Astrónomos descobrem o gigante que moldou os Primórdios da Via Láctea

René van der Woude, Mixr.nl

Impressão de artista de Encélado a ser devorado por uma galáxia parecida com a Via Láctea.

Há cerca de 10 mil milhões de anos, a Via Láctea fundiu-se com uma grande galáxia. As estrelas dessa parceira, de nome Gaia-Encélado, compõem a maior parte do halo da Via Láctea e também moldaram o seu espesso disco, dando-lhe a sua forma inchada.

Uma descrição dessa megafusão, descoberta por uma equipa internacional liderada pela astrónoma Amina Helmi, da Universidade de Groninga, foi publicada no passado dia 31 de outubro na revista científica Nature.

As galáxias grandes como a nossa Via Láctea são o resultado de fusões entre galáxias mais pequenas. Uma questão notável é se uma galáxia como a Via Láctea é o produto de muitas fusões pequenas ou de algumas grandes.

A professora de astronomia Amina Helmi, da Universidade de Groninga, passou a maior parte da sua carreira à procura de “fósseis” na nossa Via Láctea, que podem fornecer algumas pistas sobre a sua evolução. Ela usa a composição química, a posição e a trajetória das estrelas no halo para deduzir a sua história e, assim, identificar as fusões que criaram a jovem Via Láctea.

Segundo lançamento de dados do Gaia

O recente segundo lançamento de dados da missão do satélite Gaia, no passado mês de abril, forneceu à professora Helmi dados sobre cerca de 1,7 mil milhões de estrelas.

Helmi esteve envolvida no desenvolvimento da missão Gaia durante cerca de vinte anos e fez parte da equipa de validação do segundo lançamento. Ela usou agora os dados para procurar vestígios de fusões no halo: “Nós esperávamos estrelas de galáxias fundidas no halo. O que não esperávamos era descobrir que a maioria das estrelas no halo têm uma origem partilhada numa fusão muito grande.”

Disco espesso

E foi o que encontrou. A assinatura química de muitas estrelas do halo era claramente diferente das estrelas “nativas” da Via Láctea. “E pertencem a um grupo bastante homogéneo, o que indica que partilham uma origem comum”.

Ao traçar a trajetória e a assinatura química, as “invasoras” destacam-se claramente. Helmi: “As estrelas mais jovens de Gaia-Encélado são na realidade mais jovens do que as estrelas nativas da Via Láctea no que é hoje a região do disco espesso. Isto significa que a progenitora deste disco espesso já estava presente quando a fusão ocorreu e Gaia-Encélado, devido ao seu grande tamanho, abanou-o e inchou-o.”

Num artigo anterior, Helmi já havia descrito uma enorme “bolha” de estrelas que partilhavam uma origem comum. Agora, ela mostra que as estrelas dessa bolha no halo são os detritos da fusão da Via Láctea com uma galáxia que era um pouco mais massiva do que a Pequena Nuvem de Magalhães, há cerca de dez mil milhões de anos. A galáxia é chamada Gaia-Encélado, em honra ao Gigante Encélado que, na mitologia grega, nasceu de Gaia (a deusa da Terra) e Úrano (o deus do Céu).

Os dados sobre a cinemática, química, idade e distribuição espacial das estrelas nativas da Via Láctea e os remanescentes de Gaia-Encélado lembraram Helmi de simulações realizadas por um ex-aluno de doutoramento, há aproximadamente dez anos.

As suas simulações da fusão de uma galáxia grande em forma de disco com a jovem Via Láctea produziram uma distribuição de estrelas de ambos os objetos, que está em linha com os dados do Gaia. “Foi incrível ver os novos dados do Gaia e perceber que já tinha visto isto antes!,” conclui a astrónoma.

// CCVAlg

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Permitam-me apenas congratular a ZAP por incluir artigos de cosmologia por entre um espectro tão alargado de assuntos. Não só trazem a ciência para mais perto da população como promovem o conhecimento sobre as nossas origens. É um dos motivos porque abro sempre com entusiasmo os e-mails com notícias da ZAP – saber que provavelmente vou encontrar novidades científicas, desde a biologia à cosmologia. Fico também satisfeito por saber que provavelmente conseguem também despertar o interesse a cidadãos comuns. Muito bem.

RESPONDER

Aeronave autónoma é uma alternativa acessível aos satélites (e já fez o seu primeiro voo)

A empresa Swift Engineering, em parceria com o Ames Research Center, da NASA, desenvolveu uma alternativa acessível aos satélites: uma aeronave autónoma de alta altitude e longa resistência. Já nasceu a alternativa acessível aos satélites: chama-se …

Reservas naturais chinesas salvaram os pandas da extinção (mas "esqueceram-se" dos leopardos)

Uma nova investigação revela que os esforços da China para salvar os pandas gigantes foram bem sucedidos, mas os mesmos falharam na proteção de outros animais que partilham o mesmo habitat, como é o caso …

Comunidade científica critica Trump por dizer que NASA estava "morta"

Na quarta-feira, o Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, afirmou no Twitter que "a NASA estava fechada e morta" até que o próprio fez com que voltasse a funcionar, afirmação que gerou consternação na …

É "bastante provável" que chegue à Europa uma Cybertruck de menores dimensões

É "bastante provável" que uma Cybertruck de menores dimensões venha a ser produzida e chegue depois ao mercado europeu, revelou Elon Musk, CEO da Tesla, empresa que produz estas pickups elétricas. Questionado na rede social …

Mais seis mortos e 131 novos casos em Portugal nas últimas 24 horas

Portugal regista hoje mais seis mortos e 131 novos casos de infeção por covid-19 em relação a sábado, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde. O número de pessoas internadas é de 366, mais nove …

"Erro" do Instagram favoreceu conteúdo de Trump face ao de Biden

Um "erro" da rede social Instagram favoreceu durante dois meses o conteúdo gerado pela campanha de reeleição do atual Presidente norte-americano, Donald Trump, quando comparado com as publicações de Joe Biden, candidato democrata que está …

Fotografia partilhada nas redes sociais levou à suspensão de alunos nos Estados Unidos

Pelo menos dois alunos da North Paulding High School, no estado da Georgia, dizem ter sido suspensos depois de terem partilhado nas redes sociais uma fotografia na qual é possível ver um corredor da escola repleto …

Estado de Nova Iorque com mais mortes por Covid-19 do que França ou Espanha

Os Estados Unidos registaram 1.252 mortos e 63.913 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins. Os últimos números de casos e óbitos registados devido a Covid-19 …

Turistas voltam a viajar, mas optam pelo low-cost

Mesmo num contexto de pandemia mundial o desejo de ir de férias continua vivo. Os turistas voltaram a procurar voos, contudo as opções recaem em percursos de curta distância e mais económicos. Ao longo dos últimos …

Ventura anuncia recandidatura ao Chega e só sai do parlamento quando “metade daquela esquerda" sair

André Ventura anunciou esta noite a recandidatura à liderança do Chega, numa cerimónia em Leiria em que disse que só vai sair do parlamento “quando metade daquela esquerda sair”. “Estamos a fazer uma revolução democrática e …