/

Cada vez mais turistas escolhem fazer férias onde possam ir às compras

1

A Organização Mundial do Turismo, OMT, está a chamar a atenção para um factor decisivo na hora de muitos turistas escolherem o destino das férias: a possibilidade de se fazer compras.

Numa conferência sobre o tema, em Madrid, a OMT destacou que este segmento deve ser encarado como prioridade pelas cidades que querem promover-se como um bom destino turístico

As experiências em lojas pequenas e com produtos locais são mais atraentes para os turistas do que grandes marcas, explicou Jörn Gieschen, um especialista do sector.

Já o director de turismo de França, Michel Durrieu, salientou que as compras e a gastronomia devem ser incluídas em qualquer estratégia do sector.

São os chineses quem mais gasta

Segundo um relatório da OMT sobre turismo de compras, os chineses são os que mais gastam durante as suas viagens internacionais.

Em 2013, o turismo proveniente da China representou 120 mil milhões de euros em receitas em todo o mundo.

A OMT calcula que até 2020 os cidadãos da China farão 200 milhões de viagens internacionais por ano.

Os países imediatamente a seguir com turistas que mais gastam em viagens, segundo o relatório global da OMT, são os americanos, os alemães, os ingleses e os russos.

Uma questão de status

O Brasil é um dos países mencionado no estudo, devido às altas taxas de importação do país, que “criaram uma janela de oportunidade para compras fora do país”.

Em 2012, o Brasil ficou em 13° lugar no mundo em termos de gastos com o turismo internacional, ultrapassando os 20 mil milhões de euros.

Segundo o relatório da OMT, tal como os chineses, “a motivação de viajar para os brasileiros está muito relacionada com o estatuto social“.

A Europa é o principal destino de férias dos brasileiros, interessados “no refinamento da arte e do design” de cidades como Barcelona, Londres, Lisboa e Berlim.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

25% das gastos é em compras

Os Estados Unidos também são outro país preferido dos turistas. Nova Iorque, que recebe 53 milhões de visitantes por ano, é outro caso estudado no documento.

Fazer compras é a actividade mais popular entre turistas nacionais e internacionais que visitam a cidade.

Segundo os cálculos da organização oficial de turismo e marketing de Nova Iorque, por cada dólar gasto pelos turistas na cidade, 25 centavos são para as compras.

Em 2012, os visitantes gastaram mais de 7,3 mil milhões de euros nas lojas da cidade.

R-ONU

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.