais de 10 milhões de euros em Espanha. Os empresários Fali Ramadani e Nikola Damjanac, da …

Túmulos reais do Taj Mahal limpos pela primeira vez em 300 anos para receber Trump

Os túmulos reais do Taj Mahal foram limpos pela primeira vez em 300 anos como parte da preparação da visita do Presidente norte-americano, Donald Trump, à Índia, escreve o portal Newsweek citando média locais. Donald …

Microsoft revela novos detalhes da Xbox Series X

A Microsoft revelou novos detalhes da Xbox Series X, a principal corrente à Playstation 5 e à Nintendo Switch. A consola vai ser equipada com "12 Teraflops" e memória interna SSD. A Microsoft quer apostar forte …

OMS sobre Covid-19: O mundo "simplesmente não está pronto" para enfrentar a epidemia

O especialista que liderou a equipa da Organização Mundial de Saúde (OMS) enviada à China disse hoje que o mundo "simplesmente não está pronto" para enfrentar a epidemia do novo coronavírus. Bruce Aylward, médico canadiano especialista …

Um quinto das florestas australianas arderam devido a seca extrema

Os incêndios recentes "sem precedentes" que destruíram um quinto das florestas australianas estão ligados a uma seca de vários anos, devido às alterações climáticas, segundo um estudo publicado na segunda-feira. Os climatólogos estão, atualmente, a estudar …

Auditorias aos estádios da I Liga devido a casos de racismo começam amanhã

As auditorias aos estádios onde se realizam jogos da I Liga de futebol, motivadas pelos recentes atos de violência e racismo, vão decorrer até março, diz o Ministério da Administração Interna. As auditorias à segurança dos …

Liverpool já tem tantas vitórias como o invencível Arsenal de Wenger

O Liverpool operou esta segunda-feira a reviravolta sobre o West Ham (3-2) e evitou a primeira derrota na Liga inglesa de futebol, repondo a vantagem de 22 pontos para o Manchester City, no jogo que …

Lenine Cunha campeão de triplo e pentatlo em atletismo adaptado

O atleta paralímpico português Lenine Cunha sagrou-se, esta terça-feira, campeão mundial de triplo-salto e pentatlo, em Torun, na Polónia. Ana Filipe venceu a prova de triplo-salto no feminino. Lenine Cunha venceu a medalha de ouro, esta …

Kroos: Não foi fácil "adaptar-nos à falta de 40 ou 50 golos" de Ronaldo

Toni Kroos assumiu que foi difícil para o Real Madrid superar a saída de Cristiano Ronaldo. O alemão realçou a falta dos 40 ou 50 golos marcados pelo português fizeram-se sentir. Em entrevista ao The Athletic, …

Companhias aéreas querem conclusão das "obras urgentes" no aeroporto de Lisboa

A associação das companhias aéreas em Portugal (RENA) pediu ao Governo e à concessionária do aeroporto de Lisboa (ANA) a conclusão imediata "das obras urgentes" na infraestrutura, para além do "desenvolvimento do novo aeroporto" no …