Bebé morta e irmã desaparecida em Caxias. Há suspeitas de violência doméstica

(dr) João Miguel Rodrigues / CM

Uma bebé de 19 meses morreu, esta segunda-feira à noite, na praia da Giribita, em Caxias, Oeiras, e a irmã de 4 anos está desaparecida. O caso já está a ser investigado pela Polícia Judiciária.

Não se sabe em que circunstâncias ocorreu esta tragédia, apenas que o alerta foi dado às autoridades, por volta das 21h de segunda-feira, por um taxista que viu a alegada mãe das duas crianças a sair da água em estado de choque e com sinais de hipotermia.

Informações confirmadas à TSF pelo porta-voz da Marinha, o comandante Paulo Vicente, que revela ainda que a bebé de 19 meses foi alvo de manobras de reanimação, sem êxito, acabando por ser dada como morta no areal.

O capitão do porto de Lisboa, Malaquias Domingues, referiu à SIC Notícias que o taxista reportou ter visto a mulher “em pânico” e que lhe disse que as filhas estavam dentro da água.

No local, as autoridades terão encontrado “um automóvel que pertence a esta família”, refere o Correio da Manhã, notando que a alegada mãe das crianças estaria desaparecida desde a passada sexta-feira.

Terá sido o marido a comunicar o desaparecimento da mulher às autoridades, de acordo com o jornal.

A CMTV apurou entretanto, que este casal estava junto há cinco anos e que existia um quadro de violência doméstica, acrescido de um alegado abuso sexual por parte do pai sobre a menina de 4 anos, razões que terão motivado a saída de casa da mulher.

A Polícia Judiciária já está a investigar o caso.

O Jornal de Notícias refere que é “convicção das autoridades que a mulher terá tentado o suicídio, acabando, no entanto, por sobreviver e provocando a morte das duas filhas”.

A mulher, que estará internada no Hospital de Santa Maria, terá sido interrogada, durante a madrugada, por elementos da Secção de Homicídios da Polícia Judiciária, de acordo com o JN.

As buscas pela criança desaparecida foram retomadas esta terça-feira de manhã, depois de terem sido suspensas por volta das duas da madrugada. Decorrem no mar e em terra com meios reforçados.

SV, ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Isto é demasiado forte para ser verdade, nem pai nem mãe pelos vistos valem um pataco e as autoridades pelos vistos já informadas de que a situação familiar não funcionava bem simplesmente parece terem ignorado o alarme como acontece frequentemente, pobres criancinhas inocentes!

  2. É uma vergonha SS , polícia respectivas entidades avisadas e nada fizeram! Foi preciso o desespero daquela mãe fazer o menos correto para agora tudo agir. E o pai de certo que anda à solta??!! É uma vergonha !!!! Pobres inocentes, e pobre mãe que não teve cabeça em vez de procurar a morte das filhas e dela e o mata se a ele desgraçado. Neste país é assim mesmo só depois de mortos é que se age!!!

RESPONDER

Centros de instalação do SEF lotados. Migrantes colocados em cadeias e quartéis

Os centros que o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) tem para instalar os migrantes que aguardam execução das decisões de expulsão estão lotados. O Diário de Notícias adianta esta sexta-feira que os quatro espaços que …

Estrutura do Montepio é "insustentável a prazo". Reestruturação avança em Outubro

O Banco Montepio vai avançar com uma reestruturação em Outubro. Para já, ainda não se sabe quantos funcionários deverão deixar a instituição, mas é certo que a actual estrutura é "insustentável a prazo". Nas reuniões do …

Enquanto estava em coma, bens de Navalny foram congelados pela justiça russa

Oficiais de justiça russos congelaram as contas e uma parte do apartamento do opositor ao governo Alexei Navalny quando este permanecia em coma após um presumível envenenamento no final de agosto, indicou esta quinta-feira a …

Mais cinco mortes e 899 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta sexta-feira, mais cinco mortes e 899 novos casos de infeção por covid-19 em relação a quinta-feira, mostra o boletim mais recente da Direção-Geral de Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da …

Governo de Bolsonaro bate recorde de aprovação durante a pandemia

A aprovação do Governo brasileiro, presidido por Jair Bolsonaro, subiu para 40%, a maior percentagem desde o início do seu mandato, iniciado em janeiro de 2019, segundo uma sondagem do Instituto Ibope divulgada na quinta-feira. A …

Número de casos baixa nos EUA. Na Bélgica, deixa de ser obrigatório usar máscara na rua

A pandemia tem assolado toda a população mundial, mas há países que têm sofrido mais com o aumento de número de infetados e com mortes. Apesar de serem um dos países mais afetados, os EUA …

Seis enfermeiros infetados e cirurgias canceladas no hospital de Beja

O hospital de Beja detetou esta quinta-feira seis enfermeiros do bloco operatório infetados com Covid-19 e cancelou algumas cirurgias programadas por questões de segurança, disse à agência Lusa a presidente da Unidade Local de Saúde …

Reformas na função pública subiram para 43% (e um quinto são professores)

Mais de 6.500 trabalhadores das administrações públicas aposentaram-se na primeira metade deste ano, o que representa um crescimento de 43% face ao mesmo período de 2019. A maioria das saídas deriva de áreas como a …

“Arma de diagnóstico”. Teste que distingue covid-19 de outras infeções respiratórias chega a Portugal

A Unilabs vai disponibilizar um teste que permite “diferenciar o novo coronavírus de outros tipos de infeções respiratórias sazonais”, auxiliando os clínicos a realizarem diagnósticos mais precisos. “A ideia era tentarmos ter uma ferramenta de diagnóstico …

Jovem de 23 anos morre baleada em ação da PSP. Polícias vão alegar legítima defesa

Uma jovem de 23 anos morreu, na madrugada de quinta-feira, na sequência de ferimentos causados por uma arma de fogo, após uma intervenção policial em São João da Madeira. A mulher, de 23 anos, morreu na …