Cães jovens podem ser mais parecidos com os adolescentes do que pensávamos

Os jovens cães e os adolescentes humanos podem ter mais em comum do que aquilo que se pensava anteriormente. Ambos passam por uma fase de obediência reduzida.

O comportamento dos cães durante a adolescência é mais parecido com o dos adolescentes humanos do que pensávamos anteriormente. A conclusão é a de um novo estudo publicado, esta quarta-feira, na revista científica Biology Letters.

A investigação confirma o que muitos donos de cães suspeitavam há muito tempo: os cães têm uma fase passageira de obediência reduzida aos seus donos durante a puberdade. O estudo também destaca uma interação fascinante entre a puberdade em cães e o tipo de apego que o cão mostra em relação ao dono.

A adolescência é um longo período de mudança durante o qual partes do cérebro juvenil são remodeladas num cérebro adulto. Durante este período, a remodelação dos nossos circuitos neurais é impulsionada por mudanças hormonais dramáticas e afeta diretamente o comportamento.

As mudanças comportamentais observadas em adolescentes humanos incluem capacidade reduzida de controlar os seus impulsos e emoções, maior irritabilidade e comportamento propício a correr riscos.

Estudos mostram que a adolescência é um período vulnerável para as relações entre pais e filhos, com um aumento do conflito típico desta fase. Também há ligações entre os problemas de comportamento na fase adolescente e a qualidade do relacionamento entre pais e filhos. Foi demonstrado que as crianças que têm um apego inseguro em relação às figuras dos pais entram na puberdade mais cedo e exibem maior conflito com os pais durante a adolescência.

Adolescência em cães

A relação dono-cão tem muitas semelhanças com a relação pai-filho, baseando-se em mecanismos de ligação comportamentais e hormonais semelhantes.

Com base no que sabemos sobre o desenvolvimento neurológico em mamíferos e como a adolescência nas pessoas afeta o relacionamento entre pais e filhos, a equipa de cientistas levantou a hipótese de que a adolescência canina poderia ser um período vulnerável para a relação entre o dono e o cão.

É esperado um impacto particular da puberdade na dinâmica entre dono e cão, devido aos desejos conflituantes de viver com a sua família humana e procurar reproduzir-se com outros cães.

Seguindo um grupo de crias de cães-guia durante o primeiro ano de vida, os investigadores averiguaram se as relações entre dono e cão seriam paralelas às relações entre pais e filhos de algumas maneiras específicas. Para isso, foram utilizados dados recolhidos por meio de uma combinação de questionários de comportamento preenchidos por cuidadores e treinadores de 285 cães e testes comportamentais com 69 desses cães.

Semelhanças aos humanos

Os resultados do estudo destacam três maneiras específicas pelas quais as relações entre dono e cão na adolescência refletem a relação entre pai e filho.

Mostrou-se pela primeira vez que os cães apresentam um comportamento de conflito aumentado, caracterizado por uma redução na obediência, durante a puberdade. É importante realçar que esta obediência reduzida é vista apenas na maneira como o cão se comporta com o cuidador: os cães ainda se comportam bem com estranhos, conforme relatado através dos questionários.

Esta desobediência socialmente específica pode servir para testar a força da relação do cão com o cuidador, na tentativa de restabelecer um laço seguro.

Conforme esperado, os cães que tinham um apego mais inseguro ao cuidador eram os menos propensos a obedecer ao cuidador durante puberdade.

Num paralelo final com a biologia humana, as cadelas tornavam-se reprodutivamente maduras mais cedo se tivessem um apego mais inseguro ao dono. Estas revelações sugerem a possibilidade de influência interespécie do vínculo humano-animal no desenvolvimento reprodutivo dos animais e destacam a adolescência como um período vulnerável para as relações entre dono e cão.

Talvez a coisa mais importante a reter para os donos dos cães seja que estas mudanças de comportamento são uma fase passageira. Quando os cães tinham 12 meses, o seu comportamento tinha regressado ao estado anterior à puberdade, ou na maioria dos casos, tinha melhorado.

Nos cães, como nas pessoas, parece que o comportamento adolescente existe, mas não dura. Isto é crucial para qualquer novo proprietário de cães, uma vez que a adolescência é a idade mais frequente em que os cães são abandonados e acabam em abrigos de animais.

Também é extremamente importante que os proprietários não castiguem os cães por desobediência ou que se afastem deles neste momento, pois isso provavelmente tornará o problema pior a longo prazo, como acontece nas pessoas.

PARTILHAR

RESPONDER

Bélgica 3-0 Rússia | Diabos belgas à solta em São Petersburgo

A Bélgica entrou com tudo nesta fase final do EURO 2020. Na noite deste sábado, os “diabos vermelhos” andaram à solta e silenciaram São Petersburgo. A Bélgica entrou hoje com o pé direito no Campeonato da …

Um braço robótico conseguiu ajudar um paciente a sentir o mundo

Recentemente, um implante neural permitiu que as pessoas escrevessem uma mensagem apenas com o pensamento. Agora, um novo braço robótico controlado por um implante está a criar curiosidade por conseguir enviar feedback tátil para o …

Dinamarca 0-1 Finlândia | Todos a pensar em Eriksen

A Finlândia venceu o seu encontro de estreia em fases finais de Campeonatos da Europa, num jogo em que o mais importante não foi o resultado final, mas sim a luta de Eriksen pela vida. A …

Polícia chinesa prende mais de mil suspeitos de lavagem de dinheiro com criptomoedas

As autoridades chinesas intensificaram o controlo de esquemas que envolvem criptomoedas e prenderam mais de 1.100 suspeitos de usar os ativos digitais para lavagem de fundos ilícitos. A mega operação ocorreu em 23 províncias, regiões e …

#CancelCanadaDay. População quer pôr fim ao Dia do Canadá

Uma cidade canadiana e uma "Primeira Nação" do país cancelaram formalmente o Dia do Canadá alegando que não querem continuar a homenagear a "tentativa de genocídio" contra os povos indígenas. A prefeita da cidade de Victoria, …

Plástico é responsável por 80% do lixo nos oceanos

Um estudo global publicado na quinta-feira revelou que 80% do lixo encontrado nos oceanos é composto por plástico, sobretudo sacolas e garrafas. Em seguida surge o metal, vidro, roupas e outros artigos têxteis, borracha, papel …

Governo sabia da partilha de dados de ativistas russos desde março

O Governo sabia do envio para a embaixada russa dos dados pessoais dos manifestantes anti-Putin desde março. A notícia foi avançada pela RTP. Os ativistas russos revelaram que a sua queixa sobre a atitude da Câmara …

Nome "Donald" atingiu um recorde de baixa popularidade nos EUA

Donald Trump parece ter garantido que será o "Donald" mais notável dos próximos anos, já que o nome do ex-presidente dos Estados Unidos atingiu o recorde de baixa popularidade, em 2020. Um novo relatório da Social …

Euro2020. Eriksen caiu inanimado no relvado, mas já está "estável"

O encontro entre Dinamarca e Finlândia, da primeira jornada do Grupo B do Euro2020, foi interrompido ao minuto 43 depois do médio Christian Eriksen ter caído inanimado do relvado. O jogador do Inter Milão, de 29 …

Hungria quer proibir conteúdos sobre homossexualidade a menores de 18

O Governo conservador húngaro preparou nova legislação que proíbe a exibição de material pornográfico de qualquer tipo e de quaisquer conteúdos que encorajem a mudança de género ou a homossexualidade a menores de 18 anos. O …