Equipa com astrónomos portugueses descobre planetas que podem ter água

ESA / Hubble & NASA, J. Dalcanton

Sistema Arp 195, composto por três galáxias

Uma equipa internacional de astrónomos, incluindo portugueses, descobriu um sistema de planetas fora do Sistema Solar que podem ter água à superfície, no interior ou na atmosfera, divulgou esta quinta-feira o Observatório Europeu do Sul (OES).

A descoberta, para a qual contribuíram vários investigadores nacionais e estrangeiros do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), em Portugal, é descrita num artigo publicado esta quinta-feira na Astronomy & Astrophysics, noticiou a agência Lusa.

O sistema planetário em causa dista 35 anos-luz da Terra, é constituído possivelmente por cinco planetas (em dúvida está ainda o quinto planeta) que orbitam a estrela L 98-59 e foi observado com um espetrógrafo do telescópio VLT, operado no Chile pelo OES, organização da qual Portugal faz parte.

Segundo os astrónomos, três dos planetas extrassolares são rochosos e podem conter água no seu interior ou nas atmosferas: os dois planetas mais próximos da estrela são provavelmente secos, mas podem ter pequenas quantidades de água, enquanto o terceiro poderá ter até 30% da sua massa formada por água.

A equipa suspeita que exista um quinto planeta na chamada “zona habitável”, a uma distância da estrela que lhe permite ter água líquida na sua superfície (uma condição essencial para a vida tal como se conhece).

“O planeta na zona habitável pode ter uma atmosfera que poderia proteger e sustentar a vida”, afirmou, citada em comunicado pelo OES, a astrónoma María Rosa Zapatero Osorio, do Centro de Astrobiologia de Madrid, em Espanha.

“Estamos, finalmente, a aproximarmo-nos cada vez mais da deteção de um planeta terrestre na zona habitável da sua estrela, do qual poderemos estudar a atmosfera”, sustentou o primeiro autor do artigo, Olivier Demangeon, investigador do IA que liderou a análise de dados e descobriu o quarto e o possível quinto planeta.

À Lusa, Susana Barros, igualmente investigadora do IA e coautora do artigo, disse que, a confirmar-se em novas observações, este quinto planeta “pode ser um dos melhores candidatos” para o estudo de planetas fora do Sistema Solar potencialmente habitáveis que estão “relativamente perto do Sol”.

No sistema L 98-59, o planeta mais interior terá metade da massa de Vénus, o que, de acordo com a equipa, torna-o no exoplaneta mais leve alguma vez medido com o método de velocidades radiais, que consiste em calcular a oscilação provocada numa estrela pela aceleração gravitacional de um planeta em órbita.

Para Susana Barros, trata-se de “um marco” fruto de “muitos anos de desenvolvimento instrumental com participação portuguesa e de desenvolvimento de técnicas de análise de dados também com forte participação de membros” do instituto onde trabalha, que tem liderado a “medição da composição de planetas parecidos com a Terra” com o espetrógrafo ESPRESSO do telescópio VLT e a “caracterização das estrelas que os planetas orbitam”.

Os astrónomos já tinham detetado em 2019, com o telescópio espacial TESS, da NASA, três dos planetas, mas desconheciam que eram rochosos como a Terra e que podem conter água, o que só foi possível concluir graças às observações feitas com o instrumento do telescópio VLT, instalado no deserto chileno de Atacama.

Nuno Santos, investigador do IA que também participou no estudo, realçou à Lusa o “papel fundamental” da equipa do instituto no “desenvolvimento e construção do ESPRESSO”, em parceria com a indústria, que lhe “permitiu estar na liderança desta descoberta”.

A equipa internacional de astrónomos espera aprofundar o estudo dos planetas do sistema L 98-59, em particular as suas atmosferas para detetar bioassinaturas de vida, com os telescópios James Webb, com lançamento previsto para o espaço no final de 2021, depois de sucessivos adiamentos, e ELT, o maior telescópio ótico do mundo em construção no Chile e com “mão” científica e tecnológica portuguesa.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Aos 101 anos, Ginny é a "Senhora Lagosta" e não planeia reformar-se

Virginia Oliver continua a trabalhar na pesca da lagosta, apesar de já ter 101 anos de idade. 'Ginny' não planeia reformar-se e já se tornou um meme na internet. Virginia 'Ginny' Oliver tem 101 anos e …

Dinamarca. Reclusos condenados a prisão perpétua proibidos de iniciar novos romances

Os reclusos que cumprem prisão perpétua na Dinamarca serão proibidos de iniciar novos relacionamentos amorosos, decisão proposta pelo governo após uma jovem de 17 anos se apaixonar por Peter Madsen, que assassinou a jornalista Kim …

Casal queria que o seu filho se chamasse Vladimir Putin. A Suécia não deixou

Na Suécia, os pais são obrigados a comunicar os nomes dos seus filhos recém-nascidos ao Skatteverket nos primeiros três meses a partir do nascimento. Um casal sueco, que vive na cidade de Laholm, foi proibido pela …

44 jogos seguidos sem ganhar. Mas o presidente não está preocupado

O Atlético Mogi não vence qualquer jogo oficial há mais de quatro anos. Perdeu em 42 desses 44 duelos. 17 de Junho de 2017 foi o último dia em que o Atlético Mogi venceu um jogo …

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros

O secretário-geral do PS, António Costa, indicou hoje, em Celorico de Basto, no distrito de Braga, que os municípios “vão passar a ter, a partir de abril, mais mil milhões de euros que acompanham a …

Mais de trinta anos após ter sido lançada ao mar no Japão, mensagem em garrafa é encontrada no Hawaii

Durante uma viagem ao Hawaii, uma jovem de apenas 9 anos encontrou uma garrafa que foi lançada ao mar há mais de trinta anos. Esta continha uma mensagem que, posteriormente, acabou por revelar uma experiência …

Mais 939 infeções, sete mortes e nova redução nos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 939 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, sete mortes atribuídas à covid-19 e nova redução nos internamentos em enfermaria e cuidados intensivos. De acordo com o boletim epidemiológico da …

Milionário norte-americano Robert Durst condenado por matar melhor amiga

O milionário norte-americano Robert Durst, tornado famoso por um documentário do canal HBO, foi condenado na sexta-feira num tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, por matar a melhor amiga, um crime que remonta a …

Em Inglaterra, há crianças de 16 anos que vão passar a viver em alojamentos não regulamentados

A 9 de setembro, foi aprovada uma nova lei em Inglaterra, segundo a qual as crianças com 16 e 17 anos podem ser colocadas em alojamentos não regulamentados. O sistema de acolhimento de crianças inglês está …

Suspeitos numa mota sem matrícula dispararam na direcção de candidata do CDS

A candidata do CDS à Junta de Freguesia de Palmela, em Setúbal, foi surpreendida, na noite de sexta-feira, por disparos de caçadeira, protagonizados por "duas pessoas sem capacete", numa mota sem luzes, nem matrícula. O incidente …